A pressão de amamentar... esqueçam!

48 respostas [Última]
bluegirl
Retrato de bluegirl
Utilizador offline. Visto pela última vez há 6 dias 11 h. Offline
Desde: 17.01.2011

Queria escrever este tópico para todas as grávidas que vão ser mamãs em breve e principalmente para as de 1ª viagem. Gostava que no ano passado um tópico destes tivesse sido escrito quando estava grávida e o tivesse lido, portanto aqui fica para quem interessar.

Como eu, muitas futuras mamãs querem amamentar os seus filhotes, mas a verdade é que muitas não o vão conseguir fazer por inúmeras razões. Eu tentei muito e não consegui. Apesar de achar que se deve tentar e até insistir, garanto-vos que a pressão e cobrança que vão sentir em relação à amamentação é MUITA! Quando nasce uma mãe, nasce a culpa e a amamentação é das primeiras coisas para se sentir culpa quando não se consegue.

Começa logo na maternidade com disparates de despir o bebé para sentir frio e não adormecer e amamentar, com segurar-lhe a cabeça com força para ele pegar na mama, etc, etc, e isto tudo pelas belas das enfermeiras que cada uma faz duma maneira diferente. Depois há a pressão de todos e mais alguns "tens que insistir", "não desistas", etc, mesmo quando vêem a recém mamã cansadissima e infeliz.

Eu tentei de tudo mas simplesmente não era para ser. Felizmente foi o meu marido que me acordou do torpor do insistir na amamentação. Ele disse-me que mais importante que conseguir amamentar, é eu estar bem e feliz e poder fazer a minha bebé feliz. E desde que a bebé esteja saudável e feliz isso é que é o mais importante! E aí percebi o disparate que é dar cabo da minha auto-estima e felicidade e os primeiros momentos com a minha bebé só porque se tem que amamentar e pronto.

Sim, há mulheres que amamentar é a coisa mais simples do mundo, há outras que precisam de ajuda e com um pouco de insistência e prática conseguem-no fazer, mas há muitas outras que por mais que tentem, por mais que tomem Promil e façam 30 por uma linha, simplesmente não dá porque não é para ser.

Portanto, se tentam de várias formas e não conseguem amamentar, se calhar não dá e ponto final. Não se martizirem, não dêm cabo da vossa auto-estima e dos vossos momentos iniciais com os vossos pequeninos, não se sintam culpadas (ai mas podia ter feito mais isto, mas podia....mas podia...). Acreditem que já basta a queda hormonal dar-vos cabo da cabeça, não precisam de mais nada em cima!

O que não faltam aí são fanáticas fundamentalistas da amamentação que acham que vocês devem insistir até a criança fazer 20 anos (ok, tou a exagerar mas é para terem uma idéia da pressão que é). Mas sinceramente, lixem-se para todos e para o que vos dizem, fiquem sozinhas com os vossos bebés e sigam o vosso instinto! O meu disse-me que é melhor ter momentos calmos e de amor com a minha bebé mesmo ela bebendo LA, do que ter uma bebé stressada a berrar no mamilo e uma mamã stressada e a chorar também. Isto é zero e os primeiros momentos com os nossos bebés são ouro.

E acima de tudo não deixem de gostar de vocês mesmas, amem-se como amam os vossos bebés, somos seres humanos com sentimentos e não robots de tirar leite.

Nada de culpa e muito amor pelos vossos bebés! Piscar o olho

A minha estrelinha Matilde nasceu no dia 22 de Setembro de 2011 com 3240kg e 47,5cm. Amo-te mais que tudo na vida!

Madrinha e Afilhada da Bibiskinha

http://socoisasgratis.blogspot.pt/

TusKaAm
Retrato de TusKaAm
Utilizador offline. Visto pela última vez há 33 sem 3 dias. Offline
Desde: 08.08.2011
Olá mamã!

Assino por baixo!!!Penso exactamente da mesma forma!
Não amamentei o meu filhote além das 3 semanas dele (e já saiu da maternidade a beber LA para além do LM) e não me fiquei a martirizar por isso!! O meu filho é saudável e feliz, e para bem da minha felicidade também (e sanidade mental)não me culpei por uma coisa que por e simplesmente não tinha de ser!!!

