Adoção | De Mãe para Mãe

Adoção

Responda
41 mensagens
Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Ola meninas depois de 5 abortos eu e o meu marido decidimos avançar para o processo de adoção,ja enviamos tudo e falei com a assistente social que me disse que depois seria contactada para a sessão A.
Bem.isto e tudo novo para mim e nao sei o que esperar.a unica coisa que sei e que vao ser longos anos pela frente o resto estou meio perdida.
Alguem me pode explicar em que consiste a sessão A?

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

a.m -
Online
Desde 08 Set 2010

Boa noite lurdinhas...
Nada a ver com o tópico, só lhe dou os parabéns pela adoção, e que seja um caminho curto a percorrer, que existe tantas crianças a precisar de muito amor ♥️♥️
Mas não sei de onde é, gostaria de lhe aconselhar uma ida a clínica CETi com o professor doutor João silva Carvalho..
Depois de não sei atos abortos sem causa aparente em mim , cheguei a esse anjo e com a medicação dele foi milagre, melhor 2 milagres tenho hoje 2 bonecas...
E se não fizer medicação as minhas gravidezes não conseguem seguir, mas só com a medicação que me passou consegui...
Um beijinho

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Olá Lurdinhas,
Espero que sim que avancem para adoção Sorriso é um caminho distinto mas que penso que é lindo de maternidade <3 No entanto também espero que tentes ainda Piscar o olho Não consigo imaginar a tua dor...por vezes é tão difícil mas o milagre acontece. Aproveitem o tratamento no estado e oiçam outra opinião. Talvez fazerem dgpi dos embrioes? Não sei. Desculpa se estou a ser intromentida. Mas doi tanto o meu coração quando alguém pensa em desistir Triste

Em relação a Sessão A de adoção é apenas infromativa. Ou seja, vão explicar os parametros da lei, regras, quais as crianças em situação de adoptabilidade e o passado delas. Na minha sessão deram imensos exemplos do passado de muitas crianças e das adversidades pelo qual estaremos sujeitos.
No fundo dão a realidade sem o romance ue muitas vezes envolve a adoção para que as pessoas pensem mesmo se é o que qurem.
Saimos de lá com toda a papelada que precisamos de assinar para efectuar a inscrição oficial vá. Depois será feita a avaliação do casal em como está apto ou não para adoção.
Vão lá que não perdem nada mesmo que decidam que não querem. Não é vinculativa é mesmo só informativa.
Confesso que tive de segurar a lagrima umas vezes e a vontade era que o telefone tocasse na hora e já tivessem passados os anos de espera....
Depois conta como foi Sorriso

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

patruixia escreveu:
Olá Lurdinhas,
Espero que sim que avancem para adoção é um caminho distinto mas que penso que é lindo de maternidade <3 No entanto também espero que tentes ainda Não consigo imaginar a tua dor...por vezes é tão difícil mas o milagre acontece. Aproveitem o tratamento no estado e oiçam outra opinião. Talvez fazerem dgpi dos embrioes? Não sei. Desculpa se estou a ser intromentida. Mas doi tanto o meu coração quando alguém pensa em desistir
Em relação a Sessão A de adoção é apenas infromativa. Ou seja, vão explicar os parametros da lei, regras, quais as crianças em situação de adoptabilidade e o passado delas. Na minha sessão deram imensos exemplos do passado de muitas crianças e das adversidades pelo qual estaremos sujeitos.
No fundo dão a realidade sem o romance ue muitas vezes envolve a adoção para que as pessoas pensem mesmo se é o que qurem.
Saimos de lá com toda a papelada que precisamos de assinar para efectuar a inscrição oficial vá. Depois será feita a avaliação do casal em como está apto ou não para adoção.
Vão lá que não perdem nada mesmo que decidam que não querem. Não é vinculativa é mesmo só informativa.
Confesso que tive de segurar a lagrima umas vezes e a vontade era que o telefone tocasse na hora e já tivessem passados os anos de espera....
Depois conta como foi

Ola obrigada pela explicação,eu e o meu marido sabemos e estamos conscientes de que sera um processo longo e nada perfeito como muita gente pensa que e mas mesmo assim vamos em frente.sofrimento ja nos estamos habituados a lidar isto sera apenas mais uma etapa,a coisas tao injustas que uma pessoa por vezes fica revoltada sabes???ve se tanta mulher a ter filhos so por ter ou os abandonar e depois nos lutamos ate a exaustao por preencher o nosso colo,e duro mas desitir nao e a palavra ainda que se encaixe no que tenciono fazer.eu agora vou tentar pelo hospital de santa maria pois tenho direito aos 3 tratamentos mas sabes eu nao acredito que va funcionar,eu penso que dentro de toda a medicacao que possa ser possível fazer eu ja fiz e agora não havera nada de novo para me incentivar,mas tenho de tentar para quando meter um ponto final em tudo e desisir nao ficar com pontas soltas em relacao ao que poderia ter feito e nao fiz.
Em.que ponto esta a tua situação da adocao???sabes eu acho que vai ser muito dificil eu conseguir adotar pois eu quero uma crianca ate aos 3 anos e sei que isso e um.entrave,relativamente a raca nao tenho preferência mas sei que a questão idade podera me dificultar muito as coisas

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Olá, a idade da criança não é uma entrave. Simplesmente fica numa faixa etária onde há mais procura e mais candidatos e à espera é ainda mais longa. Deve ser fiéis as vossas pretensões e ter muita perseverança na longa espera. Eu esperei 6 anos e a minha filha tinha 5 quando o telefone tocou. Beijinhos e que corra tudo bem.
Quanto ao primeiro projeto, deixo um abraço apertado e que os dois juntos tenham a capacidade de decidir o que é melhor para os dois. Continuar a lutar é difícil mas parar e desistir é muito mais.

