Bebé recusa a mama | De Mãe para Mãe

Bebé recusa a mama

Responda
7 mensagens
ana.dsilva14 -
Offline
Desde 04 Jul 2022

O meu bebé está quase a fazer 3 meses e com 2 comecei a ganhar fissuras na mama esquerda.

Há cerca de uma semana só lhe consigo dar essa mama se estiver ensonado, caso contrário chora mesmo muito e grita se lhe meto a mama na boca.

O grande problema é que hoje está a fazer isso com as 2 mamas, farta-se de gritar e não mama.

Vou ao evento da ASA na sexta-feira e vou ver se me ajudam no entanto estou mesmo muito perto de desistir, a amamentação tem sido um absoluto pesadelo para mim e acho que não a consigo manter em exclusivo.

Não houve perda de produção (tiro bastante leite com a bomba) e não houve introdução de bicos artificiais.

BRB -
Offline
Desde 26 Abr 2021

Olá.
Só lhe posso dizer isto: aguente enquanto for possível para si. Não é menos mãe se desistir, é a amamentação só faz sentido se for prazerosa para ambos.
Na ASA vão ajudá-la certamente Sorriso

Deia21 -
Offline
Desde 27 Ago 2016

Olá mãe. Quase a fazer 3 meses esta num pico de crescimento. É normal. Também sofri muito com a amamentação até aos 4 meses mais ou menos. Foram fissuras, ductos entupidos, peito emprdradado, também pensei em desistir muitas vezes. Tirei imenso leite com a bomba, mas havia alturas que com os mamilos feridos não conseguia porque a bomba dilatava o mamilo e ainda me fazia doer mais. Houve várias vezes que o meu filho chorava e não queria pegar a mama, e eu chorava junto com ele. Procurei as enfermeiras do Centro de saúde mais que uma vez que me ajudaram bastante. Foi muito difícil, mas consegui aguentar, depois amamentar acabou por se tornar em algo prazeroso, deixou de me doer com o passar do tempo, quando sabemos que eles têm fome também se torna mais fácil. Nos picos de crescimento, eles necessitam de mais leite, então quando mamam e não ficam satisfeitos podem ficar inquietos, mas é importante que eles continuem a estimular para que na mamada seguinte já consigamos satisfazer as necessidades deles. Vai dar tudo certo, se amamentar em exclusivo é algo que quer, procure ajuda, é aguente até onde conseguir. Beijinho, tudo a correr bem ❤

Anotski85 -
Offline
Desde 09 Jun 2020

Introduzir um mamilo de silicone quando estava com o mamilo ferido não teria sido má ideia.
Há quem faça um bicho de sete cabeças por causa dos bicos de silicone, mas eu usei no início, quando o meu filho nasceu, e ainda uso se tiver a mama a doer, e nunca houve stress nenhum por isso aqui.

Anotski85 -
Offline
Desde 09 Jun 2020

Isto para dizer que não tem de ser um pesadelo. Se tem um desconforto, deve tratá-lo e usar o que está ao seu alcance para o minimizar. Essas abordagens muito fundamentalistas quanto à amamentacao às vezes são tão rígidas que as mães acabam por detestar dar maminha e desistem.
Se quiser continuar a amamentar, faça o que estiver ao seu alcance para que seja um ato tão simples e agradável quanto possível. Se é um pesadelo, não force. Pode ir dando o seu leite no biberão enquanto tiver e ir alternando com LA para o bebé se habituar a ambos os leites e não só ao LM.

Mai. -
Offline
Desde 05 Ago 2022

Aconselho a não meter a mama na boca do bebé e deixar que seja ele a procurá - la. Já experimentou a posição reclinada? Em movimento? Aconselho muito contato pele com pele com o bebé perto das mamas mas acho melhor não forçar, caso contrário ele pode ganhar ainda mais aversão ao peito. Outra dica é meter umas gotinhas do seu leite na zona dos mamilos, pode lhe cheirar e ser mais fácil para ele agarrar na mama. Já agora o bebé continua a pegar nas mamas quando está sonolento? Ou recusa a mama sempre?

Daniela_D.K -
Offline
Desde 04 Abr 2021

Aos 3 meses a minha bebé deixou completamente a mama direita e não aceita nem mesmo ensonada. Consegui amamentar em exclusivo até aos 6 meses e hoje ela tem quase 9 e ainda amamento (claro tenho uma mama maior que a outra mas pronto)
As primeiras 3 semanas foram horríveis e quase desisti. Tinha muita dor e fissuras e o que ajudou foram as Silverette e a bomba de extração… depois ela deixou a mama direita de um dia para o outro, a minha CAM aconselhou-me a tentar e a extrair e um dia desisti mesmo. Ela falou que pode ser por motivo anatómico ou porque pode estar com alguma inflamação e que quando terminar de amamentar fazer uma eco era boa ideia.
Aconselho-te a ter uma CAM, as da SOS Amamentação são acessíveis - a minha pelo menos nunca cobrou um cêntimo e sempre falou comigo a qualquer hora do dia, sim até de madrugada… ela me ajudou muito a nunca desistir. Ainda à poucas semanas tive uma mastite e a minha bebé recusou mamar, fez greve de mama quase três dias e eu desesperei, quase dei LA mas a minha CAM apoiou-me durante todo o processo e uma mamã aqui também me deu muita coragem e enviou-me informação (se fores ao tópico amamentação podes ver o meu pedido de ajuda por baixa produção de leite).
Ora a tua produção não diminuiu então não deves desistir pelo menos enquanto não perceberes o que se passa.
Deixo-te os contactos da SOS Amamentação. A minha CAM é a Sara Onofre de Ilhavo mas procura alguém da tua zona pois quem sabe não se possam encontrar para ela te ajudar melhor.
Eu sei que a amamentação não é igual para todas. Mas para mim é a melhor coisa do mundo, é um momento que vale a pena manter e por isso merece que se ultrapasse todos os obstáculos. No hospital quando tive mastite a médica que me atendeu disse “ela já tem 8 meses já não precisa assim tanto do seu leite por isso pode parar” doeu ouvir aquelas palavras, como se não houvessem sentimentos envolvidos como se eu também não precisasse de um tempo para o desmame. Enfim como digo não é igual para todas.

Instagram: @d.k_illustra