Sogros de visita quando o bebé nasce | De Mãe para Mãe

Goste de nós no Facebook

últimos tópicos no forum

Fórum Treinantes

Gravidez e excesso de peso

Fórum Treinantes

SOS Opiniões

Fórum Geral & Apresentação

Monstra não vem😅

Fórum Grávidas

Carrinhos p bebé

Fórum Infertilidade

FIV/foliculos

Fórum Mães & Bebés

Produtos higiene e termômetro

Fórum Grávidas

Chamada para junta médica

Fórum Treinantes

Testes gravidez tirinhas

Fórum Geral & Apresentação

Dúvida sobre a Licença Parental Partilhada

Fórum Suporte Técnico

corrimento líquido esbranquiçado

Fórum Mães & Bebés

Ciúmes familia marido

Fórum Creches e jardins de infância

Creches em zona de Almada/Laranjeiro

Destaques nas lojas

Loja sfpa

++++++Novidades a chegar++++++.Obrigado a todas por aqui com...

Loja dtandsmps

Em atualizações...A não perder!!!...

Loja A Mafaldinha

FRALDAS REUTILIZAVEIS NOVAS!!BAIXA DE PREÇOS!!!...

Loja Estela2010

Copos de aprendizagem, biberoes, Testes de gravidez e ovulaç...

Loja patilago

0-5 anos,.Roupinhas.Babygrows, Pijamas, camisas, sapatinhos...

Loja Pipoquinha 07

Brevemente novidades!! Roupa e calçado de menina em excelen...

Loja susana seixas

TUDO A 50 % 50% NOVIDADES EM BREVE POR FAVOR ENVIAR MENSA...

Loja lucymarques85

Coisinhas novas a entrar!!! Aproveitem :) boas compras...

Loja PATY1179

NOVIDADES menino e menina...

Loja veraamorim

3 peças 1€ (para peças de valor INFERIOR a 1€), 3 peças 2€ (...

produtos à venda

€5.00
€12.00
€2.00
€2.00
€3.00
€2.00
€2.00
€10.00
€5.00
€11.00
€4.00
€4.00

artigos recentes

7 frases que nunca deve dizer a quem não consegue engravidar

O momento em que o casal decide ter um filho é sempre um momento...

Está grávida? Saiba como se manter hidratada durante o Verão!

A hidratação é uma questão à qual todos devemos estar atentos –...

Lembrem-se sempre disto: ser saudável é o mais importante!

Carolina Deslandes publicou uma fotografia três semanas após o...

Primeiras idas à praia com um bebé: cuidados a ter

O calor começa a chegar e com ele vem aquela vontade crescente de...

Uma sesta… criativa!

Laura Izumikawa, nasceu em Tóquio mas atualmente vive na...

Nasceu um bebé

04.09.2017
05.08.2017
19.07.2017
17.07.2017

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?

Está aqui

33 mensagens
Última entrada
Retrato de Sofiadobosque
Offline
Desde:
08.07.2013

Sogros de visita quando o bebé nasce

Preciso de opiniões imparciais!

Resumindo, os sogros moram a mais de 350 km de distancia o que quer dizer que:
- os vemos poucas vezes (4/ano mais ou menos)
- quando há visitas nós ficamos em casa deles, ou então (mais raro) eles ficam cá em casa.

A minha sogra não é fácil de aturar. MESMO. Não vou estar aqui a contar grandes histórias nem a chorar o fado amargo da vida, porque sogras, cada uma tem a que lhe calhou. Mas só pra dar como exemplo, a minha cunhada (filha dela) nem sequer dá o numero de telefone de casa à mãe, pra não ter que aturar chamadas dela a toda a hora. A sogra já sabe que pra falar com a filha tem que esperar que seja ela a telefonar (e a cunhada mora fora do país). Isto so pra explicar que nao sou so eu que a acho dificil de aturar. TODA a gente acha o mesmo. Tanto o meu marido como a cunhada estão habituados a ver os pais de longe a longe, e pra eles isto é normal porque desde novos que andaram em colegios internos a 300 km de distancia e so viam os pais nas ferias da escola.