Beijinhos

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Diri_1979 escreveu:
Olá, a idade da criança não é uma entrave. Simplesmente fica numa faixa etária onde há mais procura e mais candidatos e à espera é ainda mais longa. Deve ser fiéis as vossas pretensões e ter muita perseverança na longa espera. Eu esperei 6 anos e a minha filha tinha 5 quando o telefone tocou. Beijinhos e que corra tudo bem.
Quanto ao primeiro projeto, deixo um abraço apertado e que os dois juntos tenham a capacidade de decidir o que é melhor para os dois. Continuar a lutar é difícil mas parar e desistir é muito mais.
Beijinhos

Parar e desistir nao consigo....so de pensar doi me tanto ca dentro nao sei explicar,sabes a cada a aborto peñso para mim que basta,que nao da mais,que ja chega o que estou a fazer ao meu corpo e a mim mas depois nao sei onde vou buscar as forcas e penso que ainda nao e hora de desistir.relativamente a adocao sempre foi uma coisa que pensei muito mesmo antes de conhecer o meu marido e pensar que teria estes problemas de abortos,eu pensava que um dia gostaria de adotar uma criança pois todos nos merecemos uma chance de sermos felizes e olha parecia que era mesmo o meu destino pois o meu marido apoia a ideia a 100% desde sempre.
Relativamente a idade eu sei que faz com que seja uma espera maior muitoo maior mas como nao tenho preferência pela etnia/raca podera penso eu ser um ponto positivo para ser um bocadito menos longo.como foi a adaptacao depois da tua filha em casa???essa e uma parte que me deixa com medo sabes????a crianca nao gostar de mim ou nao querer estar aqui...acho que sao dúvidas normais

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Lurdinhas31 escreveu:

Diri_1979 escreveu:Olá, a idade da criança não é uma entrave. Simplesmente fica numa faixa etária onde há mais procura e mais candidatos e à espera é ainda mais longa. Deve ser fiéis as vossas pretensões e ter muita perseverança na longa espera. Eu esperei 6 anos e a minha filha tinha 5 quando o telefone tocou. Beijinhos e que corra tudo bem.
Quanto ao primeiro projeto, deixo um abraço apertado e que os dois juntos tenham a capacidade de decidir o que é melhor para os dois. Continuar a lutar é difícil mas parar e desistir é muito mais.
Beijinhos

Parar e desistir nao consigo....so de pensar doi me tanto ca dentro nao sei explicar,sabes a cada a aborto peñso para mim que basta,que nao da mais,que ja chega o que estou a fazer ao meu corpo e a mim mas depois nao sei onde vou buscar as forcas e penso que ainda nao e hora de desistir.relativamente a adocao sempre foi uma coisa que pensei muito mesmo antes de conhecer o meu marido e pensar que teria estes problemas de abortos,eu pensava que um dia gostaria de adotar uma criança pois todos nos merecemos uma chance de sermos felizes e olha parecia que era mesmo o meu destino pois o meu marido apoia a ideia a 100% desde sempre.
Relativamente a idade eu sei que faz com que seja uma espera maior muitoo maior mas como nao tenho preferência pela etnia/raca podera penso eu ser um ponto positivo para ser um bocadito menos longo.como foi a adaptacao depois da tua filha em casa???essa e uma parte que me deixa com medo sabes????a crianca nao gostar de mim ou nao querer estar aqui...acho que sao dúvidas normais

Sei bem esses sentimentos de que falas de querer parar e depois ir buscar forças não se sabe bem onde é por isso digo que desistir é a tarefa mais dura do que continuar a tentar e massacrar o corpo e a alma.
Comecei nestas vidas tinha 29 e tenho 41... é um dia tive de parar... e ainda hoje me custa!
A nossa opção era ate aos 5 anos e podia ter raça ou etnia e tem. Esperamos 6 anos.
A adaptação foi excelente... parece que sempre fez parte da nossa família e que sempre estivemos juntos. Encaixamos uns nos outros muito bem. No início estava de pé atrás com as histórias que ouvia... está na fase do encantamento, quando se sentir à vontade vai mostrar o outro lado e tal. Já passou um ano e não vi esse lado... continua tudo a correr bem. Mas claro que há histórias de adaptações mais difíceis e temos de estar preparados para tal. Mas é a construção de uma história e é muito bonito. Passas a ter alguém que te ama incondicionalmente, te chama de mãe e precisa de ti pra o aconchego e proteção. Vale a pena o tempo de espera... Mas por exemplo após a chegada dela descobrimos que ouvia mal e agora usa aparelhos. Doeu me muito... mas a verdade é que ela é surpreendente, adaptou se bem... é o desenrasque em pessoa mini, e sempre com um olhar feliz e de sorriso... que me pergunto como pode alguém andar sempre tão feliz.
Enche uma casa e acaba com qualquer tristeza e o meu mundo agora é ela é é a ela que me quero dedicar e pela 1a vez consegui dizer não a um novo tratamento... custou e ainda me custa... mas decidimos assim.

Beijinhos. Alguma dúvida dispõe

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Diri_1979 escreveu:
Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Cada palavra que descreves o meu coracao palpita pois o desejo de ser mae e tanto.qual e a causa da tua infertilidade???

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Lurdinhas31 escreveu:

Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Cada palavra que descreves o meu coracao palpita pois o desejo de ser mae e tanto.qual e a causa da tua infertilidade???

Começamos por infertilidade inexplicada, fizemos tudo coito programado, iuu, Fiv sem fecundação, icsi, icsi com dgpi e tec com embrião doado.
Ao logo do processo o espermograma foi piorando, tive de tirar uma trompa... mas na prática nunca perceberam pq. Tive 3 abortos retidos, 3 gravidezes bioquímicas e 10 transferências. Fiz todos os exames possíveis e imagináveis. Recorri ao hospital público, clínicas privadas no Porto, Lisboa e Vigo e uma imunologista da reprodução em Madrid. Nunca passei das 9 semanas.