<3<3<3<3
23\03\2012 o dia mais feliz da minha vida!
Agora sim a família está completa Sorriso

Filipa N13
Retrato de Filipa N13
Utilizador offline. Visto pela última vez há 30 sem 3 dias. Offline
Desde: 12.03.2012
Passei exactamente pelo

Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Passei exactamente pelo mesmo!!! Quero te dar os parabéns por teres a coragem de falar sobre o assunto aqui no fórum! Parece que existe o estigma da perseguição a quem ñ consegue ou ñ pode amamentar...
Sem culpa, um viva á felicidade!!!!! Piscar o olho

Terokas
Retrato de Terokas
Utilizador offline. Visto pela última vez há 21 h 7 min. Offline
Desde: 12.04.2011
Adorei o topico, tambem

Adorei o topico, tambem gostaria de o ter lido quando a minha filha nasceu, acho que fizes-te muito bem em o escrever.

Bjokas

Princesa da Mamã
✿Erika Sofia✿
12 Maio 2011
4.310kg 52cm

TFCosta
Retrato de TFCosta
Utilizador offline. Visto pela última vez há 2 sem 1 dia. Offline
Desde: 29.03.2012
-

Concordo plenamente! Felizmente tive a sorte da amamentação ter sido muito fácil para mim, e um momento de muito prazer e cumplicidade entre mim e o meu bebé, mas sei perfeitamente que nem todas as mães têm esta facilidade e que existe uma pressão exagerada para amamentar... e nós que já temos os nossos bebés connosco sabemos o quanto pode ser difícil a adaptação à maternidade... Acho muito bem que as mamãs que conseguem amamentar o façam até quando o desejarem, mas há mamãs que não conseguem ou não querem e são tão boas mães e mulheres como as que amamentam.

katy_ana
Retrato de katy_ana
Utilizador offline. Visto pela última vez há 19 sem 1 dia. Offline
Desde: 30.12.2011
Adorei ler mamã! realmente,

Adorei ler mamã! realmente, concordo muito... a amamentação nem sempre é simples e natural, muitas vezes é um processo complicado e a culpa de não se conseguir, de não ser confortável leva a que muitas mães insistam em algo que não as faz felizes e consequentemente, não faz felizes os seus bebés tão desejados! A pressão é muita por conseguir amamentar, tal como a pressão de passar para LA também é grande, há que haver sensibilidade para compreender que as mães, principalmente de primeira viagem, têm medos, inseguranças e precisam de apoio mas também precisam de compreensão quando tentam tudo e como disseste... não era para ser...

beijinhos

Joanaebebé
Retrato de Joanaebebé
Utilizador offline. Visto pela última vez há 32 sem 4 dias. Offline
Desde: 21.11.2011
concordo plenamente! o

concordo plenamente!

o primeiro mês foi terrivel Triste a minha bebe passou fome, berrou compulsivamente até ficar roxa com as enfermeiras a enfir-lhe a mama na boca e a forçar (e eu nao tenho bico)... as dores meu deus sao muitas mas sempre as quis aguentar queria tnto amamentar e sabia que acabavam por passar...
mas o sofrimento da minha bebe por stress e fome foi mil vezes pior... quando chegava a hora de mamar ate começava eu a chorar so de pensar no suplicio que ia ser...
as mamadas foram sendo cada vez mais reduzidas e quando tuve um problema grande com o namorido o leite secou totalmente...
sinto-me uma pessoa horrivel por nao ter conseguido amamentar mais do que um mes e meio...
quem me dera amamentar mas pronto...

Leonor nasceu a 16/05/2012 com 3,390kg e 50,5cm
Agora somos 3, ou melhor somos 7 (4 gatinhos)!!!!

eunice jesus ro...
Retrato de eunice jesus rosa freitas
Utilizador offline. Visto pela última vez há 37 sem 6 dias. Offline
Desde: 23.04.2011
;)

espero poder amamentar gostei do topico

Nyce

margarida_13
Retrato de margarida_13
Utilizador offline. Visto pela última vez há 6 dias 6 h. Offline
Desde: 02.06.2011
Ora nem mais! Infelizmente

Ora nem mais!
Infelizmente não consegui amamentar, aos 6 dias de vida o meu pequeno começou a beber leitinho de lata. POsso dizer que NINGUÉM me criticou ou disse alguma coisa sobre não conseguir amamentar. Mas se o tivessem feito, naquela altura com as hormonas a mil, acho que tinha dado cabo da pessoa.
Sim, ser Mãe tornou-me mais Leoa Gargalhadas

RECEITAS deliciosasa para os BEBES -- http://asreceitasparabebes.blogspot.pt/
Feira dos bikinis mamãs, aproveitem!

