Personalidade | De Mãe para Mãe

Está aqui

Personalidade

Responda
11 mensagens
Elisabeth Pinto -
Offline
Desde 18 Abr 2017

Olá a todas. Tenho 1 filha com 10 anos.
Quando era peqena era tranquila, cheia de vida, sempre na brincadeira, sempre muito faladora e resmungona mas quando se falava em arrumar brinqedos e isso era um problema!!! Mas lá arrumava.
Hoje é na mesma uma rapariga cheia de vida e tudo o mais, acontece que além de resmungar falta-nos ao respeito no modo como fala. E no qe se trata de arrumação nem se fala!!!! É super teimosa, eu e o pai colocamo-la de castigo muitas vezes pra ver se aprende a respeitar e isso mas não adianta...
Passo-me muitas vezes dos carretos com ela, porqe já não sei o qe fazer!!!!
Já lhe explicamos qe tem qe ajudar em casa, principalmente a mim pois estando de bebé e o pai a trabalhar de noite, somos só nós as 2 em casa e há coisas qe ela já pode ir fazendo.
Mas só qer saber de brincar, ver TV, sarrabiscar, etc....
Já não sabemos o que fazer, só veste o qe qer e ninguém pode dizer nada...
Não somos de bater, acho qe lhe bati + em peqena qe agora, ralho-lhe muito e berro muito com ela porque me tira mesmo do sério!!!!

Alguém passou semelhante???
Eu penso qe + pra frente muda mas começo a pensar se não irá ser pra pior...

Obrigada a qem responder e desculpem o texto gigante.

Minha 1ª filha nasceu a 5-9-2007,chama-se Angélica,uma peste Sorriso
Minha 2ª gravidez aconteceu em Abril de 2016 mas em Julho infelizmente perdi espontâneamente Triste
Meu 2º filho da 3ª gravidez nascerá a 12-1-2018

Sofia Guerreiro -
Offline
Desde 08 Maio 2009

Cá em casa tb não gostavam muito de ajudar, mas com a inserir tabelas com recompensa a coisa começou a funcionar.Parecido com as tabelas de comportamento na escola. Entrada nos escuteiros tb veio facilitar bastante.
Já vi ela tem uma personalidade forte, tem tendência a piorar infelizmente, faz tipo tabela de escalas de ajuda tipo tarefas tuas, e delas, e do Pai, se ela cumprir a tarefa depois é compensada, senão há castigo.
Quando irmão nascer, deixa-a ser ela ajudar a fazer tarefas mais simples. Outra coisa se ela deixar desarmado não arrumes, eu faço isso com os meus, depois vem perguntar aonde está, eu respondo está aonde deixas-te. No outro dia a mais nova esteve aqui em casa a brincar com a filha da vizinha, desarrumaram a sala toda, depois levaram ultimato não iam almoçar sem ter sala arrumada, resmungaram mas foram arruma-la.
Eles tentam vencer pelo cansaço pela personalidade e teimosia mas, temos ser mais espertos do que eles.

Submetido por Sofia Guerreiro em Qua, 04/10/2017 - 15:35
ClaraMiguel -
Offline
Desde 03 Nov 2013

Porque não fazer uma lista: a cada dia uma ou duas tarefas com o compromisso que se as fizer, depois pode ir brincar/ver televisão/etc porque os pais não dão mais tarefas?
Ou fazer as tarefas com ela. Se ela não quiser ajudar, dizer-lhe que não faz mal mas que não pode ir a lado nenhum e tem de ficar ali. E enquanto faz a tarefa ir dizendo que realmente é um bocado seca estar assim parada sem fazer nada quando podia dar uma mãozinha e despacharem-se assim muito mais depressa as duas para depois irem brincar.

Quanto ao responder torto, por casos que já vi, quanto mais tempo passar pior. Neste momento ela não vos respeita e não há grande razão para isso melhorar. Têm de ser vocês a fazerem-se respeitar mas não sei se berrar e ralhar será o melhor caminho pois esse é o exemplo que lhe dão. Falar baixo, calmamente e ser consistente no que se diz é capaz de ter melhores resultados pois ela estará mais receptiva a ouvir-vos.

Por fim, não esquecer de elogiar sempre que ela arruma ou responde educadamente, aproveitando para dizer que assim os pais ficam mais contentes com ela e que ela tem mais tempo para brincar/mais mimos, etc....