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Diri_1979 escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Cada palavra que descreves o meu coracao palpita pois o desejo de ser mae e tanto.qual e a causa da tua infertilidade???

Começamos por infertilidade inexplicada, fizemos tudo coito programado, iuu, Fiv sem fecundação, icsi, icsi com dgpi e tec com embrião doado.
Ao logo do processo o espermograma foi piorando, tive de tirar uma trompa... mas na prática nunca perceberam pq. Tive 3 abortos retidos, 3 gravidezes bioquímicas e 10 transferências. Fiz todos os exames possíveis e imagináveis. Recorri ao hospital público, clínicas privadas no Porto, Lisboa e Vigo e uma imunologista da reprodução em Madrid. Nunca passei das 9 semanas.

Pois eu tal.como tu aborto sempre no inicio eu e sempre a partir das 5 semanas e ja ando cansada de tantos abortos.tenho agora 3 tentativas de FIv no hospital de santa maria se nao der depois disso vou parar

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Lurdinhas31 escreveu:

Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Cada palavra que descreves o meu coracao palpita pois o desejo de ser mae e tanto.qual e a causa da tua infertilidade???

Começamos por infertilidade inexplicada, fizemos tudo coito programado, iuu, Fiv sem fecundação, icsi, icsi com dgpi e tec com embrião doado.
Ao logo do processo o espermograma foi piorando, tive de tirar uma trompa... mas na prática nunca perceberam pq. Tive 3 abortos retidos, 3 gravidezes bioquímicas e 10 transferências. Fiz todos os exames possíveis e imagináveis. Recorri ao hospital público, clínicas privadas no Porto, Lisboa e Vigo e uma imunologista da reprodução em Madrid. Nunca passei das 9 semanas.

Pois eu tal.como tu aborto sempre no inicio eu e sempre a partir das 5 semanas e ja ando cansada de tantos abortos.tenho agora 3 tentativas de FIv no hospital de santa maria se nao der depois disso vou parar

É preciso encontrar o tal embrião. Desejo te toda a sorte do mundo que nas próximas tentativas esteja o tal embrião rijo e sobreviente.

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Diri_1979 escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Cada palavra que descreves o meu coracao palpita pois o desejo de ser mae e tanto.qual e a causa da tua infertilidade???

Começamos por infertilidade inexplicada, fizemos tudo coito programado, iuu, Fiv sem fecundação, icsi, icsi com dgpi e tec com embrião doado.
Ao logo do processo o espermograma foi piorando, tive de tirar uma trompa... mas na prática nunca perceberam pq. Tive 3 abortos retidos, 3 gravidezes bioquímicas e 10 transferências. Fiz todos os exames possíveis e imagináveis. Recorri ao hospital público, clínicas privadas no Porto, Lisboa e Vigo e uma imunologista da reprodução em Madrid. Nunca passei das 9 semanas.

Pois eu tal.como tu aborto sempre no inicio eu e sempre a partir das 5 semanas e ja ando cansada de tantos abortos.tenho agora 3 tentativas de FIv no hospital de santa maria se nao der depois disso vou parar

É preciso encontrar o tal embrião. Desejo te toda a sorte do mundo que nas próximas tentativas esteja o tal embrião rijo e sobreviente.

Deus queira que sim mas independentemente de conseguir ter um filho vou seguir para adocao na mesma.tudo de bom para ti e para a tua menina 😘😘

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Diri_1979 escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:Olá, a idade da criança não é uma entrave. Simplesmente fica numa faixa etária onde há mais procura e mais candidatos e à espera é ainda mais longa. Deve ser fiéis as vossas pretensões e ter muita perseverança na longa espera. Eu esperei 6 anos e a minha filha tinha 5 quando o telefone tocou. Beijinhos e que corra tudo bem.
Quanto ao primeiro projeto, deixo um abraço apertado e que os dois juntos tenham a capacidade de decidir o que é melhor para os dois. Continuar a lutar é difícil mas parar e desistir é muito mais.
Beijinhos

Parar e desistir nao consigo....so de pensar doi me tanto ca dentro nao sei explicar,sabes a cada a aborto peñso para mim que basta,que nao da mais,que ja chega o que estou a fazer ao meu corpo e a mim mas depois nao sei onde vou buscar as forcas e penso que ainda nao e hora de desistir.relativamente a adocao sempre foi uma coisa que pensei muito mesmo antes de conhecer o meu marido e pensar que teria estes problemas de abortos,eu pensava que um dia gostaria de adotar uma criança pois todos nos merecemos uma chance de sermos felizes e olha parecia que era mesmo o meu destino pois o meu marido apoia a ideia a 100% desde sempre.
Relativamente a idade eu sei que faz com que seja uma espera maior muitoo maior mas como nao tenho preferência pela etnia/raca podera penso eu ser um ponto positivo para ser um bocadito menos longo.como foi a adaptacao depois da tua filha em casa???essa e uma parte que me deixa com medo sabes????a crianca nao gostar de mim ou nao querer estar aqui...acho que sao dúvidas normais

