Gravida com 19 anos | De Mãe para Mãe

Está aqui

Gravida com 19 anos

Responda
16 mensagens
marianamimo -
Offline
Desde 19 Mar 2017

ola
vim aqui, porque estou numa situação muito delicada e vim a este site acho que poderia encontrar uma resposta para me ajudar a escolher um caminho . Há 5 meses atrás fiquei gravida e contei ao meu companheiro e há minha mãe e ambos quiseram que eu abortasse e não contasse ao resto da família. Foi o que fiz. Agora descobri que engravidei outra vez de 3 meses mas nós já não estamos juntos a cerca de um mês ele já tem outra pessoa, mas decidi que mesmo assim que ia ter esta criança, pois não ia voltar a passar pelo o processo do aborto.
Mesmo tomando esta decisão como tenho 19 anos está a ser muito difícil gerir isto tudo tanto da gravidez como da separação e não sei como contar há minha família especialmente há minha mãe. Se me pudessem ajudar

Gigi_porto -
Offline
Desde 21 Fev 2017

Se já tomou a decisão de ter o bebé (parabéns!), agora deverá contar à sua mãe e ex-namorado, não tem grandes alternativas. Já é maior de idade e a sua mãe deverá respeitar a sua decisão. Conheço casos de gravidezes não planeadas em que inicialmente houve grandes resistências por parte dos pais, mas depois acabaram por aceitar, sobretudo quando o bebé nasce.
Depois de ter o seu bebé, vá por favor a uma consulta de planeamento familiar.
Felicidades para os dois!

Submetido por Gigi_porto em Seg, 20/03/2017 - 12:13
aivs -
Offline
Desde 07 Fev 2011

Já alguma vez lhe falarem em pílula e preservativos? Sabe para que é que servem? Sabe que o aborto não é um método contracetivo? Sabe que estamos a falar de uma vida?
É de uma tremenda irresponsabilidade a situação que descreve.
Se não tem capacidade para levar uma vida sexual de forma responsável, feche as perninhas. Sei que estou a ser para além de cruel consigo, mas com 19 anos, parece-me que nunca ninguém lhe explicou nada da vida.

Submetido por aivs em Seg, 20/03/2017 - 12:52
Klaire -
Offline
Desde 06 Jul 2015

Repito o que já foi dito, não podemos desatar a abortar cada vez que engravidamos, não podemos fazer disso um vício ou um hábito! Em 5 meses, 5 ciclos, engravidou duas vezes, nenhuma da gravidez foi planeada...
A primeira foi descuido, entendo... um preservativo rompe, vomita-se a pílula, falha-se uma.... mas DUAS VEZES em 5 meses???
Preservativo rompe? Pílula do dia seguinte.
Vomitou a pílula contraceptiva? Pílula do dia seguinte ou preservativo.
Esqueceu-se da pílula? Preservativo.
Preservativo rompeu? Bem, já sabe o que fazer!
Com 19 anos já eu tinha uma vida sexualmente activa e juizinho na minha cabeça! Andava a estudar, a ser uma boa menina (ou má, afinal tinha 19 anos) e tinha um trabalho part-time ao mesmo tempo para sustentar os meus vícios! Gravidez não é brincadeira, pode arruinar vidas!

Agora o que é que vais fazer? Seguir com a gravidez? E se te convencem do contrário?
Afinal, já te convenceram a matar um filho uma vez, quem garante que não convencem outra vez? E depois o que vai acontecer? daqui a 4 meses ou 3 engravidas outra vez? e repetes o processo de aborto todo outra vez?
Tens 19 a caminhar para os 20, está na altura de crescer, virar mulher e assumir responsabilidades!
Se fosses minha filha serias uma desilusão! Não por teres engravidado já 2 vezes com 19 anos, mas por teres engravidado 2 vezes sem planeares, teres matado um bebé, e agora estares grávida OUTRA VEZ, por seres irresponsável!!!
Arca com as consequências, sê uma mulherzinha e para a próxima fecha as pernocas ou diz lhe para meter a borrachinha na cabeça da pila, e tu toma pílula ou previne-te, isto são vidas que carregamos, são seres humanos que vão nascer, dar nos alegrias e tristesas, e um dia vão crescer e arranjar trabalhos e namorados, tal como nós, que já fomos o bebé de alguém, fazemos!!!
Não te vou dar dicas de como contar á tua família, desculpa, mas muito sinceramente mereces um par de estalos pela irresponsabilidade, e serão muito bem dados!!

