Discriminação por parte de profissionais de saúde | De Mãe para Mãe

Está aqui

Discriminação por parte de profissionais de saúde

Responda
17 mensagens
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Alguma mamã com menos de 20 anos que quando foi à urgência sentiu discriminação por parte de uma médico e uma enfermeira por ser menor ?
Fui hoje à urgência porque senti-me mal e quando chego às urgência um médico (não era português) disse que não me atendia que não tinha idade para estar ali mas depois apanhei uma médica espetacular que foi 5* e me examinou, fez o toque e disse que o médico já não era a primeira vez que fazia isso com jovens. Quanto à enfermeira disse a mim e à médica em plena sala de observação que não tivesse aberto as pernas que não estava ali e saiu. A minha mãe quando chegou cá fora escreveu no livro de reclamações e vieram pedir por favor para não escrever que iam tentar falar com eles mas a minha mãe não se fiou e escreveu e amanhã vai enviar para o Ministério. Em pleno século XXI ainda acontece disto.

Mamon. -
Offline
Desde 06 Dez 2016

Ai que horror!
Não ligues a esses idiotas! A tua mãe fez muito bem em escrever, imagino o que sentiste!
Eu engravidei com 17 anos e fui mãe com 18 anos, só senti uma vez a discriminação, quando à minha filha nasceu a enfermeira que ia ao quarto ter com as mães tratava-me de forma diferente... Fora isso felizmente não..
Mas isso é demais! Realmente nos dias de hoje ter de lidar com uma barbaridade dessas.
Tu é que estás na idade natural de ter filhos. Has de ser uma excelente mãe!
Beijoca

Submetido por Mamon. em Sex, 17/11/2017 - 04:36
Sobre Mamon.

Uma filha e um filho lindo, agora em preparações para a terceira viagem <3

Cat-st -
Offline
Desde 31 Jul 2012

Impressionante como isto ainda acontece. Não estamos propriamente a falar de uma pessoa menor. Tens mais de 18 anos. Se és nova sim mas um médico não pode nunca recusar atender uma paciente. Ainda bem que a sua mãe escreveu no livro de reclamações. Teria feito o mesmo!

Submetido por Cat-st em Sex, 17/11/2017 - 08:23
Sobre Cat-st

- Última pílula em Março 2014, SOP, Clomid + IIU
- Positivo a 6/4/2015 - AR 18/5/2015
- De volta aos treinos Julho 2015
- 1o FIV (+)
- Nasceu o meu piolho em 2016

Lucicris -
Online
Desde 12 Jul 2016

Eu também senti isso numa ecografia do meu filho, tinha 19anos. Mal entrei a médica disse logo que eu era muita nova para estar ali e depois não me dirigiu mais a palavra. Acontece que tinha o nível de líquido amniótico muito baixo e ela não me avisou.

Mas o pior aconteceu já o meu filho tinha 4anos. Um médico que estava a examinar o meu filho disse que eu não sabia ser mãe, por não o conseguir acalmar e ainda me chamou mentirosa quando lhe disse que o menino tinha feito um antibiótico por mês (estava registado no livrinho). Sai porta fora e fiz queixa no hospital e na ordem, mas como não tinha como provar, era a palavra dele contra a minha, não deu em nada.

Tenta ignorar e desfrutar ao máximo desta fase final Piscar o olho

Submetido por Lucicris em Sex, 17/11/2017 - 08:52
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Eu ainda vou ser mãe com 17 anos,Mamon... Eu senti e não desejo a ninguém mas a enfermeira também levou reclamação na Ordem dela, entretanto depois de ser observada por outra médica apareceu a minha porque lhe ligaram e ela passou-se e ainda discuti com a enfermeira a perguntar se gostava de estar na mesma situação e ela não respondeu... Mas foi mau.
Não era para ser já mas já que aconteceu há que aceitar e ser feliz.
Obrigada minha querida, muitas felicidades também para si, beijinho 😘

Submetido por Catduarte01 em Sex, 17/11/2017 - 10:03
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Lucicris é mesmo muito mau acredite, ser discriminada pela idade mas isso a médica devia ter dito é uma vida em risco...
Há cada coisa mas ser má mãe?? É ridículo!
Fez bem em escrever, eu felizmente tenho bombeiros como testemunhas e um auxiliar vamos lá ver como vai correr.