missveludo
Retrato de missveludo
Utilizador offline. Visto pela última vez há 2 sem 8 h. Offline
Desde: 01.11.2011
revi-me em tudo o que

revi-me em tudo o que escreveste.a culpa quando tive de introduzir o LA,as lagrimas.felizmente consegui amamentar e acompanhar cm o LA e mais tarde retirar,mas os momentos difíceis que podia ter evitado se alguém me tivesse dito que a minha bebe ficava mais feliz cm a mae calma e nao alterada pq nao tinha leite suficiente .pelos vistos as enfermeiras fazem todas o mesmo.tadinhos dos bebes...a melhor coisa que fiz foi aconselhar-me com uma conselheira da liga la leche.ajudou-me bastante Sorriso

"Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter,porque é expor-se a todo tipo de dor,principalmente a incerteza de agir corretamente e medo de perder algo tão amado.Perder? Como? Não é nosso. Foi apenas um empréstimo!"
http://www.ingredientes.pt/
http://www.ingredientes.pt/
Jose Saramago

cookiethecook
Retrato de cookiethecook
Utilizador offline. Visto pela última vez há 51 sem 4 dias. Offline
Desde: 21.11.2011
...

Concordo plenamente...O meu primeiro filho já saiu da maternidade a beber LA e passado 1 mês deixou a mama...Eu tive de ir trabalhar mais cedo e achei que tb se devesse a esse facto agora com o 2º quis com toda a força tentar dar LM por mais tempo, As 3 semanas começou a não ganhar peso, ele mamava mais de 1h e a cada 2h queria mais, então a noite era terrível acho que andava sempre com a mama na boca, e eu andava parecia um zombie qd fui a consulta das 4 semanas aumentou muito pouco a enfermeira insistia para dar LA e eu não quis porque só lia que todas temos leite suficiente para o bebe, que não há leite fraco, e que o LM é que é bom, insisti e quis continuar por mais uma semana só a LM mas nem cheguei ao fim toda a gente me dizia olha que o bebe tem fome, da-lhe leite de lata e como andava sem descanso acabei por ceder e la fui comprar uma lata...E agora vejo que da 1ª vez não falhei e que se dizer que toda a mãe tem leite suficiente para o seu filho e que não há leite fraco é um pouco estremo e que leva muitas mães a pensar que são piores por isso mas não somos, somos tão boas mães como quem consegue amamentar, pior é entrarmos num estado de depressão, e ai sim poderemos falhar aos nossos filhos, o stress...Por isso futuras mãmas se conseguirem e se adaptarem bem ainda bem senão não tenham problemas com isso o que é preciso é amar os nossos filhos e isso tb é possivel com um biberon e LA...

Muki
Retrato de Muki
Utilizador offline. Visto pela última vez há 12 sem 6 dias. Offline
Desde: 08.02.2009
.

bluegirl escreveu:
Queria escrever este tópico para todas as grávidas que vão ser mamãs em breve e principalmente para as de 1ª viagem. Gostava que no ano passado um tópico destes tivesse sido escrito quando estava grávida e o tivesse lido, portanto aqui fica para quem interessar.

Como eu, muitas futuras mamãs querem amamentar os seus filhotes, mas a verdade é que muitas não o vão conseguir fazer por inúmeras razões. Eu tentei muito e não consegui. Apesar de achar que se deve tentar e até insistir, garanto-vos que a pressão e cobrança que vão sentir em relação à amamentação é MUITA! Quando nasce uma mãe, nasce a culpa e a amamentação é das primeiras coisas para se sentir culpa quando não se consegue.

Começa logo na maternidade com disparates de despir o bebé para sentir frio e não adormecer e amamentar, com segurar-lhe a cabeça com força para ele pegar na mama, etc, etc, e isto tudo pelas belas das enfermeiras que cada uma faz duma maneira diferente. Depois há a pressão de todos e mais alguns "tens que insistir", "não desistas", etc, mesmo quando vêem a recém mamã cansadissima e infeliz.

Eu tentei de tudo mas simplesmente não era para ser. Felizmente foi o meu marido que me acordou do torpor do insistir na amamentação. Ele disse-me que mais importante que conseguir amamentar, é eu estar bem e feliz e poder fazer a minha bebé feliz. E desde que a bebé esteja saudável e feliz isso é que é o mais importante! E aí percebi o disparate que é dar cabo da minha auto-estima e felicidade e os primeiros momentos com a minha bebé só porque se tem que amamentar e pronto.

Sim, há mulheres que amamentar é a coisa mais simples do mundo, há outras que precisam de ajuda e com um pouco de insistência e prática conseguem-no fazer, mas há muitas outras que por mais que tentem, por mais que tomem Promil e façam 30 por uma linha, simplesmente não dá porque não é para ser.

