Continuar ou não ?! | De Mãe para Mãe

Continuar ou não ?!

Responda
22 mensagens
Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Olá mamãs!

Eu sei que tem aqui inúmeros tópicos sobre isto mas já são bastantes antigos...
Ainda falta um pouquinho mas tou aqui num dilema se hei de prolongar a licença de amamentação ou não.
Eu quero muito prolongar porque embora nem sempre consiga estar com o meu filho há outros dias em que dá devido ao horário de trabalho ( é rotativo) há dias em que entro ao meio dia e saiu às 19.30h esse horário já é mais difícil para estar com ele pois tenho de o levar pro colégio de manhã ,mas quando entro às 9h e saiu às 16h já consigo aproveitar mais para estar com ele...
Tenho algum receio que não seja vista na empresa com bons olhos por querer prolongar a licença de amamentação... Não sei o que fazer 🙄
Alguém na mesma situação?!

MartaSB -
Offline
Desde 19 Set 2019

Faz por ti e pelo teu filho!
Porque os de fora adoram palpitar na nossa vida, porém não são eles que pagam as nossas contas e/ou estão lá quando a coisa fica "negra".
Se tiveres uma boa relação com o/a teu/tua superior fala com essa a possibilidade de fazeres apenas o horário 09h 16h devido a essa situação, caso não seja possível prolonga a amamentação SIM!
Mais importante é a nossa familia e o tempo que temos com eles..
Eu ainda não cheguei nessa fase, porém sei o que é fazer/preocupar pelos outros (empresa/equipa) sendo que se fosse ao contrário ninguém iria pensar em mim ou na equipa, apenas neles mesmos. Agora que vou ser mãe vou pensar mais em mim e nos meus 💙
Boa sorte, 😚

Desde 31 Jan 2020

Eu concordo com a senhora de cima

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

O que eu mais quero é poder prolongar a amamentação e poder estar mais tempo com o meu filho a minha indecisão é mesmo que tenho receio de "vingança" pela parte da empresa ..eu trabalho numa loja e essa situação do horário das 9h as 16h está fora de questão por norma consigo esse horário 1x por mês 2x no máximo o horário é rotativo logo não seria justo para as minhas outras colegas 😔
O máximo que podem fazer é colocar me na "lista negra" quando isto é um direito da mãe 😏

Leticia _29 -
Offline
Desde 12 Set 2019

Olá.
Eu já trabalhei numa loja também, em horário rotativo e com horário muito semelhante ao seu.
E já trabalhei com uma colega que estava com o horário reduzido porque tinha sido mãe.
Ela estava ainda no primeiro ano e não prolongou porque já não amamaentava, opção dela.
É sempre chato para as colegas porque fazemos mais noites, o horário "pior" ficava sempre para nós porque essa colega tinha que ficar sempre com o horário das 9 às 16h,que neste caso, sendo horário uma loja de shopping é que todos preferiam e caso faltasse alguém ela nunca era chamada por causa da redução de horário.
Numa outra loja tínhamos uma situação semelhante mas a coordenadora já fazia os horários de outra maneira e acabava por ser tudo "justo" para todas.
Tendo isto em conta, você tem que olhar pelo melhor para si e para o seu bebé.
O melhor pela empresa e pelas suas colegas quem tem que olhar é mesmo a empresa e as colegas.
Se tem possibilidade de o fazer, ficar mais tempo com o seu bebé faça o que estiver ao seu alcance.
Tahtas vezes damos tudo pela empresa e eles pouco reconhecem.
Devemos pensar no melhor para nós e para os nossos filhos.

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Leticia _29 escreveu:
Olá.
Eu já trabalhei numa loja também, em horário rotativo e com horário muito semelhante ao seu.
E já trabalhei com uma colega que estava com o horário reduzido porque tinha sido mãe.
Ela estava ainda no primeiro ano e não prolongou porque já não amamaentava, opção dela.
É sempre chato para as colegas porque fazemos mais noites, o horário "pior" ficava sempre para nós porque essa colega tinha que ficar sempre com o horário das 9 às 16h,que neste caso, sendo horário uma loja de shopping é que todos preferiam e caso faltasse alguém ela nunca era chamada por causa da redução de horário.
Numa outra loja tínhamos uma situação semelhante mas a coordenadora já fazia os horários de outra maneira e acabava por ser tudo "justo" para todas.
Tendo isto em conta, você tem que olhar pelo melhor para si e para o seu bebé.
O melhor pela empresa e pelas suas colegas quem tem que olhar é mesmo a empresa e as colegas.
Se tem possibilidade de o fazer, ficar mais tempo com o seu bebé faça o que estiver ao seu alcance.
Tahtas vezes damos tudo pela empresa e eles pouco reconhecem.
Devemos pensar no melhor para nós e para os nossos filhos.