Sempre que sei que vou estar com ela entro em stress. E so de imaginar como vai ser quando o bebe nascer (primeiro neto), ja nem durmo. Ja falei com o marido e disse-lhe que nao quero visitas dos pais dele ca em casa quando o bebe nascer,porque teriam obrigatoriamente que ficar ca em casa,e eu quero andar a vontade, e acima de tudo dormir o que puder dormir (da ultima vez que ela esteve ca em casa dormi 4 horas ao todo, e n foram seguidas. Acontece o mesmo quando estou em casa dela, n me deixa dormir em condiçoes, embora esta vez tenha sido a pior).

O que combinei com o marido, foi que depois do bebé nascer eles não vêm visitar, e vamos nós lá quando o bebé tiver pelo menos um mês (aliás, apontamos a marca dos 40 dias pra ser mais preciso).
O assunto ainda não foi conversado com os pais dele, mas o que ficou combinado entre nós os dois foi isso. O meu marido achou o pedido razoável e não levantou questões.

Maaaas já estou a imaginar o drama, quando chegar a altura. A minha pergunta é: acham razoável a questão da visita no segundo mês de vida do bebé (na casa deles e não na nossa) ou é crueldade fazer esperar os avós para ver o neto?

Retrato de Piolhinha
Offline
Desde:
17.12.2016

Não há a hipótese de visitarem o neto e irem embora? Expliquem que querem aproveitar o primeiro mês a 3 para eles perceberem que não querem que lá durmam mas acho que não a devem proibir de ver o neto...

Retrato de Suse Marlene
Offline
Desde:
01.12.2012

Se você e o seu marido acham sensata a decisão quem somos nós aqui para a ilucidar do contrário? Vocês é que mandam na vossa casa, embora sendo o primeiro neto, com todos os defeitos e mais alguns que a senhora possa ter você acha justo? Daqui a anos será você avó como se sentiria? Ah muito bem porque eu não vou ser uma sogra assim... A vida da muita volta.. mas se está decidido não somos nós que temos de estar a ilucidar da sensatez que tem ou a falta dela.. eu não o faria mas da sua vida e da vossa relação sabe você daí isto não contar para nada.
Seja feliz! Horinha pequena

Retrato de Miac
Offline
Desde:
02.09.2007

Antes de mais obrigada, a sua descrição da situação conseguiu fazer-me rir neste dia difícil de passar Piscar o olho

Sinceramente? Percebo o seu ponto de vista mas também percebo que os avós queiram conhecer o neto assim que ele nascer e creio que não vão aceitar a vossa proposta, isto se o marido tiver coragem para dizer isso aos pais :)
Eu também tive de engolir o sapo de ter a sogra cá em casa na 1ª semana de vida da minha filhota quando tinha dito ao marido que não queria cá ninguém enfiado em casa, nem os pais dele nem os meus (também vivemos longe da família)! Porque a mãe simplesmente disse que tinha tirado 1 semana de férias e ele não disse nada!!
Olhe sinceramente? Há coisas piores Piscar o olho Tente que a visita seja curta, de manhã relaxe no quarto, aproveite o colo da avó para tomar banho ou comer descansada. Em resumo, relativize e não se martirize já ;)
Ahhh nós com 15 dias fomos à terra com a bebé para ela conhecer os bisavós por isso caso consigam que eles não ocupem a vossa casa podem antecipar a visita ;)
Felicidades!

Retrato de Sofiadobosque
Offline
Desde:
08.07.2013

Eu sei que somos nós que decidimos, mas se estou a pedir opiniões é precisamente porque duvido da minha capacidade de raciocinar no que diz respeito a ela.

Miac, a semana com os sogros correu bem? já tinhas stress com a sogra antes disso ou nem por isso?

Piolhinha, também já pensei nisso de virem visitar o bebé e irem embora no mesmo dia, só não sei se vão querer porque são de longe.

Oh pa, nao sei que faça. Nao a quero cá, mas claro que tenho pena. Não deixa de ser avó. E não, não é daquelas que vai ajudar. Quando cá está pra alem de ter que ser eu a cozinhar pra toda a gente, ainda tenho que arrumar e limpar o que ela suja. Já me chegou a dizer (enquanto eu e o marido arrumavamos a loiça do jantar) "aqui é que eu estou bem, nem louça tenho que lavar". Não respeita privacidade de niguém. Entra-me pelo quarto adentro mesmo com porta fechada. Se a tiver aqui vou ter que me trancar no quarto com o meu filho sempre que quiser dar de mamar ou andar com o peito "ao ar".

