2 perdas seguidas | De Mãe para Mãe

2 perdas seguidas

Responda
13 mensagens
Joana Teixeira ... -
Offline
Desde 14 Nov 2022

Olá a todas, partilho aqui o meu caso pois acredito que ao partilhar sentimo-nos um pouco menos sozinhas.
Tenho um filhote saudável mas o desejo de termos o 2° surgiu no ano passado. Ja nao tomava a pílula há anos e em Outubro do ano passado deixamos de usar metodo contraceptivo. Dado o facto de ter nessa altura 40 anos, sempre achei que fosse demorar alguns meses até engravidar. O que é certo é que no mês seguinte, em Novembro, a menstruação atrasou mais de uma semana e comecei a sentir muito cansaço e muita sensibilidade mamária enquanto corria (algo que fazia na altura). Testei e foi logo claro um positivo. Marquei consulta com a obstetra às 7 semanas, ouvimos o batimento do embrião e a consulta seguinte havia ficado agendada para as 10 semanas. Nessa 2a consulta tivemos a pior notícia da nossas vidas quando ouvimos a medica e dizer "nao tenho boas notícias para te dar", tinha um aborto retido. Nesse dia o mundo ruiu e uma parte de mim foi se. Nao tinha tido nenhum sangramento, nenhuma dor, nenhum sinal. Segundo a médica, o embriao estava ali firme e o melhor seria avançarmos para o protocolo medicamentoso. No dia seguinte de manhã fui ter com ela às urgencias do Hosp. De Sao João e demos início ao protocolo. Nao funcionou à primeira e passado uns dias colocaram me mais comprimidos vaginais. Nesse dia sim tive contrações, muitas dores e senti me mesmo numa espécie de trabalho de parto. Na ecografia seguinte após uns dias, o embrião tinha sido finalmente expelido e deram me alta. Isto tudo no Natal de 2021. Após a 1a menstruação, no final de Janeiro fui novamente à obstetra e ela viu que havia ainda ali um resto abortivo de milímetros mas que tinha de sair para eu poder engravidar novamente. Na manhã seguinte lá fui ter com ela às urgências do S. João para realizar uma histeroscopia cirurgica para retirada desse resto abortivo. Quem me fez esse procedimento nao foi a minha obstetra mas sim a Dra Sofia Bessa, muito carinhosa e cuidadosa e uma excelente profissional. Após este período dificil, no início de Abril tive autorização médica para voltar aos treinos e voltar a engravidar. No inicio de Setembro descobri que estava novamente grávida. Nesta gravidez e por precaução e por ter agora 41 anos, a OB passou me o proggefik vaginal e a toma do tromalyt. Fiz consultas às 4 e às 6 semanas, aqui já com batimento. Há 15 dias, quando estava com 10 semanas vi um corrimento castanho, inicialmente muito ligeiro mas que me assutou logo. Fui às urgências e tive logo o diagnóstico, mais uma vez por volta das 8 semanas o embrião terá deixado de desenvolver. Nessa semana já tinha consulta marcada com a OB e fomos, confirmou se tudo. Como ja estava com um sangramento castanho decidi não fazer logo o protocolo medicamentoso e pedi lhe para esperar mais uma semana. Nesta 2a perda tudo aconteceu de forma espontânea e senti quando o perdi, até vi o coágulo onde estava o saco gestacional... Na passada sexta-feira tive nova consulta, a OB viu que o útero estava quase limpo e o pouco que tinha tudo indica que vai sair ainda neste sangramento ou no proximo mês na próxima menstruação. Entretanto e dado ter 41, a médica nao quis esperar e ja nos passou uma série de análises. O meu marido fez ao cariotipo apenas, eu fiz ao cariotipo, uma série de análises ao sangue, muito especificas, coagulação, doencas auto imunes, tiroide, etc. Ontem já fizemos a recolha de sangue e daqui a um mês teremos os resultados assim como nova consulta com a OB. Fizemos tudo no particular e são análises bastante dispendiosas, apesar de ambos termos seguro de saúde. Agora vamos ver próximos passos e o que podemos fazer para aumentar a probabilidade de uma nova gravidez bem sucedida. A medica diz que se soubermos o que se passa podemos atuar e aumentar a possibilidade de uma gravidez saudavel, ou pode vir tudo com resultados normais e terem sido apenas duas fatalidades.
Uma coisa sabemos, nao vamos desistir os 3, eu, o meu marido e o meu filhote que já se apercebe do que temos vindo a passar.
Desculpem o texto tao extenso mas acredito que como me ajuda a mim ler cada um dos vossos casos, com o meu testemunho poderei ajudar alguém a sentir-se menos sozinho.
Mais alguem por aí com histórico de mais que uma perda gestacional?
Muita força e um abraço 🤍🙏