Portanto, se tentam de várias formas e não conseguem amamentar, se calhar não dá e ponto final. Não se martizirem, não dêm cabo da vossa auto-estima e dos vossos momentos iniciais com os vossos pequeninos, não se sintam culpadas (ai mas podia ter feito mais isto, mas podia....mas podia...). Acreditem que já basta a queda hormonal dar-vos cabo da cabeça, não precisam de mais nada em cima!

O que não faltam aí são fanáticas fundamentalistas da amamentação que acham que vocês devem insistir até a criança fazer 20 anos (ok, tou a exagerar mas é para terem uma idéia da pressão que é). Mas sinceramente, lixem-se para todos e para o que vos dizem, fiquem sozinhas com os vossos bebés e sigam o vosso instinto! O meu disse-me que é melhor ter momentos calmos e de amor com a minha bebé mesmo ela bebendo LA, do que ter uma bebé stressada a berrar no mamilo e uma mamã stressada e a chorar também. Isto é zero e os primeiros momentos com os nossos bebés são ouro.

E acima de tudo não deixem de gostar de vocês mesmas, amem-se como amam os vossos bebés, somos seres humanos com sentimentos e não robots de tirar leite.

Nada de culpa e muito amor pelos vossos bebés! ;)

Sorriso

Eu amamentei em exclusivo do 1º mês. O meu filho era um bebé calmo, que só chorava em duas ocasiões: ao fim da tarde, durante uma horita, e... quando o punha à mama. Era um berreiro horrivel, um fim do mundo. Para alem do baby blues normal, ainda tive de lidar com a sensação estranhíssima de que o meu filho não gostava de mim... acabava por mamar, é certo, mas À custa de quanto desgaste dos 2? e não tinha dores, nunca fiz uma greta, nada! simplesmente, o rapaz não queria mamar.
"não desistas, não desistas!" Ninguém mo dizia, mas as palavras ressoavam na minha cabeça, muito por culpa deste fórum...
qd fomos À consulta do 1º mês, ele tinha mais 30g do que qd nasceu. Chorei tanto, ainda no consultorio... "leite em pó não é o fim do mundo!" diziam-me... e eu só pensava que sim, que era, que uma mãe que não amamenta é uma mae fraca, uma incapaz... começou logo nesse dia a tomar o LA como suplemento. Foi engordando...
Na mama, o circo mantinha-se... E a sensação de incapacidade e inutilidade aumentava. "nao desistas, nao desistas!"
entrei num turbilhao de emoçoes incontrolavel. Em simultaneo, obcecada com a ideia de amamentar um bebe que nao queria mamar, e de rastos, com a certeza absoluta de que a culpa era minha.
O meu marido foi, também , quem me acordou. Abanou-me, e com força! agradeço-lhe do fundo do coração ter decidido comprar uma bomba de tirar leite. O meu filho pasou a intercalar biberoes... uma refeiçao lm tirado À bomba, outra de la.

Ah, como a minha vida mudou... o meu filho era, agora, meu filho, e nao "um-bebe-que-tem-que-mamar-senao-nao-vales-nada". Que bom que era!

Continuei a tirar leite e a dar-lhe a te ir trabalhar, enquanto pude, e consegui!

Tenho obebe mais feliz do mundo. Já ficou doente, mas deixei de atribuir tudo o que de menos bom acontece ao facto de EU nao ter conseguido amamentar, e de o meu filhote ter bebido LM por tempo. (até aos 4 meses e meio)
So me arrependo de nao ter relativizado as colisas mais cedo...
Ufa, foi a primeira vez que disse estas coisas todas em publico!

Obrigada pelo post Sorriso

Não é verdade que anjos e palhaços se ajustam divinamente bem?

raquel_oliveira
Retrato de raquel_oliveira
Utilizador offline. Visto pela última vez há 3 dias 12 h. Offline
Desde: 08.02.2010
tens tda a razao...mas

tens tda a razao...mas olha,pressao ha sempre!ahah
o mei bebe ate aos 6 meses so se alimentou exclusivamente de lm...mas mesmo assim havia akelas pessoas k diziam k n era suficiente,k ele tava muito tempo sem comer!ru amamentava em livre demanda,portanto,ele fazia os seus horarios!o maximo k tava eram 4 horas sem comer...enfim...na mayernidade chegaram a ralhar cmg por ele tar a mamar ha 40 minutos seguidos....eu sempre fiz o k o meu instinyo me mandou:) e o meu meu bebe engordava mais de 1kg por mes!o k me deixava super feliz...enfom...isto td pa mostrar as futuras mamas k pressao vao ter sempre! mas façam o k a bossa consciencia mandar!