No meu caso a minha loja não é de shopping é de rua o horário de funcionamento é das 9h as 19.30h acaba por não ser tão "injusto" para as minhas colegas como no caso da shopping...
Eu sei que têm razão e eu irei prolongar quem não gostar paciência, mas já sei que devo levar com más caras 🙄

JLB -
Offline
Desde 21 Fev 2020

Prolonguei a licença de amamentação até ao meu fazer dois anos. É um direito.

CatiaS_S -
Offline
Desde 30 Set 2016

Eu também prolonguei, pior, fui a primeira de sempre a fazê-lo naquela empresa. Escusado será dizer que fiquei na lista negra 😒😒. Ah, e depois pedi flexibilidade de horário, mais achas para a fogueira 🤣🤣. No entanto foi a melhor coisa que fiz, com um ano eles são muito pequeninos para os irmos buscar á creche depois das 19h Triste , não se aproveita nada

Sobre CatiaS_S

Agosto 2016: Vamos tentar ter um filhote!
Set-Out 2016: Consultas, exames, análises; Folicil e Yodafar
Novembro 2016: Começam os treinos
10 Maio 2017: Positivo ao 5º ciclo Espertalhão
DPP: 11 Janeiro.....e se não quiser nascer, indução marcada para dia 17...
http://outroblogsobrematernidade.blogspot.pt/

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Oh pah vocês tem toda a razão do mundo eu é que tou aqui com pensamentos palermas e vou mesmo prolongar é um direito como vocês dizem 😘

marlene1987 -
Offline
Desde 13 Out 2019

Se temos direito temos que usar. Eu vou esperar ate voltar ao trabalho e vou ver se se verifica a situação de trabalhar ate as 20h que foi o que já ouvi dizer.. E se for assim na minha loja temos pena mas vou me informar porque não cabe na cabeça de ninguém sair as 20h para ainda ir tratar de um bebe de 6 meses... Tenho muita pena mas tenho que pensar em mim e nos meus...

Leticia _29 -
Offline
Desde 12 Set 2019

Clara 🤰 escreveu:

Leticia _29 escreveu:Olá.
Eu já trabalhei numa loja também, em horário rotativo e com horário muito semelhante ao seu.
E já trabalhei com uma colega que estava com o horário reduzido porque tinha sido mãe.
Ela estava ainda no primeiro ano e não prolongou porque já não amamaentava, opção dela.
É sempre chato para as colegas porque fazemos mais noites, o horário "pior" ficava sempre para nós porque essa colega tinha que ficar sempre com o horário das 9 às 16h,que neste caso, sendo horário uma loja de shopping é que todos preferiam e caso faltasse alguém ela nunca era chamada por causa da redução de horário.
Numa outra loja tínhamos uma situação semelhante mas a coordenadora já fazia os horários de outra maneira e acabava por ser tudo "justo" para todas.
Tendo isto em conta, você tem que olhar pelo melhor para si e para o seu bebé.
O melhor pela empresa e pelas suas colegas quem tem que olhar é mesmo a empresa e as colegas.
Se tem possibilidade de o fazer, ficar mais tempo com o seu bebé faça o que estiver ao seu alcance.
Tahtas vezes damos tudo pela empresa e eles pouco reconhecem.
Devemos pensar no melhor para nós e para os nossos filhos.

No meu caso a minha loja não é de shopping é de rua o horário de funcionamento é das 9h as 19.30h acaba por não ser tão "injusto" para as minhas colegas como no caso da shopping...
Eu sei que têm razão e eu irei prolongar quem não gostar paciência, mas já sei que devo levar com más caras 🙄

Então para as suas colegas é quase igual.
Se levar com más caras é mesmo de pessoas muito pouco compreensivas.
É tão importante passarmos tempo com os nossos bebés, já vivemos num país tão pouco amigo amigo da parentalidade, com tão poucos apoios e onde se tem tão pouco tempo com os bebés que passam um dia inteiro na creche, temos que aproveitar os poucos benefícios que nos dão.
E quem não compreende isto problema dele.

