ERA E KIR | De Mãe para Mãe

ERA E KIR

Responda
11 mensagens
coquinha -
Offline
Desde 13 Maio 2019

Olá
Pelo que tenho lido no forúm, estes testes só se fazem na IVI...
A minha dúvida é se efetivamente sõ se fazem nesta clínica e como é que as outras clínicas privadas e hospitais públicos encaram esta questão?
Quem tem falhas na implantação nunca engravida é isso?
Há alguém noutras clínicas que tenha feito estes testes? Onde?

Martabrsalv -
Offline
Desde 07 Jan 2018

Coquinha Sorriso

O ERA pode ser feito por qualquer médico desta área. Não é só na IVI que fazem. Tenho sido acompanhada nos Lusíadas e a minha médica mandou-me fazer o ERA. o ERA é uma biópsia que fazem ao endométrio. Essa biópsia é feira pelo médico que te acompanha e depois a amostra é enviada para o laboratório específico que fica em Espanha. O laboratório é a IGENOMIX e é a eles que se pede o KIT para o nosso médico fazer a biópsia. O ERA é para detectar se existe um desvio da janela de implantação. Cerca de 25% das mulheres têm este desvio. O que é que acontece nestes casos, e para simplificar, ao fazeres o exame, se tiveres um desvio, o laboratório vai indicar em que dia e hora específicos deve ser feita a transferência. No meu caso, eu tenho um desvio da janela de implantação, tenho um útero pré recetivo, ou seja, acho que o meu endométrio está recetivo ao embrião mais cedo do que é suposto. Ora, se a transferência é feira fora da janela de implantação, é muito pouco provável que haja implantação. Eu, a seguir a ter feito este exame, foi quando isto pegou e resultou na gravidez não evolutiva. O exame custa cerca de 750 euros. Agora, na consulta do hospital público fiquei surpreendida, pela negativa, pois pelos vistos não é uma prática mandarem fazer este exame e, para além disso, não valorizaram nada o meu exame. Achei surreal, mas eu vou voltar a insistir com o exame para não se esquecerem......
Quanto ao KIR, achop que só se faz em casos de ovodoação.

Beijinho grande

39 anos: IIU (Maio 2018): Neg. | 1ª FIV (Junho 2018): Neg. | Set. 2018 (TEC anulada) | 2ª FIV (Nov 2018): Neg. | 1ª ICSI (Março 2019): 1ª TEC 2 embrioes (Março 2019): Positivo (gravidez não evolutiva) | 2ª TEC DE 1 embrião (junho 2019: negativo) | 2ª ICSI Set. 2019 - Transf. a 22 de out. 2019.

coquinha -
Offline
Desde 13 Maio 2019

Olá
Então vou insistir com o meu médico para fazer o ERA... Obrigada

Mylittlefairytale -
Offline
Desde 18 Maio 2016

O kir não se faz só em casos de ovodoação. Faz-se em casos de falhas de implantação e/ou abortos. Basicamente faz uma análise a uma conjunto de anticorpos que existem que sangue e que também existem na parece uterina, que quando presentes aumenta a probabilidade de rejeição dos embriões. Além disso também é possível prever o perfil dos embriões (através da analise a um conjunto de antígenos presentes na mãe (ou da dadora em casos de ovodoação) e do pai). Dessa forma consegue-se perceber, além da reatividade do útero, se os embriões têm o perfil ideal para esses úteros reativos. Têm que ser embriões neutros. Isto em linha gerais e na linguagem que também me foi explicado na altura, pois tecnicamente deve haver termos mais acertados. Ter o perfil uterino kir AA não significa que seja impossível uma implantação. Eu sou kir AA e uma grande percentagem da população é. Apenas significa que temos menos probabilidade de implantação. Penso que é um dos motivos pelo qual alguns casais sem problemas de fertilidade identificados demora vários ciclos até conseguir. Mas como tenta todos os ciclos, alguma vez corre bem. Em casos de tec é necessário uma medicação à base de corticoides é uma sorte do caraças para que corra bem...

Sara12345 -
Offline
Desde 21 Maio 2014

Ao fim de quantas vezes a correr mal é que os médicos aconselham esses exames ?

Sobre Sara12345

4/2015 AR 7 s; 7/2016 ectopica (- trompa dta); 1a FIV - 5/2017 (-); 2a FIV 9/2017 (+) em 18.10 = 3a gravidez e 06/2018 nasceu o meu bebe! ♥️👶 2/2019 - ectópica (-trompa esq); 3a FIV - 05/2019 (-); 1a TEC - 06/2019 (-); 4a FIV - 08/2019 (-); 2a TEC- 01/2020 CANCELADA, 02/2020

Martabrsalv -
Offline
Desde 07 Jan 2018

Eia
E eu a achar que era só em casos de ovodoacao que mandavam fazer o kir! Obrigada! Pois, de facto tb me interessa saber ao fim de quantos tratamentos falhamos mandam fazer essa análise. Pra variar, deve ser mais uma daquelas análises K não são muito caras comparativamente a muitas outras mas só mandam fazer depois de se gastar uma batelada. To enganada? Beijinhos

39 anos: IIU (Maio 2018): Neg. | 1ª FIV (Junho 2018): Neg. | Set. 2018 (TEC anulada) | 2ª FIV (Nov 2018): Neg. | 1ª ICSI (Março 2019): 1ª TEC 2 embrioes (Março 2019): Positivo (gravidez não evolutiva) | 2ª TEC DE 1 embrião (junho 2019: negativo) | 2ª ICSI Set. 2019 - Transf. a 22 de out. 2019.