Eu tento mas é complicado e com as hormonas pior 😂 beijinho 😘

Submetido por Catduarte01 em Sex, 17/11/2017 - 10:08
pipa98 -
Offline
Desde 07 Out 2017

Eu tenho 19 anos, faço 20 no dia em que está previsto o parto mas já senti isso sim na primeira vez que entrei no consultório do obstetra, perguntou se tinha enganado na sala que a pediatria não era ali eu fiquei WTF? Quando lhe disse que era para a consulta e confirmou os meus dados ficou tolo e no início foi super arrogante mas depois de explicar que tinha engravidado por descuido nas que era contra o aborto foi super atencioso, impecável começou a examinar-me e explicar ao mesmo tempo e pediu desculpa pelo início mas que não contava e depois correu tudo bem, tive 1h30 lá dentro nas fiquei esclarecida e pronta a seguir viagem... Agora continua a seguir-me e é 5*.
Mas a sua mãe fez bem apresentar queixa em pleno século 21 acontecer isso. Muitas felicidades, uma horinha pequenina e beijinhos 😘

Submetido por pipa98 em Sex, 17/11/2017 - 10:26
Ana Ruca -
Offline
Desde 28 Ago 2017

Eu no meu estágio de enfermagem vi tantas miúdas na consulta da grávida que apenas queriam saber quando iam receber o pre natal e outras situações semelhantes,que aquilo acaba por nos frustrar tanto..óbvio que não tens culpa destas situações nem deves apanhar por tabela por isso,mas já estive do outro lado e também não é fácil..fizeste bem em escrever o livro

Submetido por Ana Ruca em Sex, 17/11/2017 - 10:50
LSL -
Offline
Desde 28 Out 2010

Não leves a peito. Isto vai da sensibilidade de cada pessoa e às vezes os profissionais de saúde por já terem visto coisas do arco da velha perdem um bocadinho a sensibilidade. Não interiorizes isso e segue em frente. Tens é de ser responsável e fazer tudo direitinho pelo teu bebé o resto é fogo de vista.

Eu por acaso acho que idade não diz nada sobre a capacidade de alguém ser mãe. Faz-me alguma confusão ver mães muito novinhas? Claro que faz, mas é principalmente por me por no lugar delas/de vós e saber que é muito complicado. Tive a prova disso quando estive internada neste meu último parto. Por ter sido uma altura muito ocupada na maternidade tive de dividir quarto. Para onde fui estava uma miúda que devia ter 17/18 anos e que ainda morava com os pais e assim ia continuar. O namorado esteve sempre com ela e o bebé. As enfermeiras trataram-na como a qualquer outra e até deram um apoio maior na parte da amamentação que o bebé dela era muito preguiçoso e precisou de um empurrãozinho. Ela estava sempre atenta ao filho e a fazer tudo direitinho. Basicamente a meu ver (não sei como será depois) uma boa mãe e um bom pai, cuidadosos e atencioso. Além disso, eram respeitadores do espaço (já que estávamos a dividir o quarto tinha de ser), nunca falavam alto, telefones desligados e afins. Entretanto eles tiveram alta um dia antes de mim. No dia da minha alta veio para essa cama vaga uma mãe nos seus 30 e muitos já com uma filha anterior que tinha tido uma cesariana. A diferença entre uma e outra era tão abismal que nem te passa pela cabeça! A senhora chegou a enfermeira ajudou a bebé a ir ao peito e deixou-as assim. Ora, na primeira vez no peito os bebés ficam imenso tempo. Resumindo... ela teve a bebé uns 5/10 minutos no peito e tirou-a a bebé começou a berrar a altos pulmões (ainda com fome diria eu) e a solução da senhora foi dar-lhe uma chupeta. E a menina continuou a chorar. No meio disto estava aos berros com o marido a ver a quem ele tinha ligado, se já tinha mandado fotos a este e aquele, quem estava a caminho, etc. Isto, com o meu filho a dormir! Bem, eu já estava nas horas. Felizmente só estava à espera dos papéis para vir embora. No entretanto a enfermeira volta e vê a bebé naqueles prantos. Perguntou se ela tinha mamado bem e a senhora diz que sim! O que, a meu ver, era impossível que ainda por cima ela tinha os mamilos rasos e tinha de usar bicos de silicone o que faz com que seja um pouco mais difícil para os bebés. Isto tudo para dizer o quê? Idade não faz de ninguém pessoa bem formada, responsável e, principalmente, boa mãe. Tenho a certeza que tu estás dentro do primeiro exemplo que eu dei. Não ligues a quem te tentar mostrar o contrário.

Beijinho e boa gravidez.

Submetido por LSL em Sex, 17/11/2017 - 13:44
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Ana Ruca, acredito que sim mas eu não ia pelo subsiidio pré-natal, aliás só pedi aos 6 meses de gravidez e porque me disseram que andava desligadas. Fiquei mesmo de boca aberta isto acontecer mas enfim...Teve de ser, senao escrevesse continuava.
Obrigada e um beijinho Sorriso

Submetido por Catduarte01 em Sex, 17/11/2017 - 20:53
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Não levo, mas há coisas que marcam há...