Andreissse -
Online
Desde 13 Nov 2015

Eu também prolongava mas entendo bem o lado b. É certo que o problema é desses colegas e são umas bestas que deviam ter compreensão mas são essas bestas que depois vamos ter de trabalhar 8h e um mau ambiente de trabalho também pode ser bem nefasto. Por experiência própria falo, um dos motivos q me fez despedir do primeiro trabalho mesmo tendo um bom salário foi mesmo isso. Por muito que digamos que problema é deles, afeta-nos sp as más caras, etc. Mas eu gozaria da mesma o direito.

Andreissse -
Online
Desde 13 Nov 2015

Eu também prolongava mas entendo bem o lado b. É certo que o problema é desses colegas e são umas bestas que deviam ter compreensão mas são essas bestas que depois vamos ter de trabalhar 8h e um mau ambiente de trabalho também pode ser bem nefasto. Por experiência própria falo, um dos motivos q me fez despedir do primeiro trabalho mesmo tendo um bom salário foi mesmo isso. Por muito que digamos que problema é deles, afeta-nos sp as más caras, etc. Mas eu gozaria da mesma o direito.

Andreissse -
Online
Desde 13 Nov 2015

Eu também prolongava mas entendo bem o lado b. É certo que o problema é desses colegas e são umas bestas que deviam ter compreensão mas são essas bestas que depois vamos ter de trabalhar 8h e um mau ambiente de trabalho também pode ser bem nefasto. Por experiência própria falo, um dos motivos q me fez despedir do primeiro trabalho mesmo tendo um bom salário foi mesmo isso. Por muito que digamos que problema é deles, afeta-nos sp as más caras, etc. Mas eu gozaria da mesma o direito.

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Pois uma pessoa com as más caras vai levar mas também isso é o menos importante que se lixem!
Exatamente é um direito há que aproveitar lo ...já agora alguém sabe como funciona esta situação de prolongar? Tem de ser na médica de família não é?

JLB -
Offline
Desde 21 Fev 2020

No meu caso entregava declaração da pediatra em como ainda amamentava. Uma declaração todos meses. Bastava ligar e ela passava.

JLB -
Offline
Desde 21 Fev 2020

No meu caso entregava declaração da pediatra em como ainda amamentava. Uma declaração todos meses. Bastava ligar e ela passava.

JLB -
Offline
Desde 21 Fev 2020

No meu caso entregava declaração da pediatra em como ainda amamentava. Uma declaração todos meses. Bastava ligar e ela passava.

JLB -
Offline
Desde 21 Fev 2020

Desculpa a repetição

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Muito obrigada a todas, eu daqui a poucos dias vou a consulta dos 9 meses e vou perguntar como funciona 😊
Bjnhos

Catia27 -
Offline
Desde 24 Abr 2020

Boa noite. Acho que nos temos de pensar menos no trabalho. Falo por mim, sou muita nova mas ja sofri muito a nivel de trabalho infelizmente. E o que aprendi é que trabalhos há muitos, familia, sanidade mental etc.. so temos a nossa e é única. É vdd que o desemprego é uma coisa séria mas acho muito mais importante a familia e tudo o resto. Pelo menos eu desde cedo junto dinheiro e tento ter estabilidade financeira caso aconteça algo ou eu tome alguma decisao drastica. E isso aconteceu uma vez. Escolhi a minha sanidade mental e despedi me (fiquei sem fundo desemprego) nao tenho filhos mas tinha despesas. No entanto, ja tava tudo calculado. Hoje tenho outro trabalho e felizmente gosto, posso dizer que é um trabalho normal porque para mim os outros eram sofrimento. Escolhi tambem um trabalho em que podia ter uma familia mais tarde etc. Ja me estou a alargar mas penso que esta a entender o ponto de visto. Eu dava tudo e pelos vistos muitas meninas aqui tambem, pelo trabalho. Eu fui subchefe dos 2 sitios que mencionei como sofrimento e quando iria tornar me chefe do ultimo saí. Devemos dentro das nossas possibilidades encontrar o melhor para nós. Sei que nem toda a gente o consegue mas neste seu caso é um direito seu. Deve sim prolongar se sente que isso é o certo para si e deve sim pedir o ajuste de horário. Pedir nao custa sabe, e são fases. Fases que para eles sao meses sem significado e para si é o crescimento do seu filho e a hipotese de acompanhar o mesmo. Tudo de bom!