Retrato de Ana Rute Santos
Offline
Desde:
04.04.2012

E se os avós ficarem só uma ou duas noites nem que seja num hotel?

Retrato de Sofiadobosque
Offline
Desde:
08.07.2013

Ana Rute Santos escreveu:
E se os avós ficarem só uma ou duas noites nem que seja num hotel?

É outra opção que já ponderei, embora vá ter que sair do meu bolso. Talvez fale nisso ao marido, assim não parecemos tanto os "maus da fita" embora tenha que a aturar na mesma durante o dia, e não sei se vou aguentar. Mas tb n quero que mais tarde me atire à cara que a afastei do neto.

Retrato de Miac
Offline
Desde:
02.09.2007

Sofiadobosque só ficou a sogra, para mal dos meus pecados Careta Mas correu relativamente bem, tentei não pensar muito e relaxar! Não tenho problemas com ela mas é daquelas que tem sempre uma opinião, só faz o que quer (chegou a ir tirar a minha filha à cama, quando já tinha uns 7M, depois de eu ter estado uma meia hora para a readormecer porque eram 7 da manhã... Eu vi tudo pelo intercomunicador porque tinha acabado de sair do quarto da bebé! E a desculpa? Ahh fui só espreitar e ela levantou a cabeça e eu tirei-a...) e liga 2x/dia ao filho :'D
Acho que não vai conseguir proibir... Por isso sugira um hotel, dizendo que querem privacidade nos primeiros dias, ou tente que fique só enquanto estão no hospital, ou se ficar mais tempo dê-lhe tarefas, cozinhar, ficar com a bebé enquanto toma banho, ir-lhe buscar um copo de água enquanto está a dar de mamar, ... Sorriso Acima de tudo, relaxe!

Retrato de LSL
LSL
Offline
Desde:
28.10.2010

Eu percebo-a perfeitamente! Mesmo! Estou na mesma situação.

Os meus sogros moram a 250km de nós e, é claro, quando há visitas, nós lá e eles cá, ficamos na casa uns dos outros.

O facto de não os quererem a abancar em casa nos primeiros tempos não significa que não possam ver o neto. No meu caso, quando foi da minha filha, e era a primeira neta de um filho único, não ficaram em nossa casa! Nem pensar! Nessa altura quero é paz e sossego e não levar com os sogros em cima. Quero andar com as mamas à vontade, dormir o que der quando der e não ter de me preocupar se suas excelências estão bem instaladas. Da minha filha eles vieram cá vê-lá ainda estávamos nós no hospital. Ficaram em casa dos meus pais. Depois foram-se embora e não voltaram até depois do primeiro mês.

Desta vez já disse ao marido que ia ser igual. Não quero ninguém cá em casa no primeiro mês. É razoável não deixar os avós verem os netos nesse primeiro mês? Claro que não! Mas também não é razoável fazer uma mãe a recuperar do parto com um recén-nascido nos braços a levar com visitas indesejáveis. O ideal é arranjar uma solução que permita os avos verem o bebé mas sem ficaram a pernoitar na casa dos recém papás.

Para mim só assim funciona. Até estava em parafuso se tivesse de levar com eles mim pós-parto.

Retrato de Suse Marlene
Offline
Desde:
01.12.2012

Sofia eu só disse que estando o casal de acordo não há muito que nos possamos fazer no entanto se realmente quer repensar na sua decisão eu dou lhe a minha opinião sincera, não tire esse prazer aos avós! Nem que os ponha no comboio no dia seguinte.. ou como já vi quem faça.. diz que vai passar os primeiros tempos na sua mãe.. invente o que seja mais credível mas não lhes tire esse mimo! Beijo Anjinho

Retrato de Catarina C.
Offline
Desde:
04.05.2014

No primeiro mes nós andamos de rastos! Ter visitas em casa seria de morte, pelo menos para mim é. Os meus pais vinham ca quase todos os dias, umas horas e achei muuito cansativo. Felizmente ja nao tenho a minha sogra, se eu tivesse que a ver preferia cortar os pulsos. Mas acho que cada familia sabe o melhor para eles próprios. Têm que ver uma soluçao que dê pra todos

O meu Miguel, nasceu a 13 de Dezembro de 2014 e tornou-se um anjinho dia 03 de Janeiro de 2015. Nunca te esquecerei, o meu coração e alma ficaram mais vazios sem ti....