perdoem os erros,tou no telemovel...lol

Pirilampo28
Retrato de Pirilampo28
Utilizador offline. Visto pela última vez há 51 sem 4 dias. Offline
Desde: 25.05.2012
blugirl

Adorei este post...
sou uma das mamas que não consegui dar a mama por mais que tentasse o meu bebe não sabe pegar e rejeita a mama mesmo com os diversos mamilos que comprei... revi-me no teu post... as noites e dias a chorar a tentar que ele mamasse... a pressão de familiares... é horrível! SOFRI E AINDA SOFRO MUITO COM ISSO...
Agora dou LA em simultâneo com lm tirado a bomba mas mesmo assim é tão desconfortável (os peitos cheios e doridos, a falta de tempo para tirar o leite juntando a ansiedade que tenho que tirar pois é melhor para o bebe) e as pessoas criticam de uma forma que realmente tenho de estar mt em baixo para não responder...estou no modo Fm não ligo ignoro totalmente, chego ao ponto de entrar em certas casas de familiares muda e sair muda tb de tão magoada que me sinto com os comentários... as pessoas conseguem ser mt mazinhas! Não entendem o sofrimento que é para uma mae nao conseguir amamentar Triste

Obrigada pelo teu post!! Deu-me força!!
bj b bj

Sheera
Retrato de Sheera
Utilizador offline. Visto pela última vez há 28 sem 3 dias. Offline
Desde: 22.12.2010
As pessoas gostam mto de

As pessoas gostam mto de criticar os outros, se amamentam e pq amamentam, senao amamentam e pq nao amamentam. Eu amamento, felizmente fui daquelas que desde a primeira vez a amamentaçao foi mto natural e correu sp bem, e posso dizer-te que me farto de ouvir agora - ah, ainda mama? Vais dar mama ate ele ir para a faculdade, nao? Ele tem 8 meses... E daqui para a frente sei que mto mais criticada vou ser, e quero la saber!
O importante e o nosso bem estar e dos nossos pequenotes, se estivermos bem eles tb estarao!

****5****10****15****20****25****30****35****(40)
Nasceu no dia 10 de Novembro de 2011, com 3.400Kg e 49,5cm o menino mais lindo da mamã Sorriso Não há nada mais maravilhoso do que ser mãe!

Afilhada da SusydosSantos, Madrinha da anasofia.matos, da Sparks e da catarina2001!

Tânia P.
Retrato de Tânia P.
Utilizador offline. Visto pela última vez há 3 h 50 min. Offline
Desde: 14.03.2007
Assino por baixo!

bluegirl escreveu:
Queria escrever este tópico para todas as grávidas que vão ser mamãs em breve e principalmente para as de 1ª viagem. Gostava que no ano passado um tópico destes tivesse sido escrito quando estava grávida e o tivesse lido, portanto aqui fica para quem interessar.
Como eu, muitas futuras mamãs querem amamentar os seus filhotes, mas a verdade é que muitas não o vão conseguir fazer por inúmeras razões. Eu tentei muito e não consegui. Apesar de achar que se deve tentar e até insistir, garanto-vos que a pressão e cobrança que vão sentir em relação à amamentação é MUITA! Quando nasce uma mãe, nasce a culpa e a amamentação é das primeiras coisas para se sentir culpa quando não se consegue.
Começa logo na maternidade com disparates de despir o bebé para sentir frio e não adormecer e amamentar, com segurar-lhe a cabeça com força para ele pegar na mama, etc, etc, e isto tudo pelas belas das enfermeiras que cada uma faz duma maneira diferente. Depois há a pressão de todos e mais alguns "tens que insistir", "não desistas", etc, mesmo quando vêem a recém mamã cansadissima e infeliz.

