Dúvidas sobre a adopção | De Mãe para Mãe

Dúvidas sobre a adopção

Responda
9 mensagens
Silva Moreira -
Offline
Desde 28 Nov 2018

Olá boa noite, chamo me Silvia e tenho uma questão em que agradecia toda a ajuda possível.
Tenho uma prima que lhe foi retirado o útero e por isso n consegue ter filhos, ela e filha única e vejo que a vida dela mudou, pois nos somos uma família grande e todas as primas e primos já tem filhos, eu inclusive tenho 4 filhos, isto tudo somente ela e que n tem , neste momento ela está a ajudar me a criar os meus filhos Devido ao meu trabalho. Eu gostaria de saber se eu posso ser barriga de aluguer e gerar um filho para ela adotar? Em Portugal isso e possível? Onde me posso dirigir para ter todo o tipo de informações.

guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

A lei da gestação de substituição está suspensa, mas penso que será uma questão de tempo até voltar a existir enquadramento legal. Até lá, nada a fazer. O processo terá sempre de ser aprovado, depois de analisadas as vossas condições. Não pode receber qualquer compensação económica e o bebé será biologicamente da sua prima e do marido dela. Parabéns pela generosidade.

BiaC -
Offline
Desde 08 Jul 2012

Olá,
Não sei exatamente o que pretende.
Se for barriga de aluguer, terá que aguardar mais um bocado até que tudo seja decidido. A sua prima não vai fazer adoção, o bebé é dela, só vai ceder o útero para gerar-lhe o filho, porque a carga genética será da sua prima.
Pode gerar um filho seu e do seu marido ou do marido dela e entregá-lo à nascença para ela adotar.
Adoção e barriga de aluguer são questões distintas.

soniamst -
Offline
Desde 22 Dez 2016

BiaC escreveu:
Olá,
Não sei exatamente o que pretende.
Pode gerar um filho seu e do seu marido ou do marido dela e entregá-lo à nascença para ela adotar.

Acho que esta afirmação está errada, mesmo que os pais biológicos decidam entregar um filho para adopção, nunca podem escolher as pessoas que o irão adoptar, terá sempre intervenção da segurança social.

Desde 13 Set 2012

Olá a todas;

A questão da autora já foi respondida, e sim, parece-me estar confusa quanto aos conceitos de barriga de aluguer e de adoçção. Para adotar uma criança a sua prima não precisa de si nem do seu útero, bastando-lhe inscrever-se num programa de adoção. Se o que pretendem é que ela tenha de facto um filho biológico, terá que recorrer a uma barriga de aluguer mas neste momento essa opção não está disponível. talvez venha a estar em breve, mas não sabemos o que aqui significa o "breve".

Esclareçam-me só uma pequena dúvida. Creio ter lido que houve recentemente uma proposta do bloco de esquerda quanto à Lei da barriga de aluguer, dado que esta foi vetada pelo tribunal constitucional; de acordo com esta alteração, é concedido à mãe gestante um prazo de 20 dias após o parto para decidir ficar com a criança ou efetivamente entregá-la aos pais biológicos. Isto foi realmente aprovado nestes moldes, ou está apenas ainda em fase de projeto de Lei? É que se isto for aprovado assim, então é um grande grande risco recorrer a uma barriga de aluguer, pois arriscamo-nos a por um filho no mundo sem que tenhamos qualquer papel ativo ou presente na sua vida. Deus do céu, nem quero imaginar isso.

P.S. Guialmi, a questão sobre a qual trocamos ideias está a avançar. a 1ª consulta será já no próximo dia 06 dezembro em Portugal. Muito muito obrigada.

Beijinhos e tudo de bom!

SMSantos

guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

Sónia Maria Santos escreveu:
Olá a todas;
A questão da autora já foi respondida, e sim, parece-me estar confusa quanto aos conceitos de barriga de aluguer e de adoçção. Para adotar uma criança a sua prima não precisa de si nem do seu útero, bastando-lhe inscrever-se num programa de adoção. Se o que pretendem é que ela tenha de facto um filho biológico, terá que recorrer a uma barriga de aluguer mas neste momento essa opção não está disponível. talvez venha a estar em breve, mas não sabemos o que aqui significa o "breve".
Esclareçam-me só uma pequena dúvida. Creio ter lido que houve recentemente uma proposta do bloco de esquerda quanto à Lei da barriga de aluguer, dado que esta foi vetada pelo tribunal constitucional; de acordo com esta alteração, é concedido à mãe gestante um prazo de 20 dias após o parto para decidir ficar com a criança ou efetivamente entregá-la aos pais biológicos. Isto foi realmente aprovado nestes moldes, ou está apenas ainda em fase de projeto de Lei? É que se isto for aprovado assim, então é um grande grande risco recorrer a uma barriga de aluguer, pois arriscamo-nos a por um filho no mundo sem que tenhamos qualquer papel ativo ou presente na sua vida. Deus do céu, nem quero imaginar isso.
P.S. Guialmi, a questão sobre a qual trocamos ideias está a avançar. a 1ª consulta será já no próximo dia 06 dezembro em Portugal. Muito muito obrigada.
Beijinhos e tudo de bom!