Retrato de Sofiadobosque
Offline
Desde:
08.07.2013

LSL acho que se calhar é mesmo o melhor dizer pra virem enquanto estou na maternidade e o marido que os ature. Depis temos é que arrumar a casa, mas do mal o menos.

às meninas que sugerem dar tarefas à sogra: ela detesta/não sabe cozinhar, não faz tarefas domésticas e desconfio sinceramente que não sabe tomar conta de um bebé. Nem dos filhos dela tomou conta, tinha empregada pra isso quando eles ainda tinham meses.

Retrato de mamagemelar
Offline
Desde:
29.08.2011

Falando imparcialmente e sem rodeios... Acho mesmo absurdo que não consiga aguentar a visita da sua sogra visto que vê a pessoa 4 vezes num ano! Vai fazer o mesmo com os seus pais? não vai admitir qualquer tipo de visitas?? eu acho que os primeiros tempos sao muito importantes como casal estarem sozinhos mas tb faz parte da convivÊncia e parte social estar com pessoas e o bebe conhecer pessoas! epah nao sei faz me confusão esta privação sendo que sao apenas 4\5 vezes por ano! Não vai ser muito util (ate acho rididculo falarem em precisar de ter uma avo que seja apenas util) mas pelo menos conhecer o neto antes de ter 1 mÊs acho que é o minimo! eu acho muito cruel esperar um mês... e no fundo a Sofia tb deve achar senão não faria essa questão sequer;) Pense bem e reflita! boas decisoes.

Fez se luz no meu coracao a 22\11\2010... Rafaela as 00h10m e Fábio as 00h13m..Minhas vidas!!! Amo vos mto mto Afilhada e Madrinha babada da mnh kerida TWINMUMMY!!!mais uma madrinha e afilhada 5* SUSANA CORVOS mais uma afilhada linda. Sara78_98 . madrinha e afilhada da APIPAS querida!!!

Retrato de Ana Ruca
Offline
Desde:
28.08.2017

Uma coisa é visitar outra é montar acampamento lá em casa,deus me livre...quanto a ser util obvio que nesse momento delicado é bom ter alguem ajudar em vez de atrapalhar..todo um momento de adaptacao com o recem- nascido e ainda levar com a sogra,voces realmente sao muito tolerantes

Retrato de Videl86
Offline
Desde:
18.07.2014

Eu entendo perfeitamente e fazia o mesmo. Ou então eles que ficassem num hotel. Ui, a minha avó é do género da sua sogra e só as visitas dela depois do meu filho nascer quase que me enlouqueceram, imagino se ela tivesse de ficar o dia inteiro em minha casa, dormir e tudo! Aliás, a minha sogra é brasileira e vive no Brasil r no próximo ano vem cá e já avisei que é bom que não se lembre de vir antes que no pós-parto não quero ninguém aqui. Uma coisa é visitar, outra muito diferente é ficar hospedado!

08 de dezembro de 2014 <3
49,5 cm e 2,920 de amor e doçura <3

Retrato de Sofia_pj
Offline
Desde:
18.08.2016

Acho q a maior parte das pessoas aqui já se esqueceu do que é a primeira semana de pós-parto: hormonas aos saltos, recuperação de uma episio ou cesariana, leite a subir....
se puder afastar pessoas intrometidas e chatas para as quais já não tem paciência em estado normal, melhor...

Tendo em conta o que descreve, eu faria a visita na maternidade... vai estar cansada mas pelo menos eles estão "fora do seu território" e numa zona limitada (horários e acessos)

Em casa já vai ter que se adaptar à nova pessoa e às novas rotinas... ter lá mais alguém, com quem não gosta de conviver, só vai ser mais uma fonte de stress e cansaço.

