Tudo sobre células estaminais | De Mãe para Mãe

Está aqui

Tudo sobre células estaminais

Células estaminais

Célula Estaminal: do latim - “Stamine”, que significa fio da vida e existência.

Uma célula estaminal é uma célula indiferenciada que tem a capacidade de se dividir muitas vezes, por períodos indefinidos, durante toda a vida do organismo.

Sob condições apropriadas ou na presença dos sinais adequados, as células estaminais podem dar origem a muitos tipos diferentes de células constituintes do organismo, podendo assim, desenvolverem-se células com características e funções especializadas, consoante os estímulos externos a que foram sujeitas.

Designam-se células estaminais adultas as que se encontram em tecidos já diferenciados e especializados, que têm a capacidade de promover processos de regeneração dos tecidos do nosso organismo.

São estas as células que estão presentes no cordão umbilical e podem ser recolhidas no momento do parto através da recolha do sangue e/ou do tecido do cordão umbilical. Trata-se de um processo indolor e não invasivo, ao contrário da recolha noutras fontes como medula óssea, córnea ou órgãos internos.

A recolha no momento do parto tem várias vantagens, uma vez que as células estaminais:

  • São células imunologicamente puras;
  • Não foram sujeitas a alterações no seu ADN (nomeadamente através de exposição a radiação solar e toxinas);
  • Em caso de necessidade para uma futura aplicação terapêutica, as células estarão prontas para utilização, ao contrário de outros métodos em que, por vezes, a espera para encontrar um dador compatível pode ser muito prolongada.

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?