Eu tentei de tudo mas simplesmente não era para ser. Felizmente foi o meu marido que me acordou do torpor do insistir na amamentação. Ele disse-me que mais importante que conseguir amamentar, é eu estar bem e feliz e poder fazer a minha bebé feliz. E desde que a bebé esteja saudável e feliz isso é que é o mais importante! E aí percebi o disparate que é dar cabo da minha auto-estima e felicidade e os primeiros momentos com a minha bebé só porque se tem que amamentar e pronto.
Sim, há mulheres que amamentar é a coisa mais simples do mundo, há outras que precisam de ajuda e com um pouco de insistência e prática conseguem-no fazer, mas há muitas outras que por mais que tentem, por mais que tomem Promil e façam 30 por uma linha, simplesmente não dá porque não é para ser.
Portanto, se tentam de várias formas e não conseguem amamentar, se calhar não dá e ponto final. Não se martizirem, não dêm cabo da vossa auto-estima e dos vossos momentos iniciais com os vossos pequeninos, não se sintam culpadas (ai mas podia ter feito mais isto, mas podia....mas podia...). Acreditem que já basta a queda hormonal dar-vos cabo da cabeça, não precisam de mais nada em cima!
O que não faltam aí são fanáticas fundamentalistas da amamentação que acham que vocês devem insistir até a criança fazer 20 anos (ok, tou a exagerar mas é para terem uma idéia da pressão que é). Mas sinceramente, lixem-se para todos e para o que vos dizem, fiquem sozinhas com os vossos bebés e sigam o vosso instinto! O meu disse-me que é melhor ter momentos calmos e de amor com a minha bebé mesmo ela bebendo LA, do que ter uma bebé stressada a berrar no mamilo e uma mamã stressada e a chorar também. Isto é zero e os primeiros momentos com os nossos bebés são ouro.
E acima de tudo não deixem de gostar de vocês mesmas, amem-se como amam os vossos bebés, somos seres humanos com sentimentos e não robots de tirar leite.
Nada de culpa e muito amor pelos vossos bebés! ;)

Acho que é a primeira vez que concordo ctg, bluegirl!! Subscrevo a 100% o que escreveste Sorriso
Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas!

Treinante desde Jan de 2012
♥´¨)
¸.·´¸.·*´¨) ¸.·*´¨ Positivo : 22 Março 12
AE: 02 Abril 12 - Infertilidade Inexplicada
IIU: 28 Fev (-)

solzito
Retrato de solzito
Utilizador offline. Visto pela última vez há 1 dia 11 h. Offline
Desde: 10.04.2009
Olá mamã

Parabéns pela coragem do tópico!!!
Quando a minha filha nasceu eu também tinha a pressão de ter de dar mama e dei. Só que ela deixou de ganhar peso... Nasceu com 2875gr e com 4 semanas tinha 2800gr... Foi o desespero... Uns diziam que tinha de estar sempre com a mamã na boca dela. Outros diziam, assim que ela chorava, que era fome e que devia dar suplemento porque o meu leite não prestava... E na minha cabeça eu ficava baralhada... Então liguei ao pediatra que me disse que mais do que o leite da mamã, o bebé tem de aumentar de peso. Começou com suplemento com 4 semanas e mamou até quase aos 8 meses. Acreditam que houve quem me dissesse que se não começasse a dar suplemento ela teria morrido de fome... Enfim, ouve-se de tudo!!! Agora digo a todas as recentes mamãs: Se tiveres leite e se for suficiente muito bem, se não acontecer existe muito leite à venda!
E depois também há os casos das pessoas que simplesmente não gostam de dar mamã e têm de ser respeitadas por isso...
Depois de ser mãe uma das coisas que aprendi foi a não julgar ou criticar outra mãe. Cada um sabe o que é melhor para si e para a sua família...

Beijocas,
Solzito.

19/03/2010 nasceu a minha flor, a Princesa Margarida. A partir de agora dia 19/03 é dia do pai e da minha pipoca!!!
20/03/2013 2ª tentativa falhada, uma estrelinha no céu com 8 semanas... Triste
Mais uma princesa no reino da felicidade, a princesa Mafalda que nasceu a 23/04/2014 Piscar o olho
A minha Margarida é afilhada de Amor Eterno e de Vindimita.
Madrinha do João da Vindimita (priminha querida) Espertalhão

Joanaebebé
Retrato de Joanaebebé
Utilizador offline. Visto pela última vez há 32 sem 4 dias. Offline
Desde: 21.11.2011
LOLOL Tânia ri-me com o teu

LOLOL Tânia ri-me com o teu comentário Espertalhão

pois é e sabem? morro de medo que fique doente pois já me meteram na cabeça que como nao bebe LA vai ficar doente e a culpa é minha bah Triste

Leonor nasceu a 16/05/2012 com 3,390kg e 50,5cm
Agora somos 3, ou melhor somos 7 (4 gatinhos)!!!!

Sophia_cardoso
Retrato de Sophia_cardoso
Utilizador offline. Visto pela última vez há 22 sem 5 dias. Offline
Desde: 16.06.2012
Eu sofri precisamente o

Eu sofri precisamente o contrario... foi com muitas dores, muitas lágrimas e muita carolice que posso dizer que venci a batalha!
A minha menina nasceu as 35 semanas.. não tinha força e como se isso não bastasse tinha os mamilos invertidos! E eu fui sozinha para casa com ela... ninguém para ajudar!