Retrato de Tyta.B
Offline
Desde:
31.07.2015

Eu não sei como foi o pos-parto das outras mulheres, mas o meu foi horrível e para mim estaria fora de questão ter visitas em casa 24 horas por dia, sabendo que ainda ia ter de cozinhar e lavar lençóis dos outros.
Se nao quer impedir que visitem o neto, coisa que entendo também, explique que terão de ficar num hotel. Se o marido apoia melhor ainda, problema resolvido.

Retrato de tanis
Offline
Desde:
04.06.2015

Quando nasceu a minha miúda o que decidimos aqui por casa foi que os avós ficavam cá enquanto eu estivesse na maternidade e quando eu chegasse a casa voltariam para a terra deles... correu bem assim Piscar o olho

Retrato de mamagemelar
Offline
Desde:
29.08.2011

Eu não me esqueci como foi o meu pôs parto até porque pari gemeos de parto normal e nem forças tinha para andar em pe por isso as visitas a mim deram me um jeitão. De facto as mimhas visitas ajudaram me mas pk de certa forma eu permiti e pedi ajuda. Aqui o que me parece é que não há a mínima vontade de receber a avó dos netos. Nem para ficar nem para visitar nem dando o benefício da dúvida que viriam mesmo so para conhecer o bebê e irem embora. Mas pronto eu ate entendo que nao tenho familiares problematicos se calhar a minha visao e um pco diferente mas a minha familia e do meu marido foram essenciais em todo o nosso percurso de pais. Nunca esperaria dois meses para apresentar os meus filhos aos avós.

Fez se luz no meu coracao a 22\11\2010... Rafaela as 00h10m e Fábio as 00h13m..Minhas vidas!!! Amo vos mto mto Afilhada e Madrinha babada da mnh kerida TWINMUMMY!!!mais uma madrinha e afilhada 5* SUSANA CORVOS mais uma afilhada linda. Sara78_98 . madrinha e afilhada da APIPAS querida!!!

Retrato de Alex84
Offline
Desde:
22.06.2017

Olá Sofiadobosque,

Concordo com muitas das mamãs, para mim também seria impensável ter os sogros a ficar em nossa casa, principalmente nessa fase. Até os meus pais, quanto mais os sogros. E eu adoro a minha mãe e o meu marido dá-se super bem com eles. Mas comentei este assunto com ele e se fosse o nosso caso, nem pais, nem sogros de ambos.
Obviamente que concordo em não privar qualquer uma das partes de conhecer o neto assim que ele nasça. Por isso a solução passa mesmo ou por um hotel, ou visita na maternidade e estadia na sua casa enquanto ainda está na maternidade, ou ir e voltar no mesmo dia.

Retrato de Andro
Offline
Desde:
03.03.2016

Os meus sogros moram a 5h de nós . Para te ser sincera , do meu primeiro filho tive a mesma reacção mas hoje vejo que apenas eu stressei com este género de coisas , sem importância. Eu , do segundo , já pedi para ela vir fazer uma estadia , pelo menos ficarem para o Natal o que quer dizer que ela deverá vir antes do neto nascer e deverá ir embora só depois do natal ( ou seja mais ou menos 1 mes ) e não me custa nada porque temos de promover esta ligação entre eles, eu gosto tanto dos meus avós , para quê estar a preocupar-me com essas coisas? Quero o melhor para os meus filhos e acredita que eles adoram os avós e vice versa mas compreendo perfeitamente o que relatas , mas acho que só ao segundo filho é que talvez temos aquele clic que nos faz mudar as ideias. Acho que dois meses será um pouco duro para eles , porque não estabelecer umas datas? Sei lá , uma estadia mais curta , que possas controlar o tempo que eles estão convosco como vir numa sexta e voltam num Domingo ... um fim de semana , não custa "nada" .