Submetido por Klaire em Seg, 20/03/2017 - 14:38
Sobre Klaire

27/06/2014- O meu piolhito nasceu, amo-te meu docinho!
27/11/2015- Nos treinos!
22/12/2016-POSITIVO! Agarra-te bem!
01/02/2017-A nossa primeira eco ás 12s, bebé saudável e fofo
04/04/2017- Eco das 20s, É UM PILINHAS!

catisdi -
Offline
Desde 22 Jan 2013

Klaire escreveu:
Repito o que já foi dito, não podemos desatar a abortar cada vez que engravidamos, não podemos fazer disso um vício ou um hábito! Em 5 meses, 5 ciclos, engravidou duas vezes, nenhuma da gravidez foi planeada...
A primeira foi descuido, entendo... um preservativo rompe, vomita-se a pílula, falha-se uma.... mas DUAS VEZES em 5 meses???
Preservativo rompe? Pílula do dia seguinte.
Vomitou a pílula contraceptiva? Pílula do dia seguinte ou preservativo.
Esqueceu-se da pílula? Preservativo.
Preservativo rompeu? Bem, já sabe o que fazer!
Com 19 anos já eu tinha uma vida sexualmente activa e juizinho na minha cabeça! Andava a estudar, a ser uma boa menina (ou má, afinal tinha 19 anos) e tinha um trabalho part-time ao mesmo tempo para sustentar os meus vícios! Gravidez não é brincadeira, pode arruinar vidas!
Agora o que é que vais fazer? Seguir com a gravidez? E se te convencem do contrário?
Afinal, já te convenceram a matar um filho uma vez, quem garante que não convencem outra vez? E depois o que vai acontecer? daqui a 4 meses ou 3 engravidas outra vez? e repetes o processo de aborto todo outra vez?
Tens 19 a caminhar para os 20, está na altura de crescer, virar mulher e assumir responsabilidades!
Se fosses minha filha serias uma desilusão! Não por teres engravidado já 2 vezes com 19 anos, mas por teres engravidado 2 vezes sem planeares, teres matado um bebé, e agora estares grávida OUTRA VEZ, por seres irresponsável!!!
Arca com as consequências, sê uma mulherzinha e para a próxima fecha as pernocas ou diz lhe para meter a borrachinha na cabeça da pila, e tu toma pílula ou previne-te, isto são vidas que carregamos, são seres humanos que vão nascer, dar nos alegrias e tristesas, e um dia vão crescer e arranjar trabalhos e namorados, tal como nós, que já fomos o bebé de alguém, fazemos!!!
Não te vou dar dicas de como contar á tua família, desculpa, mas muito sinceramente mereces um par de estalos pela irresponsabilidade, e serão muito bem dados!!

Palmas! Palmas!

Submetido por catisdi em Seg, 20/03/2017 - 14:44
Laura Matias -
Offline
Desde 21 Jun 2015

Acho uma piada a estes comentários, aqui a julgar a torto e a direito par de estalos??? Desilusão? Mas afinal quem são vocês? Fechem vocês as perninhas, também afinal o sexo nem é assim tao necessário.
Deus é quem julga, não somos nós. Se não querem responder à pergunta de quem criou o tópico,não respondem. Mas não vale a pena escreverem este tipo de comentários
Pessoas frustadas...
O melhor é nem ejacular assim nem há risco de engravidar, ou pouco risco

Submetido por Laura Matias em Seg, 20/03/2017 - 15:35
Laura Matias -
Offline
Desde 21 Jun 2015

Acho uma piada a estes comentários, aqui a julgar a torto e a direito par de estalos??? Desilusão? Mas afinal quem são vocês? Fechem vocês as perninhas, também afinal o sexo nem é assim tao necessário.
Deus é quem julga, não somos nós. Se não querem responder à pergunta de quem criou o tópico,não respondem. Mas não vale a pena escreverem este tipo de comentários
Pessoas frustadas...
O melhor é nem ejacular assim nem há risco de engravidar, ou pouco risco

Submetido por Laura Matias em Seg, 20/03/2017 - 15:35
Klaire -
Offline
Desde 06 Jul 2015

Eu não preciso de fechar perninhas nenhumas, pois soube ser responsável e tenho a minha vida muito mais do que pronta, coisa que a autora do tópico claramente não o é, e não tem.
Para mim deus não é um argumento válido, pois na minha opinião não existe.
Há centenas de anos que as pessoas previnem gravidezes, o que só prova que ejacular dentro não é o problema, até porque para bom entendedor, nem é preciso ejacular, que pode se engravidar na mesma.
Não se engravida se as pessoas neste caso usarem proteção, o que não me parece que tenha sido o caso aqui.

Submetido por Klaire em Seg, 20/03/2017 - 15:42
Sobre Klaire

27/06/2014- O meu piolhito nasceu, amo-te meu docinho!
27/11/2015- Nos treinos!
22/12/2016-POSITIVO! Agarra-te bem!
01/02/2017-A nossa primeira eco ás 12s, bebé saudável e fofo
04/04/2017- Eco das 20s, É UM PILINHAS!