Mylittlefairytale -
Offline
Desde 18 Maio 2016

Sara12345 escreveu:
Ao fim de quantas vezes a correr mal é que os médicos aconselham esses exames ?

No meu caso fiz o ERA após 2 transferências negativas onde menstruei no D7 após transferência. Logo após descobrir o desvio da janela de implantação engravidei (infelizmente não evoluiu). O kir fiz após 1 aborto retido, e mais 2 tecs falhadas depois dele. No fundo foi para tentar perceber as sucessivas falhas de implantação...

MegiePrincess -
Online
Desde 09 Jan 2019

No caso de ovodoação o kir é importante pois pode não haver compatibilidade entre dadora e receptora? Essa incompatibilidade é só no processo ou pode ser mais tarde, tipo como eu, que tive AR às 8 semanas? E que foi por ovodoação...

1ª TEC (04.06.2019) Positivo!! (14.06.2019) Beta 183.5 (16.07.2019) AR às 8 semanas
2ª TEC (04.09.2019) Negativo (16.09.2019)
3ª TEC (07.10.2019) Positivo !! (18.10.2019) Beta 487.2

coquinha -
Offline
Desde 13 Maio 2019

Eu quando fui à IVi de Figo fiz o Kir, tinha que dar AA, agora vou falar ao meu médico dos corticoides e essas coisas todas...se não gostar azar o dele...para isso gastamos balúrdios..por este exame em Espanha paguei 160 euros...
Ja fiz duas icsis, já gastei mais ou menos 8000 euros, fora a medicação....mas aqui nem é o dinheiro que está em causa, é nós estarmos descansadas e sabermos que explorámos todas as opções...
Mas com este kir AA custa assim tanto a implantação? Se o médico se recusar a dar-me corticoides, mudo de clínica.
O mal da Alberto Barros é que se esgotar as minhas hipóteses e seguir por doação demora 8 meses....morro enquanto espero. E o meu maridão só me diz "tu é que sabes"

Mylittlefairytale -
Offline
Desde 18 Maio 2016

MegiePrincess escreveu:
No caso de ovodoação o kir é importante pois pode não haver compatibilidade entre dadora e receptora? Essa incompatibilidade é só no processo ou pode ser mais tarde, tipo como eu, que tive AR às 8 semanas? E que foi por ovodoação...

Não sei se incompatibilidade é o termo certo. É preciso ter em conta vários fatores. O teu perfil uterino, e o possível perfil do embrião (fazem uma previsão com base no teu marido e na dadora). No meu caso também foi por ovodoação e também tive um aborto retido às 8s. E depois acabou por correr bem. Eu nunca soube o perfil dos meus embriões pois quando fiz a minha análise ao kir já ia a meio do tratamento (foi depois do aborto e de mais 2 tecs falhadas) e seria impossível analisar a dadora. Mas na altura disseram-me que se esgotássemos os embriões e caso fosse nossa intenção uma nova doação iriam procurar uma dadora, que em conjunto com o meu marido, produzissem embriões neutros para que o meu útero não os rejeitasse. É mesmo assim andamos sempre no campo das probabilidades. Também há casos de casais com gametas próprios e mesmo assim produzem embriões bastante reativos e têm problemas de implantação e aborto. Daí não ser útil só em casos de doação... a doação aqui até é uma vantagem pois caso não resulte com uma dadora pode resultar com outra.

Mylittlefairytale -
Offline
Desde 18 Maio 2016

coquinha escreveu:
Eu quando fui à IVi de Figo fiz o Kir, tinha que dar AA, agora vou falar ao meu médico dos corticoides e essas coisas todas...se não gostar azar o dele...para isso gastamos balúrdios..por este exame em Espanha paguei 160 euros...
Ja fiz duas icsis, já gastei mais ou menos 8000 euros, fora a medicação....mas aqui nem é o dinheiro que está em causa, é nós estarmos descansadas e sabermos que explorámos todas as opções...
Mas com este kir AA custa assim tanto a implantação? Se o médico se recusar a dar-me corticoides, mudo de clínica.
O mal da Alberto Barros é que se esgotar as minhas hipóteses e seguir por doação demora 8 meses....morro enquanto espero. E o meu maridão só me diz "tu é que sabes"

Tenho a certeza que na clínica AB irão ser sensíveis a essa informação... no fundo empiricamente já são prescritos muitas vezes corticoides para evitar a rejeição. Basicamente agora existe uma base científica para justificar a sua utilização ☺️

Votação

Qual destas bebidas consome no dia-a-dia?