Retrato de Andro
Offline
Desde:
03.03.2016

E claro , seria impensável para mim negar estadia aos meus sogros , são os pais do meu marido , não sou só eu que decido , mas mesmo que fosse não faria sentido para mim ainda assim . Claro que existirão regras, que até eu terei de cumprir mas posso tomar o meu banho descansada , aproveitar o meu primeiro filhote enquanto ela desfruta do segundo neto recem nascido . Podemos comer em familia , conversar , ela pode lavar a loiça enquanto que eu tiro uma soneca .. enfim , as partes boas também são importantes ,

Retrato de aries23
Offline
Desde:
18.07.2016

Também sou da opinião que os avós podiam conhecer o neto no primeiro mês. Nem que seja via estadia num hotel por perto. Pode explicar a bem que precisará de descansar depois e amamentar pelo que seria difícil hospedar e dar a atenção devida como hospedeiros.

Há coisas que quando se decidem tem um impacto e deixa amarguras na família. Pelo que é melhor chegar a um compromisso onde não hajam extremos de não poder ver o neto e etc.

Retrato de Sofiadobosque
Offline
Desde:
08.07.2013

Eu nunca disse que não quero que eles o vejam no primeiro mês, disse que não os quero cá em casa, são coisas diferentes. Como disse não queria estar aqui com lamúrias, mas talvez por não querer contar nada acabei por não expor completamente a situação.
A minha sogra não é simplesmente chata. É inconveniente, é uma visita que SÓ dá trabalho, não respeita a privacidade de ninguém e não deixa as outras pessoas dormirem. Da ultima vez que cá esteve, eu só aguentei uma noite em minha própria casa, porque nem eu nem o meu marido dormimos, mas ele estava de férias e eu tinha que trabalhar, e no dia seguinte fui dormir pra casa da minha mãe, por sugestão dele. Pra além disso a minha sogra tem a mãe dela a cargo dela. Falam uma pra outra aos berros, seja a que horas for. Quando cá vêm são três pessoas a mais, pra quem eu tenho que fazer camas, lavar lençois, cozinhar, lavar a loiça, etc. Eu e o marido fazemos o sacrifício, mas com um bebé em casa não vou estar pra isso, por isso mesmo tê-los em casa um fim de semana não é bem o "não custa nada".

obrigada pelas sugestoes do hotel e da visita à maternidade às meninas que as deram. Acho que vamos optar pela visita na maternidade e vão embora quando eu volto pra casa.

Retrato de LSL
LSL
Offline
Desde:
28.10.2010

Como disse acima...'percebo-a completamente!

Ainda bem que há por aqui muitas mamãs com relações excelente com os sogros mas isso nem sempre é o caso. A mim acontece-me o mesmo que a si. São inconvenientes e têm imensa falta de noção. Não ajudam, põe a TV super alto mesmo com a criança a dormir, batem portas às 7 da manhã, tocam à campainha às 8 de sábado, entram no quarto da minha filha com ela a dormir para a levantar.... não ajudam com nadinha e eu até nem me chateio com isso que não sou das que acha que têm obrigação de ajudar mas não num pós-parto. Além do mais o meu sogro sempre o achei muito "babão" e sou incapaz de dar de mamar à frente dele. Ora ter de andar sempre a "esconder-me" na minha própria casa está fora de questão.

Também não concordo com uma mamã que disse que no segundo se põe em perspectiva e se aceita melhor. No meu caso é mesmo ao contrário. Uma vez que a nossa relação se deteriorou depois do nascimento da minha filha agora mal os suporto o que faz com que ainda os queira menos cá. Mas a verdade também é uma... também não quereria a minha mãe (com quem tenho uma execebte relação e em quem confio a 100%) em minha casa nesta altura. Gosto da minha privacidade, do meu canto, do meu sossego.

E para teres uma ideia... a coisa no meu caso é tão má que tenho ataque de ansiedade cada vez que cá vêm. E estou a pensar que eles vão ignorar o que fizemos da primeira vez e desta vou "forçar" a estadia cá o que me vai fazer chatear e enervar e por causa disso até tive uma crise de ansiedade durante a noite! É isto que é bom para o bebé? Ter a mãe com ansiedade? Não me parece.

Continuo a dizer não se deve proibir de ver mas têm de se arranjar outras opções. Estes avós estiveram com a minha filha na maternidade e depois só após um mês e nem por isso têm uma ligação pior. Não acho que seja nessa fase que as ligações se fazem mas sim mais tarde.

Sofia, faça o que lhe for melhor para si. Há alturas da vida em que temos de ser egoistas e pensar só em nós e nos nossos rebentos.