Sei bem esses sentimentos de que falas de querer parar e depois ir buscar forças não se sabe bem onde é por isso digo que desistir é a tarefa mais dura do que continuar a tentar e massacrar o corpo e a alma.
Comecei nestas vidas tinha 29 e tenho 41... é um dia tive de parar... e ainda hoje me custa!
A nossa opção era ate aos 5 anos e podia ter raça ou etnia e tem. Esperamos 6 anos.
A adaptação foi excelente... parece que sempre fez parte da nossa família e que sempre estivemos juntos. Encaixamos uns nos outros muito bem. No início estava de pé atrás com as histórias que ouvia... está na fase do encantamento, quando se sentir à vontade vai mostrar o outro lado e tal. Já passou um ano e não vi esse lado... continua tudo a correr bem. Mas claro que há histórias de adaptações mais difíceis e temos de estar preparados para tal. Mas é a construção de uma história e é muito bonito. Passas a ter alguém que te ama incondicionalmente, te chama de mãe e precisa de ti pra o aconchego e proteção. Vale a pena o tempo de espera... Mas por exemplo após a chegada dela descobrimos que ouvia mal e agora usa aparelhos. Doeu me muito... mas a verdade é que ela é surpreendente, adaptou se bem... é o desenrasque em pessoa mini, e sempre com um olhar feliz e de sorriso... que me pergunto como pode alguém andar sempre tão feliz.
Enche uma casa e acaba com qualquer tristeza e o meu mundo agora é ela é é a ela que me quero dedicar e pela 1a vez consegui dizer não a um novo tratamento... custou e ainda me custa... mas decidimos assim.
Beijinhos. Alguma dúvida dispõe


❤️❤️❤️

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Diri_1979 escreveu:
Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

patruixia escreveu:

Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Os homens são mais lentos na aceitação e interiorização destes assuntos, com muito amor e poder de persuasão típico das mulheres, vais ver que o levas no caminho desejado. A torcer para a feijoca se agarrar!

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

patruixia escreveu:

Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Lurdinhas31 escreveu:

patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Diri_1979 escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Sim e verdade o problema maior e a porcaria de sociedade em Que vivemos e o preconceito e discriminação que podem sofrer as crianças

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Lurdinhas31 escreveu:

Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Sim e verdade o problema maior e a porcaria de sociedade em Que vivemos e o preconceito e discriminação que podem sofrer as crianças


Sinto o mesmo que tu Lurdinhas. O meu marido é Brasileiro e o meu irmão é casado com uma polaca. Portanto diversidade cultural é o que não nos falta eheh O preconceito não é só com o tom de pele. Não é fácil certamente, mas todos os caminhos da maternidade serão desafiantes...quanto maior o desafio maior a gratificação!! Daí merecer tanta luta da nossa parte.
Lurdinhas nos teus abortos alguma vez se fez biopsia do bebe? Eu sigo o Dr Rodrigo Rosa no instagram e ele no outro dia falou dos abortos de repetição e sobre como se descarta a importancia do porquê do aborto e que nao basta so a biopsia tradicional pois da muitas vezes inconclusiva, que se deve fazer o mesmo exame que se faz nos embrioes (estilo dpgi) que o estudo dessas celulas nos dirá se o aborto é por alguma mal formação de origem genetica sei la...Sei que todos temos a nossa cruz, mas tenho a certeza que a dor de abortos atras de abortos é bem pior e marcante. Por isso sim tenho que vos louvar a força sempre.
O meu beta esta para dia 2 de Dezembro, mas como a tec foi dia 19 estou a pensar testar dia 30. O que achas? Não sou muito experiente em betas e testes de gravidez odeio pq fico na duvida se nao é um erro lol

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Diri_1979 escreveu:

patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Os homens são mais lentos na aceitação e interiorização destes assuntos, com muito amor e poder de persuasão típico das mulheres, vais ver que o levas no caminho desejado. A torcer para a feijoca se agarrar!


Obrigada Piscar o olho Sim tenho essa esperança ele tem bom coração e seria um pai tão bom...espero que ele repense mais a frente. Andei anos a pedir para nos inscrevermos e ele sempre veio com os maiores receios e historias...dp qq caso de filho que mata os pais, estas a ver era adotado...enfim Triste

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

patruixia escreveu:

Diri_1979 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Os homens são mais lentos na aceitação e interiorização destes assuntos, com muito amor e poder de persuasão típico das mulheres, vais ver que o levas no caminho desejado. A torcer para a feijoca se agarrar!

Obrigada Sim tenho essa esperança ele tem bom coração e seria um pai tão bom...espero que ele repense mais a frente. Andei anos a pedir para nos inscrevermos e ele sempre veio com os maiores receios e historias...dp qq caso de filho que mata os pais, estas a ver era adotado...enfim

Também ouvi muitas histórias dessas, mas também há biológicos a fazer o mesmo! Uma vez fui falar com o diretor da minha escola porque tinha uma reunião na segurança social e la lhe expliquei. Resposta dele: estás a ver o aluno x maluquinho que anda aí? É adotado! Vê lá no que te vais meter... as pessoas não tem mesmo filtro e gostam de se meter na vida dos outros. É ser resiliente... mas os homens são assim... o meu também não queria avançar, só depois do filho biológico. Quando na cabeça dele já não era possível quis avançar, ainda andava eu convicta não luta. Fiquei pior que estragada, porque a adoção não era um substituto do fracasso... fizemos a formação A em 2011 e entre etnias e raças e idade entramos em conflito e amuei... de birra mesmo! Só em 2013 entregamos os papéis e ao longo do processo fui sempre massacrando literalmente. Até chegarmos a um consenso. Cedi numa coisa, ele queria menina e eu não queria definir sexo, porque não se escolhe num filho... mas sempre que podia la lhe dizia que por causa dele só tínhamos 50% hipóteses de sermos chamados. Sim sou mesmo insuportável e pica miolos loll

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

patruixia escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Sim e verdade o problema maior e a porcaria de sociedade em Que vivemos e o preconceito e discriminação que podem sofrer as crianças