Libra_16 -
Online
Desde 19 Out 2015

Oá Joana,

Lamento muito. Também no início de Julho soube que estava com um aborto retido, era a minha 2ª gravidez. Como tu não senti nada, não tive sangramento, nada de nada. Descobri por acaso, numa ida à urgência por achar que podia estar com uma infeção, sentia algum desconforto vaginal. Estava de 10+6, aparentemente deixou de se desenvolver pelas 9 semanas.
O meu OB aconselhou aguardar 2 ciclos, após a expulsão, para voltar a tentar. Estamos neste momento em treinos, com muita esperança que corra bem, mas muito medo também que volte a acontecer de novo. Um Abraço apertado!

Sobre Libra_16

- Última pílula Março 2015
- Positivo a 22/11/15 <3
- DPP 24/07/16 - Parto: 25/07/16

- Positivo 24/05/2022
- Aborto retido e IMG a 04/07/2022

a_lola -
Offline
Desde 30 Set 2015

Sei perfeitamente o que passaste, em 2020 também tive um aborto retido, que descobri as 12semanas... Cytotec sem efeito acabei por ir fazer curetagem. Voltei em engravidar no 2/3 ciclo seguinte e um aborto espontâneo as 6 semanas. O meu Gineco mandou-me fazer vários estudos e descobri que tenho défice de antitrombina 3, terei que fazer anticoagulante. Também tenho hipotiroidismo na gravidez, na qual já estou a ser medicada em prevenção e deverei aumentar a dose quando estiver grávida.
Fizemos uma pausa, e lá decidimos voltar a tentar este ano, e sem querer fiquei grávida em setembro, ou seja não estava a fazer anticoagulante e a minha TSH (tiroide) disparou.
a próxima tentativa não pode falhar, para não voltar a perder.
ah e a minha primeira gravidez totalmente normal....
Faça o estudo para saber o que está impedir a evolução, para depois estar bem acompanhada Sorriso

Sobre a_lola

26.11.2015 treinos > 27.01.2016 HCG 576 > meu <3
01.2020 treinos > 03.2020 HCG+ > AR c/ curetagem 13sem
08.2020 regresso aos treinos > 09.2020 HCG+ > AE 6sem+3
10.2020 tiroidite de Hashimoto + défice antitrombina III (pausa)
08.2022 regresso aos treinos > 10.2022 HCG+ > AE 6sem+2

Joana Teixeira ... -
Offline
Desde 14 Nov 2022

Libra_16 escreveu:
Oá Joana,
Lamento muito. Também no início de Julho soube que estava com um aborto retido, era a minha 2ª gravidez. Como tu não senti nada, não tive sangramento, nada de nada. Descobri por acaso, numa ida à urgência por achar que podia estar com uma infeção, sentia algum desconforto vaginal. Estava de 10+6, aparentemente deixou de se desenvolver pelas 9 semanas.
O meu OB aconselhou aguardar 2 ciclos, após a expulsão, para voltar a tentar. Estamos neste momento em treinos, com muita esperança que corra bem, mas muito medo também que volte a acontecer de novo. Um Abraço apertado!