Boa sorte!

Retrato de mamagemelar
Offline
Desde:
29.08.2011

Sofiadobosque escreveu:
Eu nunca disse que não quero que eles o vejam no primeiro mês, disse que não os quero cá em casa, são coisas diferentes. Como disse não queria estar aqui com lamúrias, mas talvez por não querer contar nada acabei por não expor completamente a situação.
A minha sogra não é simplesmente chata. É inconveniente, é uma visita que SÓ dá trabalho, não respeita a privacidade de ninguém e não deixa as outras pessoas dormirem. Da ultima vez que cá esteve, eu só aguentei uma noite em minha própria casa, porque nem eu nem o meu marido dormimos, mas ele estava de férias e eu tinha que trabalhar, e no dia seguinte fui dormir pra casa da minha mãe, por sugestão dele. Pra além disso a minha sogra tem a mãe dela a cargo dela. Falam uma pra outra aos berros, seja a que horas for. Quando cá vêm são três pessoas a mais, pra quem eu tenho que fazer camas, lavar lençois, cozinhar, lavar a loiça, etc. Eu e o marido fazemos o sacrifício, mas com um bebé em casa não vou estar pra isso, por isso mesmo tê-los em casa um fim de semana não é bem o "não custa nada".
obrigada pelas sugestoes do hotel e da visita à maternidade às meninas que as deram. Acho que vamos optar pela visita na maternidade e vão embora quando eu volto pra casa.

Não explicou isto no post inicial... sendo assim não há dúvida nenhuma. Porque se sente mal com a sua decisão? É como digo eu não consigo por me nessa situação porque não tenho familiares assim e se tivesse corrigia lhes essa maneira de ser. Querem vir tudo bem mas teem de ter regras e cuidados. O demonstrado no post inicial e que ficou claro que não queria apenas a visita dos sogros... E isso no meu ver torna se um pouco injusto mas repito que não sei dar valor a isso porque não tenho ninguém assim e toda a gente desde amigos a familiares me ajudaram imenso. Desde trazerem comida passarem me a ferro ajudarem me com o que estava literalmente um caos na minha casa. Eu tive de pedir ajuda mesmo tendo um marido que faz tudo. Nos não demos conta dos catraios nos primeiros 3 meses sozinhos. Mas no seu caso se a Sra não consegue seguir regras não há MT a fazer e talvez seja a decisão certa. Eu não teria coragem mas a minha visão de família e muito moldada pois somos todos muito unidos. Não fazemos nada uns sem os outros. O problema de um e um problema de todos e as alegrias de um idem. Felicidades para vocês e façam pelo melhot

Fez se luz no meu coracao a 22\11\2010... Rafaela as 00h10m e Fábio as 00h13m..Minhas vidas!!! Amo vos mto mto Afilhada e Madrinha babada da mnh kerida TWINMUMMY!!!mais uma madrinha e afilhada 5* SUSANA CORVOS mais uma afilhada linda. Sara78_98 . madrinha e afilhada da APIPAS querida!!!

Retrato de FSilsa
Offline
Desde:
08.04.2014

Uma coisa é ver conhecer o neto e outra bem diferente é mudar-se para casa duma mulher que acabou de parir!

Retrato de Tyta.B
Offline
Desde:
31.07.2015

É muito complicado conseguir assimilar uma realidade que desconhecemos, eu como tenho uns pais (não sogros, pais mesmo) inconvenientes e com a mania que mandam mais na minha vida que eu, nunquinha lhes abriria a porta de minha casa nem quando estivesse na maternidade, porque tenho a certeza que quando chegasse o dia de eles irem embora e eu poder voltar para casa, eles arranjariam maneira de não ir (vamos só esperar que ela chegue, e agora vamos esperar que ele acorde, e já que estivemos até agora vamos jantar, e agora é muito tarde para fazer uma viagem à noite...)

A Sofia tem a certeza de que eles acatam a ideia de que tem de sair da casa no dia em que o neto entra? Há que ponderar muito bem...

Retrato de Marina4
Offline
Desde:
15.05.2016

O único compromisso que vejo é eles ficarem ou num hotel ou na casa de alguém familiar teu que faça esse jeito por amizade a vocês.