Sinto o mesmo que tu Lurdinhas. O meu marido é Brasileiro e o meu irmão é casado com uma polaca. Portanto diversidade cultural é o que não nos falta eheh O preconceito não é só com o tom de pele. Não é fácil certamente, mas todos os caminhos da maternidade serão desafiantes...quanto maior o desafio maior a gratificação!! Daí merecer tanta luta da nossa parte.
Lurdinhas nos teus abortos alguma vez se fez biopsia do bebe? Eu sigo o Dr Rodrigo Rosa no instagram e ele no outro dia falou dos abortos de repetição e sobre como se descarta a importancia do porquê do aborto e que nao basta so a biopsia tradicional pois da muitas vezes inconclusiva, que se deve fazer o mesmo exame que se faz nos embrioes (estilo dpgi) que o estudo dessas celulas nos dirá se o aborto é por alguma mal formação de origem genetica sei la...Sei que todos temos a nossa cruz, mas tenho a certeza que a dor de abortos atras de abortos é bem pior e marcante. Por isso sim tenho que vos louvar a força sempre.
O meu beta esta para dia 2 de Dezembro, mas como a tec foi dia 19 estou a pensar testar dia 30. O que achas? Não sou muito experiente em betas e testes de gravidez odeio pq fico na duvida se nao é um erro lol

Como poderei fazer biopsia do bebe se os meus abortos sao sempre entre as 6 semanas??e quase impossível querida.sabes eu ja fiz todos os exames possiveis e imaginários e nesta gravidez fiz um coktail de medicacao e nada.acho mesmo que ja nada va funcionar para ter o meu bebe mas como tenho oportunidade no publico vou fazer porque pelo privado não vou tentar mais.transferiste embriao de quantos dias???

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Luz22 -
Offline
Desde 20 Nov 2012

Olá meninas.
Tb estou no processo de adoção desde julho de 2019 e sei q tenho ainda uns bons anos pela frente, pois escolhemos crianças até 2 irmãos até aos 4 anos sem etnia...É um percurso mt penoso, o querer sermos pais e não conseguirmos...
Eu, após 6 tratamentos, engravidei 2 vezes e das 2 vezes os meus bebés tiveram problemas graves e tive de interromper as gravidezes...há alguma coisa mais cruel? não conseguires engravidar, e quando consegues e após manter as gravidezes até aos 4 meses detetarem problemas no bebé. Ainda aguardo o resultado da autopsia fetal desta última e testes genéticos.
Também queria engravidar e manter a adoção, claro, por isso decidimos avançar antes do último tratamento q fiz e do qual engravidei.
No entanto, após longos 8 anos de tratamentos decidimos parar por aqui...mas é mesmo o mais difícil qd chegas à conclusão q tens de parar pela tua saúde física e psicológica.
Resta-nos esperar e ver casos de sucesso que vão surgindo para nos alimentar a alma q algum dia seremos nós!
Beijinhos a todas!

Sobre Luz22

Endometriose IV
1ª FIV 2015 (-)
2ª FIV out. 2016 (+) IMG Triste

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

Luz22 escreveu:
Olá meninas.
Tb estou no processo de adoção desde julho de 2019 e sei q tenho ainda uns bons anos pela frente, pois escolhemos crianças até 2 irmãos até aos 4 anos sem etnia...É um percurso mt penoso, o querer sermos pais e não conseguirmos...
Eu, após 6 tratamentos, engravidei 2 vezes e das 2 vezes os meus bebés tiveram problemas graves e tive de interromper as gravidezes...há alguma coisa mais cruel? não conseguires engravidar, e quando consegues e após manter as gravidezes até aos 4 meses detetarem problemas no bebé. Ainda aguardo o resultado da autopsia fetal desta última e testes genéticos.
Também queria engravidar e manter a adoção, claro, por isso decidimos avançar antes do último tratamento q fiz e do qual engravidei.
No entanto, após longos 8 anos de tratamentos decidimos parar por aqui...mas é mesmo o mais difícil qd chegas à conclusão q tens de parar pela tua saúde física e psicológica.
Resta-nos esperar e ver casos de sucesso que vão surgindo para nos alimentar a alma q algum dia seremos nós!
Beijinhos a todas!

Ola querida realmente e doloroso o teu percurso ninguem deveria ter de sofrer tanto para ser mae,realmente a coisas que nao consigo entender.eu tenho essa vontade de desistir pois tenho 35 anos e a 5 que ando me a desgastar.nao faco muita coisa pelo simples facto de poder estar gravida e não saber ou pelos tratamentos em si.eu tenho esta meta que sao estes 3 tratamentos que o publico me vai dar depois disso se nao der tambem vou por um ponto final nisto

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Diri_1979 -
Offline
Desde 18 Set 2016

Luz22 escreveu:
Olá meninas.
Tb estou no processo de adoção desde julho de 2019 e sei q tenho ainda uns bons anos pela frente, pois escolhemos crianças até 2 irmãos até aos 4 anos sem etnia...É um percurso mt penoso, o querer sermos pais e não conseguirmos...
Eu, após 6 tratamentos, engravidei 2 vezes e das 2 vezes os meus bebés tiveram problemas graves e tive de interromper as gravidezes...há alguma coisa mais cruel? não conseguires engravidar, e quando consegues e após manter as gravidezes até aos 4 meses detetarem problemas no bebé. Ainda aguardo o resultado da autopsia fetal desta última e testes genéticos.
Também queria engravidar e manter a adoção, claro, por isso decidimos avançar antes do último tratamento q fiz e do qual engravidei.
No entanto, após longos 8 anos de tratamentos decidimos parar por aqui...mas é mesmo o mais difícil qd chegas à conclusão q tens de parar pela tua saúde física e psicológica.
Resta-nos esperar e ver casos de sucesso que vão surgindo para nos alimentar a alma q algum dia seremos nós!
Beijinhos a todas!