Lamento imenso a tua perda 🙏
E desejo que tudo corra bem a partir de agora!
Um forte abraço 🤍

Joana Teixeira ... -
Offline
Desde 14 Nov 2022

a_lola escreveu:
Sei perfeitamente o que passaste, em 2020 também tive um aborto retido, que descobri as 12semanas... Cytotec sem efeito acabei por ir fazer curetagem. Voltei em engravidar no 2/3 ciclo seguinte e um aborto espontâneo as 6 semanas. O meu Gineco mandou-me fazer vários estudos e descobri que tenho défice de antitrombina 3, terei que fazer anticoagulante. Também tenho hipotiroidismo na gravidez, na qual já estou a ser medicada em prevenção e deverei aumentar a dose quando estiver grávida.
Fizemos uma pausa, e lá decidimos voltar a tentar este ano, e sem querer fiquei grávida em setembro, ou seja não estava a fazer anticoagulante e a minha TSH (tiroide) disparou.
a próxima tentativa não pode falhar, para não voltar a perder.
ah e a minha primeira gravidez totalmente normal....
Faça o estudo para saber o que está impedir a evolução, para depois estar bem acompanhada

Lamento imenso as tuas perdas. Custa muito e só quem passa por isto sabe o que realmente dói na alma.
Os resultados do estudo e das análises chegarão em Dezembro, vamos ver🙏
Desejo que tudo corra bem a partir de agora!
Um forte abraço 🤍

ff86 -
Offline
Desde 11 Set 2010

Ola Joana. Lamento muito as perdas.
Tenho um filho, gravidez tranquila. E o ano passado comecamos a tentar. Logo na primeira em dezembro gravidez quimica AE 5 sem. Na segunda vez, Aborto espontâneo. Tive de recorrer à cirurgia. Esperamos mais 3 meses e nova tentativa falhada a terceira vez. Abortei no dia que soube que estava grávida. Mais uma gravidez química. Comecamos o estudo. Mais 3 meses a espera para fazer. Eu já não esperava, eu ja desesperava. Ele fez espermograma que acusou 2% morfologia, ou seja abaixo do normal e eu fiz 18 paginas de análises e apenas acusou deficiência de vitamina D valores 28, sendo o ideal uns 60. Resumindo por um lado fico feliz por nao acusar doenças auto imunes nem coagulação mas por outro será isto suficiente para causar abortos?
Minha querida muito força. Ainda temos esperança.um beijinho grande

Sobre ff86

POSITIVO - 28 de Março
DPP 18.11.2014
O meu D. nasceu a 27.11.2014
POSITIVO - 6 de Março 2022
DPP 19.11.2022
AE 29/03/2022

Joana Teixeira ... -
Offline
Desde 14 Nov 2022

ff86 escreveu:
Ola Joana. Lamento muito as perdas.
Tenho um filho, gravidez tranquila. E o ano passado comecamos a tentar. Logo na primeira em dezembro gravidez quimica AE 5 sem. Na segunda vez, Aborto espontâneo. Tive de recorrer à cirurgia. Esperamos mais 3 meses e nova tentativa falhada a terceira vez. Abortei no dia que soube que estava grávida. Mais uma gravidez química. Comecamos o estudo. Mais 3 meses a espera para fazer. Eu já não esperava, eu ja desesperava. Ele fez espermograma que acusou 2% morfologia, ou seja abaixo do normal e eu fiz 18 paginas de análises e apenas acusou deficiência de vitamina D valores 28, sendo o ideal uns 60. Resumindo por um lado fico feliz por nao acusar doenças auto imunes nem coagulação mas por outro será isto suficiente para causar abortos?
Minha querida muito força. Ainda temos esperança.um beijinho grande

Lamento as tuas perdas...
Obrigada pelo teu testemunho.
Também fizeram estudo ao cariotipo ou o médico nao recomendou? Também devo ter feito essas análises todas não só por ter ficado com a carteira mais leve(€) como também por ter tirado tantos frasquinhos de sangue. Agora em Dezembro tenho consulta já marcada após a 1a menstruação após este 2° aborto (espero eu que já tenha tido a menstruação) e já com os resultados das análises na posse da obstetra.
No teu caso e dado que estavam as análises bem, qual foi a recomendação médica?