Submetido por ClaraMiguel em Qua, 04/10/2017 - 15:46
Elisabeth Pinto -
Offline
Desde 18 Abr 2017

Só não fazemos tabelas... De resto fazemos como já disseram., não arrumar o qe desarruma, falar educada e calmamente mas mesmo assim só dura 1/2 dias delois volta ao mesmo... O pai assume a responsabilidade de educar ele a filha ao fim de semana qe é quando está em casa e tem tempo pra ela e eu durante a semana faço o que posso... Já me disseram que quando o irmão nascer, ela muda...
Já se prontificou a ajudar com o bebé mas as fraldas pra mudar ficam pra nós lol.
Até o quarto já disse qe não faz mal o dividir ou trocar com o do irmão já que o dele é pouco + pequeno que o dela...
Mas não sei... Até os trabalhos de casa não qer fazer.
Acho que vou dar tempo ao tempo e ver... Eu também era teimosa mas fazia as coisas quando pedidas se bem que as vezes não fazia... Já a minha filha.... Depois dizem que sou demasiado dura e rispida com ela

Submetido por Elisabeth Pinto em Qua, 04/10/2017 - 20:05

Minha 1ª filha nasceu a 5-9-2007,chama-se Angélica,uma peste Sorriso
Minha 2ª gravidez aconteceu em Abril de 2016 mas em Julho infelizmente perdi espontâneamente Triste
Meu 2º filho da 3ª gravidez nascerá a 12-1-2018

SU NEVES -
Offline
Desde 19 Nov 2012

Mama digo lhe isso se não for estabelecido já nunca mais a segura. Ela também pode estar um pouco agitada pela chegada de um mano mas mesmo assim e melhor dar atenção agora senão aos 13/14 já nada a segura. O meu filho sempre foi muito respeitador mas tarefas não era com ele. Quando chegou aos 14 teve uma fase terrível ate pra tomar banho era preciso ralhar. Depois andava com uns amigos que estavam se borrifando para a escola, e ele queria mostrar que era fixe e tal olha reprovou no 9° ano. Em pouco tempo mudou de atitude porque nos também,verdade seja dita andávamos sempre em cima dele. Agora voltou a ser o mesmo bem educado mas as tarefas essas ainda não as faz a primeira mas devagar com paciência muita paciência lá faz. Certas alturas tenho mesmo de respirar fundo pra me acalmar pois odeio barulho e não gosto nada de ralhar. Tente levala a bem do tipo " podes ajudar a mãe a fazer a cama?" fale como que a pedir um favor. Olhe não sei se vai resultar mas CA em casa funciona assim e muito raramente ele já pergunta se preciso de ajuda. Boa sorte.

Submetido por SU NEVES em Qua, 04/10/2017 - 23:32
Sobre SU NEVES

2001 nasceu o meu Leandro
Treinante 2º viagem desde 09/2014

Elisabeth Pinto -
Offline
Desde 18 Abr 2017

A chegada do irmão realmente está a deixa-la muito ansiosa... Foi sempre sozinha cá em casa, quase todos os fins de semana vêm cá os primos e assim mas foi sempre a única menina e ela sente isso... Será também por isso???

Continuo a achar que educar meninas é + complicado qe meninos..
Digo isto porqe tomei conta dum dos meus irmãos desde qe tinha 6m até à idade escolar, 6a. E não tive muito qe me qeixar, ele vem cá a casa e nem é preciso pedir pra ajudar, já a minha filha quase imploro pra ir pro banho, pra arrumar o quarto, estudar etc....

Vou fazer as coisas com + calma e respirando fundo varias vezes a ver se resulta.

Tenho medo da fase dos 13/16 anos, por isso esta inquietação toda

Submetido por Elisabeth Pinto em Qui, 05/10/2017 - 11:01

Minha 1ª filha nasceu a 5-9-2007,chama-se Angélica,uma peste Sorriso
Minha 2ª gravidez aconteceu em Abril de 2016 mas em Julho infelizmente perdi espontâneamente Triste
Meu 2º filho da 3ª gravidez nascerá a 12-1-2018

guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

Eu acho que tem de ter um bocado de calma e escolher bem as guerras que são importantes e deixar de lado as que não são, por agora. Não se esqueça que a sua filha só tem 10 anos, é normal que quando chega da escola queira brincar, ver tv, descansar e precisa desse tempo para ela. Claro que tem fazer os tpc e estudar, mas isso não será suficiente para já? Não estará a exigir de mais, ao querer que ainda ajude em casa com essa idade? Podem chegar a um acordo que arrume o seu quarto e colabore numa ou noutra tarefa (pôr a mesa, dobrar roupa ou coisas assim), mas estabeleça essas (poucas) tarefas e pronto.
Aos 10 anos é normalíssimo refilarem por tudo e por nada, muitas vezes o que é preciso é desvalorizar e dizer "está bem, refila à vontade, diz o que te apetecer mas vais tomar banho agora e vais mesmo". Outra coisa é faltar ao respeito, aí não pode haver tolerância. Só mesmo a Elisabeth para saber até onde a pode deixar ir (atrevo-me a dizer que uma miúda de 10 anos que obedecesse a tudo sem contestar tinha um problema psicológico...lol) e onde está a linha limite.
Outra coisa é que diz que o pai se encarrega da disciplina ao fim de semana...não sei se percebi bem, mas isso quer dizer que naqueles dois dias o pai "cobra" tudo o que fez de errado durante a semana? O pai é a figura castigadora? Com essa idade a relação pai-filha é um bocado complicada, se calhar ela precisa muito que o pai (já que não o vê durante a semana) seja aquele que a leva ao parque, que joga com ela, que a leva ao cinema..
Outra coisa tem a ver com a chegada do irmão, não é por não ser um bebé que não tem ciúmes e medo de ser deixada de lado. Pelo contrário, como já tem outra consciência, estes medos podem estar a abalá-la muito. Quando o bebé nascer, tenham muito cuidado em dar-lhe mimo e fazê-la sentir que é importante. Em relação às tarefas com o bebé, devem envolvê-la, incentivá-la a participar, mas sem caráter de "obrigação".

Submetido por guialmi em Qui, 05/10/2017 - 12:13
Elisabeth Pinto -
Offline
Desde 18 Abr 2017

Pois, talvez esteja a ser rígida de mais pra ela, vou tentar ser mais paciente e tentar entende-la..

Em relação ao pai, ele só tem o fim de semana e não é todo, pois chega a casa no final da madrugada todos os dias inclusive sábado, então tira a manhã pra descansar ficando com a tarde e o dia todo de domingo,.
Eu disse qe ao fim de semana educa ele a menina pra ele próprio poder ver como ela é e porque chocamos tanto as 2...

Como temos quintal e andamos com algumas obras, ao fim de semana é ele qem trata do exterior da casa e agora com o bebé a caminho vai ele tratar do quarto..

Mas ambos entendem-se bem... O pai não precisa de lhe pedir ajuda qe ela faz o qe o pai precisar mas comigo é 1conflito...talvez tenha errado em alguma coisa, tenho qe descobrir.

Obrigada a todas pela ajuda

Submetido por Elisabeth Pinto em Qui, 05/10/2017 - 15:36

Minha 1ª filha nasceu a 5-9-2007,chama-se Angélica,uma peste Sorriso
Minha 2ª gravidez aconteceu em Abril de 2016 mas em Julho infelizmente perdi espontâneamente Triste
Meu 2º filho da 3ª gravidez nascerá a 12-1-2018

guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

Não errou em nada, filhas e mães é sempre uma relação turbulenta Sorriso Descontraia, aproveite bem estas últimas semanas de gravidez e leve a miúda a comer um gelado que está muito calor! A sério, desde que mantenha os canais de comunicação abertos com a sua filha, tudo se vai gerindo,palavra de mãe de gémeas com 14 anos que por vezes me dão vontade de arrancar os cabelos (meus e delas)!

Submetido por guialmi em Qui, 05/10/2017 - 16:44
Elisabeth Pinto -
Offline
Desde 18 Abr 2017

Mamã Guialmi, é isso qe me dá vontade às vezes lol.

Tem dias qe dá pra lhe falar, outros melhor nem dizer nada qe amua logo.

Obrigada, beijinhos

Submetido por Elisabeth Pinto em Sex, 06/10/2017 - 15:05

Minha 1ª filha nasceu a 5-9-2007,chama-se Angélica,uma peste Sorriso
Minha 2ª gravidez aconteceu em Abril de 2016 mas em Julho infelizmente perdi espontâneamente Triste
Meu 2º filho da 3ª gravidez nascerá a 12-1-2018

Moranguita2017 -
Offline
Desde 03 Out 2017

Tente fazer tabela com as tarefas e diga-lhe se cumprir as tarefas ganhará um prêmio (por exemplo ver TV um pouco mais de tempo do que o habitual,uma ida ao cinema,etc).
Pelo que vejo pela barra de idade a sua menina tem 10anos está a entrar numa fase complicada da pré_adolescencia,tente ter calma sente-se com ela converse faça-lhe ver que tem de falar com modos e respeitar os pais.
O gritar com ela a meu ver não é nada saudável nessa situação porque ela vê que você grita e depois mais tarde pode ter tendência a gritar consigo também .tente ter calma nem que nesses momentos mais complicados saia de ao pé da sua filha vá para outra divisão da casa por breves minutos e quando se sentir mais calma converse calmamente com ela.ate porque ela está numa idade já um pouco complicada (chamada a entrada da pre-adolescencia) e com a chegada do irmão ela pode-se ressentir um pouco e até pode estar ansiosa com o nascimento.boa sorte

Submetido por Moranguita2017 em Sex, 06/10/2017 - 19:21

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?