Sei bem esse sentimento... és uma lutadora e parar é preciso mesmo uma força sobre humana.

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Diri_1979 escreveu:

patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Os homens são mais lentos na aceitação e interiorização destes assuntos, com muito amor e poder de persuasão típico das mulheres, vais ver que o levas no caminho desejado. A torcer para a feijoca se agarrar!

Obrigada Sim tenho essa esperança ele tem bom coração e seria um pai tão bom...espero que ele repense mais a frente. Andei anos a pedir para nos inscrevermos e ele sempre veio com os maiores receios e historias...dp qq caso de filho que mata os pais, estas a ver era adotado...enfim

Também ouvi muitas histórias dessas, mas também há biológicos a fazer o mesmo! Uma vez fui falar com o diretor da minha escola porque tinha uma reunião na segurança social e la lhe expliquei. Resposta dele: estás a ver o aluno x maluquinho que anda aí? É adotado! Vê lá no que te vais meter... as pessoas não tem mesmo filtro e gostam de se meter na vida dos outros. É ser resiliente... mas os homens são assim... o meu também não queria avançar, só depois do filho biológico. Quando na cabeça dele já não era possível quis avançar, ainda andava eu convicta não luta. Fiquei pior que estragada, porque a adoção não era um substituto do fracasso... fizemos a formação A em 2011 e entre etnias e raças e idade entramos em conflito e amuei... de birra mesmo! Só em 2013 entregamos os papéis e ao longo do processo fui sempre massacrando literalmente. Até chegarmos a um consenso. Cedi numa coisa, ele queria menina e eu não queria definir sexo, porque não se escolhe num filho... mas sempre que podia la lhe dizia que por causa dele só tínhamos 50% hipóteses de sermos chamados. Sim sou mesmo insuportável e pica miolos loll


Pois eu tb sou assim. O meu marido na questão do sexo e etnia nao é nada de fazer problemas mas ele nao prescinde de uma criança/bebe ate 3 4 anos pq acha que é mais facil de nos adptarmos e de evitar problemas...mas ha tb desvantagens nisso. qaunto mais pequena a criança menos se sabe sobre ela e sobre potenciais problemas qque possam ter. Mas eu penso mt como tu, não é um premio de consolação nem substituto de um filho idealizado. Eu queria um filho. Não escolheria o meu filho que nascesse de mim por isso me sinto mal por fazer essa parte de selecionar as crianças...mas bom temos de ser realistas ne. Vamos ver no que isto vai dar Sorriso Eu desde miuda que pensava em adotar mas nao sonhava que seria tao penoso. Nunca foi meu sonho ser mae biologica, tb estava longe de imaginar que dificilmente o serei eheheh ou va se nascer de mim é meu filho o quÊ??? biologico mas nao gnetico? nao sei como classificar. mas tudo para dizer que so queria um filho para cuidar e mar e construir historias com mt vida que so uma criança consegue Piscar o olho

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Lurdinhas31 escreveu:

patruixia escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Sim e verdade o problema maior e a porcaria de sociedade em Que vivemos e o preconceito e discriminação que podem sofrer as crianças

Sinto o mesmo que tu Lurdinhas. O meu marido é Brasileiro e o meu irmão é casado com uma polaca. Portanto diversidade cultural é o que não nos falta eheh O preconceito não é só com o tom de pele. Não é fácil certamente, mas todos os caminhos da maternidade serão desafiantes...quanto maior o desafio maior a gratificação!! Daí merecer tanta luta da nossa parte.
Lurdinhas nos teus abortos alguma vez se fez biopsia do bebe? Eu sigo o Dr Rodrigo Rosa no instagram e ele no outro dia falou dos abortos de repetição e sobre como se descarta a importancia do porquê do aborto e que nao basta so a biopsia tradicional pois da muitas vezes inconclusiva, que se deve fazer o mesmo exame que se faz nos embrioes (estilo dpgi) que o estudo dessas celulas nos dirá se o aborto é por alguma mal formação de origem genetica sei la...Sei que todos temos a nossa cruz, mas tenho a certeza que a dor de abortos atras de abortos é bem pior e marcante. Por isso sim tenho que vos louvar a força sempre.
O meu beta esta para dia 2 de Dezembro, mas como a tec foi dia 19 estou a pensar testar dia 30. O que achas? Não sou muito experiente em betas e testes de gravidez odeio pq fico na duvida se nao é um erro lol

Como poderei fazer biopsia do bebe se os meus abortos sao sempre entre as 6 semanas??e quase impossível querida.sabes eu ja fiz todos os exames possiveis e imaginários e nesta gravidez fiz um coktail de medicacao e nada.acho mesmo que ja nada va funcionar para ter o meu bebe mas como tenho oportunidade no publico vou fazer porque pelo privado não vou tentar mais.transferiste embriao de quantos dias???


é verdade Lurdinhas nem me tinha ocorrido que todos os abortos forma precoces. Isso poderá estar relacionado com qualidade ovovitaria? O teu marido fez espermograma com fragmentação de dna? Estou a fazer estas perguntas pq sei que sao factores de falhas de implantação e tb de abortos, principalmente iniciais.
Ovodoação nao seria hipotese mais a frente para voces?
Eu transferi 2 embrioes Blastocisto .

patruixia -
Offline
Desde 05 Jul 2011

Luz22 escreveu:
Olá meninas.
Tb estou no processo de adoção desde julho de 2019 e sei q tenho ainda uns bons anos pela frente, pois escolhemos crianças até 2 irmãos até aos 4 anos sem etnia...É um percurso mt penoso, o querer sermos pais e não conseguirmos...
Eu, após 6 tratamentos, engravidei 2 vezes e das 2 vezes os meus bebés tiveram problemas graves e tive de interromper as gravidezes...há alguma coisa mais cruel? não conseguires engravidar, e quando consegues e após manter as gravidezes até aos 4 meses detetarem problemas no bebé. Ainda aguardo o resultado da autopsia fetal desta última e testes genéticos.
Também queria engravidar e manter a adoção, claro, por isso decidimos avançar antes do último tratamento q fiz e do qual engravidei.
No entanto, após longos 8 anos de tratamentos decidimos parar por aqui...mas é mesmo o mais difícil qd chegas à conclusão q tens de parar pela tua saúde física e psicológica.
Resta-nos esperar e ver casos de sucesso que vão surgindo para nos alimentar a alma q algum dia seremos nós!
Beijinhos a todas!