Clara 🤰 -
Offline
Desde 05 Mar 2019

Catia27 escreveu:
Boa noite. Acho que nos temos de pensar menos no trabalho. Falo por mim, sou muita nova mas ja sofri muito a nivel de trabalho infelizmente. E o que aprendi é que trabalhos há muitos, familia, sanidade mental etc.. so temos a nossa e é única. É vdd que o desemprego é uma coisa séria mas acho muito mais importante a familia e tudo o resto. Pelo menos eu desde cedo junto dinheiro e tento ter estabilidade financeira caso aconteça algo ou eu tome alguma decisao drastica. E isso aconteceu uma vez. Escolhi a minha sanidade mental e despedi me (fiquei sem fundo desemprego) nao tenho filhos mas tinha despesas. No entanto, ja tava tudo calculado. Hoje tenho outro trabalho e felizmente gosto, posso dizer que é um trabalho normal porque para mim os outros eram sofrimento. Escolhi tambem um trabalho em que podia ter uma familia mais tarde etc. Ja me estou a alargar mas penso que esta a entender o ponto de visto. Eu dava tudo e pelos vistos muitas meninas aqui tambem, pelo trabalho. Eu fui subchefe dos 2 sitios que mencionei como sofrimento e quando iria tornar me chefe do ultimo saí. Devemos dentro das nossas possibilidades encontrar o melhor para nós. Sei que nem toda a gente o consegue mas neste seu caso é um direito seu. Deve sim prolongar se sente que isso é o certo para si e deve sim pedir o ajuste de horário. Pedir nao custa sabe, e são fases. Fases que para eles sao meses sem significado e para si é o crescimento do seu filho e a hipotese de acompanhar o mesmo. Tudo de bom!

Eu estou efetiva trabalho na empresa há 5 anos e não tenho medo do trabalho muito menos de mudar mas não me parece que me despecam por um direito meu , é mais por ficar na "lista negra" mas é bem verdade o que disse "o que para eles são meses insignificantes para mim são os mais importantes as fases do meu filho!"
Eu vou usufruir do meu direito e espero que quem possa também o faça!!
😘😘

Outros tópicos relacionados

Ginecologistas em Setubal..... recomendam alguem?
Olá! Estou a pensar arranhar um ginecologista/obstetra em Setubal. Alguma recomendação? Estou a pensar aderir a um seguro que tem acordos com estas clinicas: Clinica Centenarium - Serviços Médicos de Setubal Lda. - Clinica Centenarium Ginecologia/...
Berçários em Setubal
Olá! É a primeira vez que venho aqui. Estou grávida de 8 semanas e queria a vossa opiniao sobre berçarios em Setubal. Alguem conhece? Será ainda cedo para procurar berçario? Quanto custam? Ai meu Deus! Tanta pergunta! Ajudem-me com opinioes.....
Dra. Cristina Costa - Setubal
Olá! Alguem aqui conhece esta medica? Quero escolher uma e ando tao indecisa... Eu quero um/a onde possa fazer la os exames para nao andar de um lado para o outro e que tenha acordo com seguros (vou tratar disso tambem)..... Bjinhos Estela
Dra. Ana Paula
Bom dia Alguem conhece a Dra Ana Paula? Ela é médica na MAC mas dá consultas em Setubal. Ja marquei consulta com ela apesar de ter pena de nao dar consultas no hospital em Setubal. Mas como consegui consulta com ela (sou cliente na clinica noutra...
Médicos do hospital de Setubal
Olá! Alguem conhece algum medico que trabalhe no Hospital em Setúbal que tenha consultorio nesta cidade? E já agora que tenha acordos com seguros de saúde? Ouvi falar bem do Dr Camarinha e eu ja fui paciente da Dra. cidalia martins mas penso que nao...
ICSI - Testemunhos...
Olá! Soube à pouco tempo que provavelmente vamos ter de recorrer à icsi para podermos ter o nosso bebe. Isto porque no espermograma viu-se que apenas 1% dos zoides sao normais. Como só na proxima semana vamos poder inscrevermos no público e enquanto...

Votação

Qual destas bebidas consome no dia-a-dia?