LSL, acredito que sim, infelizmente ou felizmente já vi de tudo. Acho que sendo mãe de primeira viagem e adolescente (nada contra as mamãs mais velhas) que deviam dar a atenção e explicar tudo porque afinal, a maioria de nós foi acidental e acidentes acontecem...
Essa jovem metia essa senhora num bolso e não é por ser mais nova que tem menos maturidade, mas a outra senhora sendo mãe pela segunda vez devia ter mais respeito pelos outros, devia ter em consideração o local em que estava mas infelizmente não depende de nós. As enfermeiras deviam ter mais atenção a isso, espero que quando for a minha vez seja calmo e tenha profissionais que me possam ajudar e vou tentar respeitar ao máximo as pessoas e os bebés com quem vou dividir quarto. É cidadania.

Obrigada pela suas palavras de carinho e conforto, foram muito boas e fizeram sentir-me melhor.

Muito obrigada e beijinho.

Submetido por Catduarte01 em Sex, 17/11/2017 - 21:10
Mamon. -
Offline
Desde 06 Dez 2016

Ora ora... Atão se temos direito ao pré natal só temos mais é de o ir buscar, que ainda assim é ele pouco...
Quem não tem paciência para lidar com pessoas não trabalhe com o público.
Respeito é lei
Pois eu mãe com 18 não me portei tão mal como muitas de 30 que já tenho visto.
Vem da família e da educação que temos

És mulher sim, e mãe! Só tens mais é de mostrar a essa gente toda que não acredita!
Beijocas linda não se desanima Beijinho

Submetido por Mamon. em Sáb, 18/11/2017 - 05:09
Sobre Mamon.

Uma filha e um filho lindo, agora em preparações para a terceira viagem <3

Mamon. -
Offline
Desde 06 Dez 2016

Tenho 28 anos agora linda, a minha filha tem 10.
Ao início tive de ouvir uma belas parvoíces!
A minha menina nasceu, e eu fui trabalhar.
Com o tempo arranjei casa com o papá.
Compramos tudo o que precisamos também com o tempo.
Entretanto decidimos ter o segundo.
Vim viver para França e desde que cá estou, acabei a escola.
Hoje sou responsável de equipa
Continuo com o pai dos meus filhos
E vamos ter o terceiro filho

Como vês não sou nenhuma desgraçada mal sucedida... Fui mãe com 18 e sou a mãe que sempre sonhei ser

Submetido por Mamon. em Sáb, 18/11/2017 - 05:16
Sobre Mamon.

Uma filha e um filho lindo, agora em preparações para a terceira viagem <3

Andreissse -
Offline
Desde 13 Nov 2015

Bom dia mamã... Olha eu engravidei com 26 e fui mãe aos 27 e atualmente tenho 28. Uma idade ja nada a ver consigo mas como aparento menos idade tambem senti isso principalmente porque as mamas geralmente eram mais velhas xD Tente ignora... E seja a melhor mãe possivel para sua filha que vem aí. Permita-me discordar de si em relacao ao que disse dos acidentes... Desculpe mas hoje em dia com a informação que existe e com as consultas de planeamento familiar só engravida quem quer e por descuido. Se foi um descuido nao chama de acidente. Ja tive a sua idade e sei bem que por vezes facilitamos mas sabemos bem o que estamos a fazer. Acidente é quando se previne e ainda assim cai naquela íntima % que falhou. Desculpe mas é o que penso.

Submetido por Andreissse em Sáb, 18/11/2017 - 08:58
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Mamon, obrigada pelas suas palavras de conforto!
Quanto ao pré-natal é verdade mas não é com isso que fico mais rica nem mais pobre mas claro que dá sempre jeito e é um direito nosso...

Claro que sim, mas há pessoas que não respeitam e sim o respeito vem de família, vem do berço onde se nasce e se é criado.
Não desanima não que está quase, quase <3

Submetido por Catduarte01 em Seg, 20/11/2017 - 01:20
Catduarte01 -
Offline
Desde 23 Jun 2017

Andreissse, tem todo o direito à sua opinião e não a desrespeito quanto a isso.

Submetido por Catduarte01 em Seg, 20/11/2017 - 01:22
Marina4 -
Offline
Desde 15 Maio 2016

olha eu partilhei quarto com uma rapariga que tinha idade para ser minha filha, eh eh.
não senti discriminação , mas a mim houve muita coisa que me fez confusão....entre eles só tinham cinco euros....que tinha de guardar para o autocarro para o dia da alta...o rapaz, ( pai), quase nunca esteve lá e ela não tinha visitas nenhumas. Ela pediu às enfermeiras se podia sair para ir fumar...(juro). eu dei-lhe imensa comida minha porque ela não gostava da comida do hospital...ainda hoje penso como estará aquele bebé. A rapariga era muito querida mas achei muito imatura.

Submetido por Marina4 em Dom, 26/11/2017 - 14:15

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?