Vania Gui -
Offline
Desde 08 Jan 2016

Gigi_porto escreveu:
Se já tomou a decisão de ter o bebé (parabéns!), agora deverá contar à sua mãe e ex-namorado, não tem grandes alternativas. Já é maior de idade e a sua mãe deverá respeitar a sua decisão. Conheço casos de gravidezes não planeadas em que inicialmente houve grandes resistências por parte dos pais, mas depois acabaram por aceitar, sobretudo quando o bebé nasce.
Depois de ter o seu bebé, vá por favor a uma consulta de planeamento familiar.
Felicidades para os dois!

Concordo...

Submetido por Vania Gui em Seg, 20/03/2017 - 16:33
Sobre Vania Gui

AMO-TE FILHO <3 AMOR DA MINHA VIDA

Laura Matias -
Offline
Desde 21 Jun 2015

Tudo bem que não Deus não seja um argumento válido para si. Mas vir aqui dizer esse tipo de coisas que disse, é feio. Pode dar a sua opinião, pode. Mas a opinião que deu não foi pedida. Foi pedido sim uma opinião,para a forma como a autora do blogue irá contar a sua gravidez à família.Por isso não me parece de todo bonito vir para aqui dizer,que se fosse sua filha iria ser uma desilusão, merecia era um par de estalos e para fechar as perninhas.Afinal,não estamos a falar de si nem dos seus estamos a falar de uma rapariga que pediu uma opinião,ao qual não lhe deu sequer,limitando-se a dar lhe a sua opinião. Para ouvir este tipo de comentários já basta os que poderá vir a ouvir da família não precisa de estar a abrir mais,afinal o que está feito está feio.Sendo que agora é contar à família, e ver o que é melhor para a mãe e para o bébé,e ter algumas ajudas para poder suportar as despesas e encargos do bébé,e abre as pernas se quiser ou não ahahahah aqui ninguém é mãe de ninguém,cada uma faz o que quer e bem entende.
beijinhos,sim?

Submetido por Laura Matias em Seg, 20/03/2017 - 17:38
Klaire -
Offline
Desde 06 Jul 2015

Laura Matias escreveu:
Tudo bem que não Deus não seja um argumento válido para si. Mas vir aqui dizer esse tipo de coisas que disse, é feio. Pode dar a sua opinião, pode. Mas a opinião que deu não foi pedida. Foi pedido sim uma opinião,para a forma como a autora do blogue irá contar a sua gravidez à família.Por isso não me parece de todo bonito vir para aqui dizer,que se fosse sua filha iria ser uma desilusão, merecia era um par de estalos e para fechar as perninhas.Afinal,não estamos a falar de si nem dos seus estamos a falar de uma rapariga que pediu uma opinião,ao qual não lhe deu sequer,limitando-se a dar lhe a sua opinião. Para ouvir este tipo de comentários já basta os que poderá vir a ouvir da família não precisa de estar a abrir mais,afinal o que está feito está feio.Sendo que agora é contar à família, e ver o que é melhor para a mãe e para o bébé,e ter algumas ajudas para poder suportar as despesas e encargos do bébé,e abre as pernas se quiser ou não ahahahah aqui ninguém é mãe de ninguém,cada uma faz o que quer e bem entende.
beijinhos,sim?

Esta adolescente precisa de um choque de realidade, precisa de aprender que as coisas não são assim e que os bebés não são descartáveis! Porque pelos vistos ou a família não falou com ela ou ela ignorou-os por completo!
Ela não precisa de festinhas na cabeça e beijinhos na testa, precisa sim de aprender a ser responsável.

Submetido por Klaire em Seg, 20/03/2017 - 17:44
Sobre Klaire

27/06/2014- O meu piolhito nasceu, amo-te meu docinho!
27/11/2015- Nos treinos!
22/12/2016-POSITIVO! Agarra-te bem!
01/02/2017-A nossa primeira eco ás 12s, bebé saudável e fofo
04/04/2017- Eco das 20s, É UM PILINHAS!

Laura Matias -
Offline
Desde 21 Jun 2015

Uma pessoa com mais de 18 anos, é uma adulta. Não uma adolescente, mesmo que apresente certos tipos de comportamentos semelhantes a um adolescente e mesmo que apresente, é sempre uma adulta, não sendo tratada como adolescente.
E quer vir a senhora dar a conhecer o choque da realidade?
Não é com esse tipo de comentários que fez que vai melhorar a situação. Não é mesmo.
Com os seus comentários, destila raiva com o que está a aconetecer.Quando a senhora com estes comentários nada pode fazer, e nem vai melhorar o seu dia.