Continuamos na luta e na esperança de dias melhores!🤍

a_lola -
Offline
Desde 30 Set 2015

ff86 escreveu:
Ola Joana. Lamento muito as perdas.
Tenho um filho, gravidez tranquila. E o ano passado comecamos a tentar. Logo na primeira em dezembro gravidez quimica AE 5 sem. Na segunda vez, Aborto espontâneo. Tive de recorrer à cirurgia. Esperamos mais 3 meses e nova tentativa falhada a terceira vez. Abortei no dia que soube que estava grávida. Mais uma gravidez química. Comecamos o estudo. Mais 3 meses a espera para fazer. Eu já não esperava, eu ja desesperava. Ele fez espermograma que acusou 2% morfologia, ou seja abaixo do normal e eu fiz 18 paginas de análises e apenas acusou deficiência de vitamina D valores 28, sendo o ideal uns 60. Resumindo por um lado fico feliz por nao acusar doenças auto imunes nem coagulação mas por outro será isto suficiente para causar abortos?
Minha querida muito força. Ainda temos esperança.um beijinho grande

Também tive uma primeira gravidez normal, e quando voltamos a tentar tem sido só perdas.
Tenho um ligeiro défice de antitrombina e tiróidite de hashimoto, na qual fico com hipotireoidismo quando engravido.
Fui a consulta pós aborto e o médico solicitou o cariótipo do casal, era a única coisa que não tinhamos feito

Sobre a_lola

26.11.2015 treinos > 27.01.2016 HCG 576 > meu <3
01.2020 treinos > 03.2020 HCG+ > AR c/ curetagem 13sem
08.2020 regresso aos treinos > 09.2020 HCG+ > AE 6sem+3
10.2020 tiroidite de Hashimoto + défice antitrombina III (pausa)
08.2022 regresso aos treinos > 10.2022 HCG+ > AE 6sem+2

a_lola -
Offline
Desde 30 Set 2015

ff86 escreveu:
Ola Joana. Lamento muito as perdas.
Tenho um filho, gravidez tranquila. E o ano passado comecamos a tentar. Logo na primeira em dezembro gravidez quimica AE 5 sem. Na segunda vez, Aborto espontâneo. Tive de recorrer à cirurgia. Esperamos mais 3 meses e nova tentativa falhada a terceira vez. Abortei no dia que soube que estava grávida. Mais uma gravidez química. Comecamos o estudo. Mais 3 meses a espera para fazer. Eu já não esperava, eu ja desesperava. Ele fez espermograma que acusou 2% morfologia, ou seja abaixo do normal e eu fiz 18 paginas de análises e apenas acusou deficiência de vitamina D valores 28, sendo o ideal uns 60. Resumindo por um lado fico feliz por nao acusar doenças auto imunes nem coagulação mas por outro será isto suficiente para causar abortos?
Minha querida muito força. Ainda temos esperança.um beijinho grande

Estando tudo bem, qual vai ser o seu protocolo?

Sobre a_lola

26.11.2015 treinos > 27.01.2016 HCG 576 > meu <3
01.2020 treinos > 03.2020 HCG+ > AR c/ curetagem 13sem
08.2020 regresso aos treinos > 09.2020 HCG+ > AE 6sem+3
10.2020 tiroidite de Hashimoto + défice antitrombina III (pausa)
08.2022 regresso aos treinos > 10.2022 HCG+ > AE 6sem+2

maria tv -
Offline
Desde 24 Nov 2022

Olá Joana

À medida que lia o teu testemunho tais eram as semelhanças da tua história com a minha, que ainda fui ver se teria eu que tinha escrito ... poderia já me ter esquecido.. mas não.
Temos vários pontos em comum pelo facto de também correres e sentires a sensibilidade mamária, a rapidez de foi engravidar. Também o facto como relataste as experiências das perdas e os vários exames que realizaste, me identifiquei.
Eu tenho 41 anos e tive 3 perdas nos últimos 2 anos. Quando tomava a decisão engravidava logo. De tal forma que, após o 1ªperda e pela idade, tendo sido indicada para consulta de infertilidade mas quando fui chamada já tinha engravidado mais 2 vezes e perdido. O obstetra especialista disse que não seria um problema de infertilidade pois já tinha engravidado 3 vezes em menos de 2 anos ... e foi aí que fiz os testes de cariótipos. Os resultados vieram a ser normais.