Sónia, essa alteração ainda é uma proposta e penso (sem certezas) que foi colocada assim precisamente para permitir a sua aprovação sem os obstáculos levantados pelo TC. Mas concordo consigo, mesmo tendo em conta que em Portugal a gestação de substituição só se fará por razões altruístas (e por isso é pouco provável que a gestante se arrependa), é um risco enorme, que colocará imensa incerteza em todo o processo. Seja como for, espero que a lei avance, porque há, objetivamente, pessoas com a vida suspensa por causa desta indefinição.
(Acredita que estava há pouco para lhe mandar um mail a perguntar pelos desenvolvimentos?! Transmissão de pensamentos! Depois quero saber do resultado da consulta! Tudo de bom!)

BiaC -
Offline
Desde 08 Jul 2012

Não, também há adoção consentida (a mãe biológica escolhe quem vai adotar). Não estou é 100% segura se já foi ou não legislado.

soniamst escreveu:

BiaC escreveu:Olá,
Não sei exatamente o que pretende.
Pode gerar um filho seu e do seu marido ou do marido dela e entregá-lo à nascença para ela adotar.

Acho que esta afirmação está errada, mesmo que os pais biológicos decidam entregar um filho para adopção, nunca podem escolher as pessoas que o irão adoptar, terá sempre intervenção da segurança social.

SweetBlonde -
Offline
Desde 02 Ago 2012

guialmi escreveu:
A lei da gestação de substituição está suspensa, mas penso que será uma questão de tempo até voltar a existir enquadramento legal. Até lá, nada a fazer. O processo terá sempre de ser aprovado, depois de analisadas as vossas condições. Não pode receber qualquer compensação económica e o bebé será biologicamente da sua prima e do marido dela. Parabéns pela generosidade.

A lei não está suspensa, está em vigor. Tem é de ser revista.

https://www.delas.pt/aprovado-segundo-pedido-de-maternidade-de-substitui...

Blonde

************************************

Madrinha e afilhada orgulhosa da Nelia02

SweetBlonde -
Offline
Desde 02 Ago 2012

Fica a última alteração à lei que se encontra em vigor.

Blonde

************************************

Madrinha e afilhada orgulhosa da Nelia02

Outros tópicos relacionados

Subsídio por Risco Clínico Durante a Gravidez
Estou de 30 semanas e completamente de rastos. Mais pareço uma elefanta lololol Quarta feira depois da médica me ter proposto colocar baixa por gravidez de risco, decidi aceitar e dirigi-me à SS e acabei por colocar a dita baixa por gravidez de...
Morfológica 21 semanas - peso bebé às 21 semanas?!
A semana passada fiz a eco morfológica. Finalmente vi que ia ter uma MENINA A minha princesa Margarida... estou radiante... está tudo bem com a minha pimpolha!!! Só fiquei um bocadinho assustada de ela já ter 500 gr. :-p Acham normal??? Eu em toda a...
Stress na gravidez
Estou a 1 semana dos 7 meses. Motivo de grande alegria por um lado por em breve ter a minha pequena pimpolha nos braços... mas por outro lado motivo de grande preocupação, pois tive alguns sobressaltos neste último mês... algumas discussões "azedas...
Olá Grávidas de Torres Vedras!!!
Alguma menina grávida de Torres Vedras que vá ter bebé em Agosto??? O meu bebé está previsto nascer dia 20/08. Ainda não sei o que vai ser, na quinta-feira vou fazer a eco morfológica. espero que o meu rebento seja "descarado" como eu (risos) e se "...
Mãos dormentes, ligamentos dos dedos presos? 35 semanas
Estou de 35 semanas... Há uma semana para cá começaram-me a doer imenso as mãos e os braços de noite... não as consigo mexer, esfrego-as com álcool, água quente, água fria e nada!!! Durante o dia as dores tendem em atenuar mas há noite é que são o...
Dúvida acerca da barriga
Olá a todas, com quanto tempo notaram as vossas barriguinhas a crescer??? Eu estou de 14 semanas e só noto um pequeno "inchaço" quando estou de lado do espelho. Acham normal? Como é a primeira gestação estou bastante preocupada. Podem-me dizer se é...

Votação

Qual destas bebidas consome no dia-a-dia?