Submetido por Laura Matias em Seg, 20/03/2017 - 17:51
underthewater -
Offline
Desde 14 Mar 2014

Marianamimo. Se diz que já está de 3 meses, suponho que já tenha feito algo para saber a datação da gravidez. 3 meses equivale às 12 semanas e, se assim for, já não pode legalmente praticar uma IVG. Não há portanto risco que a obriguem a fazer o que não quer... Que, a ser lhe muito sincera, e sendo você adulta perante a lei, ninguém a pode obrigar a nada.
Assim sendo e, se realmente estiver nas 12 semanas, terá de assumir que está criança existe e lutar para lhe dar as melhores condições possíveis.
Como vai a sua mãe reagir!? Não faço ideia, mas, se espera contar com a ajuda dela para criar essa criança, convém que lhe diga o mais depressa possível e que ambas encontrem soluções para os vossos problemas.
Se a sua mãe não aprovar, terá de arranjar soluções para se sustentar a si e a um ser indefeso que não pediu para ser feito nem nascer.
Último caso há instituições que dão apoio neste tipo de situações.
Espero sinceramente que tome decisões que vão de encontro às vossas necessidades e realidades.
Fique bem

Submetido por underthewater em Seg, 20/03/2017 - 18:44
guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

Não conhecendo de todo o seu contexto social e familiar, deixo um outro caminho possível: dar o bebé para adoção. Pondere bem todas as condições que tem ou não para criar essa criança - económicas, familiares, afetivas - e decida em função do bem estar desse ser que cresce dentro de si. Do resto, acredito (espero...) que esta experiência seja suficiente para refletir sobre os seus atos e as suas consequências. Felicidades e que tudo corra bem.

Submetido por guialmi em Seg, 20/03/2017 - 19:03
su1989 -
Offline
Desde 31 Ago 2016

aivs escreveu:
Já alguma vez lhe falarem em pílula e preservativos? Sabe para que é que servem? Sabe que o aborto não é um método contracetivo? Sabe que estamos a falar de uma vida?
É de uma tremenda irresponsabilidade a situação que descreve.
Se não tem capacidade para levar uma vida sexual de forma responsável, feche as perninhas. Sei que estou a ser para além de cruel consigo, mas com 19 anos, parece-me que nunca ninguém lhe explicou nada da vida.

quando estava a ler o post pensei logo isto. mas so discordo de uma coisa a rapariga não precisa de fechar as pernas...também não sejam assim...até os bichinhos gostam!!.fazia-lhe falta era uma consulta de planeamento familiar...mas agora durante 6 meses não tem que se preocupar com isso. quanto á pergunta da autora do tópico: fale com a sua familia o mais rapidamente possivel e com muita calma. Mostre-lhes que é/ou tenciona vir a ser uma mulher e mãe responsável. acho que não existe nenhuma fórmula certa para contar da gravidez, ainda mais com o que já aconteceu no passado...mas desejo-lhe sorte para esta nova etapa e não se esqueça de ir ao médico para fazer análises e ser seguida como deve ser, voçe mais do que ninguem tem que proteger esse ser indefeso que tem dentro de si. e depois do bebé nascer PorFavor não se esqueça de ir a uma consulta para evitar as gravidezes!tem que tomar algum método contraceptivo senão vai andar sempre grávida e não me parece que seja justo para ninguem. Nem voçê nem os futuros bebés. Tudo de bom.

Submetido por su1989 em Seg, 20/03/2017 - 19:10
Sobre su1989

a vida neste momento não podia fazer mais sentido

Mama_Xana -
Offline
Desde 15 Maio 2012

Minha querida, terás que contar da melhor forma possível.
Se dizes que já estás de 3 meses já não será possível o aborto.
Espero sinceramente que tenhas como sustentar o teu bebé senão ficarão os 2 completamente dependentes da tua mãe, pelo menos numa fase inicial.
Terás também que contar ao pai, que tem todo o direito de saber o quanto antes, e terá futuramente o dever de contribuir monetariamente para o sustento do vosso filho.
Concordo com as outras opiniões, deves ir a uma consulta de planeamento familiar para que as gravidezes não planeadas não voltem a acontecer, pelo menos numa altura da tua vida em que ainda que encontras dependente. Realmente deverias ter ido a uma logo apos o aborto!, assim hoje não estarias na situação em que te encontras.
A melhor das sortes para o vosso futuro!
AH! acrescento ainda que deves contar o mais breve possível, afinal se a tua mãe vier a descobrir por conta própria será ainda pior, não?

Submetido por Mama_Xana em Ter, 21/03/2017 - 10:29

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?