Tinha tudo para a amamentação não vingar e pessoas a querer que ela nem tocasse no peito (pai e família do pai, para a poderem levar fins de semana e ferias)

Inclusive a 1ª pediatra (troquei por esse motivo) como ela era chorona achava que eu devia dar suplemento para ela ficar mais calminha
Posso dizer que com calma e alguma perseverança é possível! Ela mamou até aos 2 anos! E isso então era até alvo de gozo de muita gente...Triste
Não condeno quem tenta e não consegue e acho que cada mãe deve saber melhor que ninguém como deve cuidar do seu filho sem dar ouvidos aos comentários estúpidos e infundados dos outros!

Katia_S
Retrato de Katia_S
Utilizador offline. Visto pela última vez há 18 sem 2 dias. Offline
Desde: 20.06.2011
Mas ha pior....

Concordo plenamente contigo mas pior é quando nao se amamenta por "opcçao". Eu nao amamentei por opçao mas quase por obrigaçao de nao puder. Tinha 2 opçoes ou nao amamentava e continuava a tomar a minha medicaçao para as costas (doença que tenho ha mais de 10 anos) ou entao parava a medicaçao e amamentava. Foi uma decisao dificil de tomar porque no fundo pensava, vais-te por a ti em primeiro lugar ou a tua filha??? e a pensar na minha filha nao amamentei! Preferi dar-lhe uma mae que tivesse saude para cuidar dela, para se levantar da cama e estar com ela sem dores, porque com dores a disposiçao é diferente. Deixo-vos imaginar as criticas disfarçadas que ouvi. Mas o pior veio do corpo medical, como fui julgada na maternidade!!!!! Incrivel! Principalmente por profissionais que sabiam o meu historial medico... Enfim...
Hoje a minha filha tem 5 meses, é uma criança saudavel, alegre e que nunca ficou doente (e olhem que nasceu numa altura que iam ate aos -15 graus).
Por isso as maes que nao amamentam, seja pelos bebes nao pegarem, seja por problemas de saude ou porque simplesmente nao querem por razoes que so a ELAS lhe dizem respeito força, criticas hao-de existir sempre e por tudo e por nada... O importante somos nos e os nossos bebes.

Katia

Paula_Pedro
Retrato de Paula_Pedro
Utilizador offline. Visto pela última vez há 1 ano 19 sem. Offline
Desde: 17.07.2010
Tb assino em baixo!

Sou apenas mais uma que quis tanto e tanto e tentou tanto tanto e não conseguiu, quer dizer... não conseguimos... ele não queria, preferia dormir a mamar, mama só para gritar e gritar e mãe a chorar e chorar e assim passámos 3 semanas porque eu não sou de desistir e mesmo depois de me dizerem "não faz mal desistir, não saimos do ponto de partida" continuei na loucura do "eu vou conseguir"... hoje olho para trás e sinto-me tãoooooo mal, não por não ter conseguido, não por não ter amamentado... sinto-me mal por ter sido tão egoista que deixei o meu filho passar fome e perder 500gr na guerra com a mama... hoje olho para trás e sei que teriamos ganho tanto se eu tivesse tido a capacidade de pensar mais nele do que em mim... não tive! Espero que o meu testemunho ajude alguém a aceitar que o LM não é fundamental para um bebé feliz e saudável... eu tenho um Piratinha com 23meses alimentado desde as 3 semanas a LA e tãooooooooooooooooooooo saudavel, até mais saudavel do que o de uma amiga minha que deu LM até aos 18meses... Olhem o vosso bebé nos olhos e percebam o que o fará feliz... afinal como é que vocês gostam da vossa hora de refeição? Piscar o olho

Depois de diagnosticada Azoospermia, de biópsia testicular positiva, de uma ISCI negativa eis que surge o Unzinho campeão na 2ª ISCI - O Piratinha nasceu a 19/08/2010
"Por ti... nunca nos cansariamos de esperar!"
Aqui vendo o que já não serve ao Piratinha http://demaeparamae.pt/vendo/loja/68107
Pinto fraldas lindas personalizadas, vejam aqui exemplos http://demaeparamae.pt/vendo/produto/313269-fralda...

margarida_13
Retrato de margarida_13
Utilizador offline. Visto pela última vez há 6 dias 6 h. Offline
Desde: 02.06.2011
.