À medida que iam acontecendo as perdas, tentava procurar uma causa com exames, análises.
Tenho hipotiroidismo hashimoto que controlo com levotiroxina.
A respeito a trombofilias apenas a Anticardiolipina não deu negativa mas sim num intervalo impreciso que é denominado "equívoco". Isto já por duas vezes.

Procuro ter resposta às perdas procurando uma causa, mas até agora não se sabe o que correu mal.

ff86 -
Offline
Desde 11 Set 2010

Olá Joana não fiz cariotipo. Tenho de investigar isso. Entretanto jurei a mim mesma que já não ia fazer mais nada. Entretanto o meu namorado fez um estudo a fragmentação dos espermatozóides. O espermograma simples pode estar normal mas a fragmentação do ADN não. Assim vamos perceber se realmente é essa a causa. A alta % de fragmentados causa abortos. Vou à consulta de obstetra e de medicina interna obstetrica Dra Augusta Borges na próxima semana. Aconselho as meninas serem seguidas numa consulta de medicina interna.

Sobre ff86

POSITIVO - 28 de Março
DPP 18.11.2014
O meu D. nasceu a 27.11.2014
POSITIVO - 6 de Março 2022
DPP 19.11.2022
AE 29/03/2022

Joana Teixeira ... -
Offline
Desde 14 Nov 2022

maria tv escreveu:
Olá Joana
À medida que lia o teu testemunho tais eram as semelhanças da tua história com a minha, que ainda fui ver se teria eu que tinha escrito ... poderia já me ter esquecido.. mas não.
Temos vários pontos em comum pelo facto de também correres e sentires a sensibilidade mamária, a rapidez de foi engravidar. Também o facto como relataste as experiências das perdas e os vários exames que realizaste, me identifiquei.
Eu tenho 41 anos e tive 3 perdas nos últimos 2 anos. Quando tomava a decisão engravidava logo. De tal forma que, após o 1ªperda e pela idade, tendo sido indicada para consulta de infertilidade mas quando fui chamada já tinha engravidado mais 2 vezes e perdido. O obstetra especialista disse que não seria um problema de infertilidade pois já tinha engravidado 3 vezes em menos de 2 anos ... e foi aí que fiz os testes de cariótipos. Os resultados vieram a ser normais.
À medida que iam acontecendo as perdas, tentava procurar uma causa com exames, análises.
Tenho hipotiroidismo hashimoto que controlo com levotiroxina.
A respeito a trombofilias apenas a Anticardiolipina não deu negativa mas sim num intervalo impreciso que é denominado "equívoco". Isto já por duas vezes.
Procuro ter resposta às perdas procurando uma causa, mas até agora não se sabe o que correu mal.

Olá:) antes de mais lamento as tuas perdas...
No meio disto tudo é bom vermos que não somos caso único e que tantas outras mulheres passam pelo mesmo.
Tal como referes, acredito que com respostas do que pode estar mal connosco nas análises, com medicação haverá uma maior probabilidade da próxima gravidez correr bem.
A minha obstetra também me disse que os resultados das análises podem vir todos dentro dos parâmetros normais e as duas perdas que tive terem sido "2 azares", apesar de na 2a gravidez já tomar a aspirina 150 e o proggefik vaginal mesmo assim não foi suficiente.
Se é o que queremos mesmo, não podemos perder a esperança por mais dificil e penoso que o caminho seja!

maria tv -
Offline
Desde 24 Nov 2022

Olá

Pois as perdas são muito difíceis de aceitar e ultrapassar. Também lamento as tuas perdas.
Tentativa a tentativa procuramos mudar o que poderia estar errado.
Neste fórum colocam-se muitas questões e tomamos conhecimento de outros casos . Eu desconhecia por completo que havia casos semelhantes ao meu. E acabo por estar mais informada e ter conhecimento que não sou a única a ter planos e a encontrar dificuldades.
Muitas mulheres também falam que pode estar tudo bem e que é uma questão de probabilidade, o que é deixar tudo nas mãos da sorte.

Votação

Quanto tempo, em média, dura uma consulta com o seu filho no pediatra?