Retrato de dona_amora
Offline
Desde:
20.05.2012

A minha sogra quando vem a minha casa parece uma criança com o dedo a apontar para tudo o que vê e a comentar o que está mal,até aponta defeitos onde nunca tinha visto. Repara e cometa tudo, mas sempre a deitar abaixo. Se eu tenho uma toalha na mesa pergunta porque não está na mesa uma toalha que ela deu ao filho. Não come a comida que eu faço e tem muita pena da minha filha ter de comer a minha comida. Este fim de semana fomos à casa dela mas a minha filha teve dor de barriga e eu fiz uma canja para levar dada a situação e ela ficou toda raivosa e pôs-se a sacudir batatas fritas e gelado de café e a miúda foi e comeu, por isso eu disse que da próxima vez a miúda almoçava antes de ir o que a deixou tão raivosa que disse que se quiséssemos podíamos ir embora para casa... Já tive bons sogros, está não é a minha primeira relação por isso acreditem que é uma benção ter uma boa sogra. A minha é competitiva, orgulhosa e bruta e não gosta de mim, difama- me aos familiares que depois me veem dizer.
Se tivesse que viver com ela um mês estava feita ao bife, acreditem. Se fosse o caso dos antigos sogros era uma maravilha, eram os meus melhores amigos. Cada caso é um caso. É uma felicidade qd corre bem mas a família não escolhemos é o que nos calha.
A mamã terá de ver o que será melhor para si e o bebe, e não deixe que lhe roubem a paz.
Há um ditado muito acertado que diz que os pais e os sogros não devem viver nem tão perto que venham de chinelos nem tão longe que venham de malas, é complicado e não me parece que hajam soluções perfeitas.

6-6-2009 - minha estrelinha no céu*

Retrato de carlaper
Offline
Desde:
11.10.2011

Sofiadobosque escreveu:

A minha sogra não é simplesmente chata. É inconveniente, é uma visita que SÓ dá trabalho. Quando cá vêm são três pessoas a mais, pra quem eu tenho que fazer camas, lavar lençois, cozinhar, lavar a loiça, etc. Eu e o marido fazemos o sacrifício, mas com um bebé em casa não vou estar pra isso, por isso mesmo tê-los em casa um fim de semana não é bem o "não custa nada".

Surreal! Acredite que quando tiver o bebé não vai ter disponibilidade para isso. Ou o seu marido se encarrega dessas funções, visto que são família dele ou os próprios que se encarreguem de dar uma ajuda, que era o mais natural de acontecer!

Retrato de Andro
Offline
Desde:
03.03.2016

Credo , realmente ha sograr mesmo más e competitivas . O pior é que muitos filhos metem o rabo entre as pernas e nem sequer defendem as suas esposas . Nesse caso , lamento a todas por terem sogras assim . Para a autora do post , se realmente , depois do que adientou , ela só vier proporcionar o caus e arruinar a vossa tranquilidade , ou uma visita ao hospital e vai embora ou que fique em um hotel .

Fez bem em ter contado os pormenores , caso contrario todas achariamos que estaria a exagerar. Tudo de bom .

Retrato de RoxyGirl
Online
Desde:
27.01.2016

Bem, para mim, a solução óbvia é eles ficarem numa casa/hotel perto de si.

Eu tenho uma relação fantástica com os meus sogros, e também moro a mais de 300km das nossas famílias. Quando a minha bebé nasceu os meus sogros vieram para o pé de nós, mas para uma casa perto. Nunca viriam para a nossa casa abancar nessa altura.
Nota: os meus sogros quando vêm não me deixam fazer nada em casa, a minha sogra dá conta da roupa e da comida e o meu sogro gosta de arranjar todas aquelas pequenas coisas que nunca temos tempo no nosso dia a dia, já desisti que viessem só para relaxar, mas eles são felizes assim.
Isto para dizer que se até, com os meus sogros que são umas "óptimas visitas" nunca fez sentido ficarem na nossa casa, no seu caso é um grande NÃO. Mesmo que só ficassem durante a sua estadia na maternidade, consegue imaginar o trabalho que você ou seu marido iriam ter nos dias seguintes a porem a casa ao vosso jeito?