Lamento muito Luz Triste
Pelo que vejo somos irmas de luta. Também a endometriose te bateu a porta. Ela é a razão de eu ter desistido do meu material genetico e estar a tentar por ovodoação. Pode tb nao resultar, mas vou tentar. Vamos ver agora como correu, depois tenho mais um blastocisto congelado. apos isso espero pelo publico e faremos descanso desta vida de ansiedade e sfrimneto sempre atras de algo que ninguem nos garante que vamos conseguir. Por agora mantenho mais um pouco a fé. Mas como já disse a Lurdes sinto que a vossa luta é bem mais dificil. Eu nunca engravidei, nem sei se é possivel. Mas tb nunca tive de sentir um filho e ter de me despedir dele ... Triste Mas mais a frente tenho a certeza que toda esta espera valerá a pena e terão os vossos filhotes Sorriso Acredito que mesmo que não será sempre assim. um grande beijinho e um abraço para os dias cinzentos Piscar o olho

Lurdinhas31 -
Offline
Desde 18 Out 2016

patruixia escreveu:

Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
Diri_1979 escreveu:
Lurdinhas31 escreveu:
patruixia escreveu:
Diri_1979 escreveu:Esses receios são normais e não é só o teu filho não gostar de ti mas tb tu não criares sentimentos por ele. Mas é um sentimento crescente e claro tens de te preparar para aquelas frases típicas do não gosto de ti e não és minha mãe no momento da birra. A minha filha ainda não disse mas prevejo mais pra adolescência levar com essas proezas. Mas até os biológicos tem essas saídas faz parte do desenvolvimento e o lidar com a frustração.

Sempre foram os nossos medos. Mas eu tenho pensado tanto nisto que quero muito adotar memso que tenha um filho da minha barriga. Mas o meu marido agora já diz que não 😔😔😔 Tenho de o tentar convencer. Sei que ele tem Amis medos que eu. Mas eu fico tão feliz e emocionada quando vejo finais como o teu diri. Longe do que imaginavas mas 2 corações partidos, neste caso 3 se podem mimar uns aos outros ❤️
Lurdinhas eu so fui a sessão A. Eles disseram que não faziam a avaliação a grávidas por isso não avancei logo com os papeis. Fiz transferência na 5a de 2 embriões por ovodoação. Espero o resultado e se der negativo avanço com os papeis mesmo tendo outro embrião para transferir. E farei como me sugeriram, não digo que estou em tratamento no momento. A questão agora é que o meu marido diz que já não quer passar por este processo se conseguirmos ter um filho. Diz que está cansado de tudo, da espera de não termos paz... Mas eu gostava tanto de ter as 2 coisas. Ele também so quer criança pequena e sem deficiência grave. Eu por mim estendia até aos 6. Mas sei lá... Com o tempo também podemos mudar de ideias e mudar isso. Fiquei triste pq também falaram que estão paradas as adições com são Tomé e príncipe e com cabo verde. Pensei que talvez fosse mais rápido, embora mais caro.
Vocês são mulheres inspiradoras. As vezes sinto que já sofri muito... Mas depois lembro-me de vocês e de outras meninas daqui e sinto vergonha de mim.

Oh querida somos todas lutadoras aqui ninguém e mais ou menos fraca,somos todas seres humanos e todas nos temos um desejo em cumun,ser mae,sabes eu as vezes revolto me e choro e vejo mulheres carregadas de filhos e eles andam ao deus dara e fico triste e revoltada porque eu so quero ser mae e nao consigo e aquelas parecem gatas a parir mas depois penso em como sou abençoada e passa,a muitas mulheres que sao maes mas se calhar davam tudo para ter a nossa vida.eu sou saudavel sou feliz tenho um marido que nao podia pedir melhor,tenho a casa dos meus sonhos tenho os meus animais de estimação que amo loucamente e nem tudo e mau,este caminho magoa nos muito e sabes eu.nao queria tentar mais,depois de 5 abortos acho que mais nenhuma medicacao vai funcionar em mim para evitar mais um aborto mas depois tenho o meu marido que me da forca e diz que temos de tentar tudo para se nao der podermos fechar este capitulo com a consciência que fizemos tudo.sabes eu adoraria adotar uma.crianca de etnia pois vi tantos documentários sobre o quanto sao discriminados e sao as crianças que ninguém quer.as crianças de raca negra sao a coisinha mais linda e bela do mundo e isso para mim e para o meu marido seria uma benção.tu fazes beta quando?

Etnias vai para além de raça negra ou etnia cigana, que dão os casos que imediatamente pensamos. Ter uma criança com etnia diferente é um trabalho também diferente e acrescido. É preciso saber ensina la a viver com o preconceito da sociedade, pois há pessoas muito más que fazem comentários que em nada são inofensivos. Ensina la a lidar com os olhares alheios devido às diferenças com os pais. Fazer crescer uma criança segura e trabalhar a sua auto-estima, tantas vezes beliscada. Aceitar uma criança diferente seja por estes motivos ou por uma deficiência é preciso também ter todos estes aspetos e outros em consideração.

Sim e verdade o problema maior e a porcaria de sociedade em Que vivemos e o preconceito e discriminação que podem sofrer as crianças

Sinto o mesmo que tu Lurdinhas. O meu marido é Brasileiro e o meu irmão é casado com uma polaca. Portanto diversidade cultural é o que não nos falta eheh O preconceito não é só com o tom de pele. Não é fácil certamente, mas todos os caminhos da maternidade serão desafiantes...quanto maior o desafio maior a gratificação!! Daí merecer tanta luta da nossa parte.
Lurdinhas nos teus abortos alguma vez se fez biopsia do bebe? Eu sigo o Dr Rodrigo Rosa no instagram e ele no outro dia falou dos abortos de repetição e sobre como se descarta a importancia do porquê do aborto e que nao basta so a biopsia tradicional pois da muitas vezes inconclusiva, que se deve fazer o mesmo exame que se faz nos embrioes (estilo dpgi) que o estudo dessas celulas nos dirá se o aborto é por alguma mal formação de origem genetica sei la...Sei que todos temos a nossa cruz, mas tenho a certeza que a dor de abortos atras de abortos é bem pior e marcante. Por isso sim tenho que vos louvar a força sempre.
O meu beta esta para dia 2 de Dezembro, mas como a tec foi dia 19 estou a pensar testar dia 30. O que achas? Não sou muito experiente em betas e testes de gravidez odeio pq fico na duvida se nao é um erro lol

Como poderei fazer biopsia do bebe se os meus abortos sao sempre entre as 6 semanas??e quase impossível querida.sabes eu ja fiz todos os exames possiveis e imaginários e nesta gravidez fiz um coktail de medicacao e nada.acho mesmo que ja nada va funcionar para ter o meu bebe mas como tenho oportunidade no publico vou fazer porque pelo privado não vou tentar mais.transferiste embriao de quantos dias???

é verdade Lurdinhas nem me tinha ocorrido que todos os abortos forma precoces. Isso poderá estar relacionado com qualidade ovovitaria? O teu marido fez espermograma com fragmentação de dna? Estou a fazer estas perguntas pq sei que sao factores de falhas de implantação e tb de abortos, principalmente iniciais.
Ovodoação nao seria hipotese mais a frente para voces?
Eu transferi 2 embrioes Blastocisto .

Ovodoacao ja falei ao meu medico que diz que isso nao se aplica a mim pois alem de ter uma xlente reserva ovarica respondo muito bem a medicação e ele diz que isso nao e hipotese para mim ele sabera mellhor que eu,relativamente ao espermograma ele fez so o normal,neste caminho nos mulheres e que somos mais massacradas sempre com exames eles nao estudam muito os hHomens a nao ser o espermograma.olha eu na minha tec transferi 2 blastocitos e no D9 pos transferência fiz teste de farmácia que deu positivo

A procura do meu milagre desde agosto de 2015
03/02/2020 1IIU(-)
02/08/2020 FIv sem transferência por risco de hiperstimulacao
Outubro 2020 TEC(+)
Apos 5 abortos a luta continua

Andreia M.C. -
Offline
Desde 17 Set 2014

a.m escreveu:
Boa noite lurdinhas...
Nada a ver com o tópico, só lhe dou os parabéns pela adoção, e que seja um caminho curto a percorrer, que existe tantas crianças a precisar de muito amor ♥️♥️
Mas não sei de onde é, gostaria de lhe aconselhar uma ida a clínica CETi com o professor doutor João silva Carvalho..
Depois de não sei atos abortos sem causa aparente em mim , cheguei a esse anjo e com a medicação dele foi milagre, melhor 2 milagres tenho hoje 2 bonecas...
E se não fizer medicação as minhas gravidezes não conseguem seguir, mas só com a medicação que me passou consegui...
Um beijinho

Boa noite a. m, depois de um longo caminho na infertilidade e de 2 aborto, gostaria de saber qual a medicacao que o Dr. Silva Carvalho lhe receitou, se poder dizer, claro.
Obrigada

Outros tópicos relacionados

Suspensão do subsídio de Desemprego
Olá, ninas! Alguém sabe com o funciona a suspensão do subsídio de desemprego caso se encontre, por exemplo, um emprego temporário?
Aos nossos monstrinhos
Aos nossos monstrinhos, neste dia especial, a todas as mamãs e papás (poucos mas bons) do forum, e à administração... um doce Halloween!! Cá por casa teremos 2 'esqueletos maus', como diz a minha filhota. E iremos mesmo bater à porta dos vizinhos a...
Receitas para bebés
Olá, meninas! Lembrei-me de criar este topico para podermos partilhar as receitas de frutas, sopas e papinhas q fazemos para os nossos bebés. Sei que existem muitos sites sobre o assunto, como por exemplo o da Nestlé q consulto c regularidade, mas é...
Halloween
Sei q n é uma festa c grande tradição em Portugal, mas eu e o namorado já a celebramos há muito e este ano n queriamos q fosse excepção. No entanto, cm os bebecas têm apenas 10 meses n dará para viver o 'Doçura ou travessura' em pleno, e por isso...
HELP! Atracção por protectores!!!
Tenho andado ocupada nos ultimos dias a tornar a casa mais segura para os meus bebés, pois a princesa já gatinha, e o pandinha rebola, e tenho receio q batam nos cantinhos. O problema maior é na sala de estar, pois é onde tenho o tapete de...
Milk shake???
Preciso da vossa ajuda, ninas! Como sei q há por aqui mamãs muito experientes e muito versadas nas ''técnicas culinárias para bebés'' loool e tenho o pedi de férias e n me apetecia estar a incomodá-lo c algo q deve ser de simples resolução, gostava...

Votação

Qual destas bebidas consome no dia-a-dia?