Joanaebebé escreveu:
LOLOL Tânia ri-me com o teu comentário Espertalhão

pois é e sabem? morro de medo que fique doente pois já me meteram na cabeça que como nao bebe LA vai ficar doente e a culpa é minha bah :(

Essa é das maiores ESTUPIDEZ que já ouvi/li.
Posso-te dizer que o meu filho tem 15 meses, desde os 6 dias que bebe LA e não ficou doente. A única coisa que tem é febre, quando nascem os dentes ou de vez em quando das vacinas, e esteve uma vez constipado, sem necessidade de medicamentos ou aspirações de nariz, nem soro. Piscar o olho

RECEITAS deliciosasa para os BEBES -- http://asreceitasparabebes.blogspot.pt/
Feira dos bikinis mamãs, aproveitem!

SaxContra
Retrato de SaxContra
Utilizador offline. Visto pela última vez há 34 sem 6 dias. Offline
I Love DMPM
Desde: 07.06.2011
Eu não consegui amamentar em

Eu não consegui amamentar em exclusivo... A minha filha nasceu prematura com baixo peso e no inicio era até alimentada a sonda porque o facto de não conseguir beber o leite por biberon podia stressar e emagrecer... Ao 3 dia de vida consegui que desse umas chupadelas no peito com a ajuda de sacarose... Pensei bem vou conseguir... Enquanto este na neo nunca mais consegui que ela pegasse no peito. Talvez porque eu não me sentia confortável e passava-lhe a ansiedade. Quando vim para casa consegui a muito custo e com a ajuda de umas tetinas da medela que ela pegasse no peito. Até aqui ia conseguindo tirar alguma coisa com a bomba... Mais ou menos metade das refeições que ela normalmente fazia. Ela começou e pegar no peito e o meu organismo disse NÃO à bomba, depois comecei a produzir menos e cada vez menos, mesmo com promil e a beber muita água por dia. Com a máquina continuava a estimular e mais de meia hora em cada mama tirava 50ml no total. Foi esta festa até aos 4 meses e pensei basta. Estava desgastada. A fonte estava a secar e acabei de a secar com medicação.

Gostei muito da coragem da mãe que escreveu este tópico e da sua opinião das fundamentalistas da amamentação.... Este tópico http://demaeparamae.pt/forum/verdade-sobre-leites-... na minha opinião demonstra o fundamentalismo e a pressão a que muitas somos sujeitas.

Eu pessoalmente preferi estar sã mentalmente e parar com o stress envolvente ao LM e passar a dar só LA....

Curiosamente a minha filha nunca teve problemas de maior... Nasceu com 1570g e agora com quase 15 meses está perto dos 10kg.... Só teve uma otite... Na minha opinião dei-lhe outro tipo de sustento estando mentalmente sã.

Mãe babada da Mariana 27 de Abril de 2011 40,5cm 1570g 35 semanas de gestação
https://www.facebook.com/ReceitasParaMamas

Carina02
Retrato de Carina02
Utilizador offline. Visto pela última vez há 1 semana 5 dias. Offline
Desde: 08.05.2011
Adorei ler este tópico.É bom

Adorei ler este tópico.

É bom falar-se abertamente deste tema. Eu no início tive muitas dificuldades, correu muito mal, mas depois lá consegui e agora, passados 8 meses, ainda amamento.

Mas digo que quando não estamos a conseguir é muito fácil cair-se numa depressão e os comentários que se ouvem não são nada agraváveis, só pioram o nosso estado de nervos.

Depois quando se cai numa depressão, nem damos mama nem conseguimos dar carinho e cuidados como deve de ser.

Eu felizmente consegui ultrapassar essa fase negra em que tudo corria mal e não conseguia ouvir o mulherio que só dá comentários de merd...acerca da mama.

Pelo que me parece, tens um marido muito bom e que te soube apoiar como deve de ser, pois nos dias de hoje já temos o LA que não deixa os nossos bebés morrerem de fome como acontecia no tempo das nossas avós. Por isso, aparentemente não há motivos para stressar...mas continuamos a stressar e muito quando falha a amamentação...

nika82
Retrato de nika82
Utilizador offline. Visto pela última vez há 36 sem 1 dia. Offline
Desde: 16.02.2012
Não podia estar mais de

Não podia estar mais de acordo, passei pelo mesmo.
Da minha 1º filha dei mama até às 3 semanas dela, da 2ª até ela fazer 1 mês, também tentei de tudo, até uma bomba caríssima comprei para tentar, mas foi em vão, pura e simplesmente não deu, ponto final, fim da história, seguir em frente...As minhas filhas são saudaveis e têm uma mãe que está mentalmente sã para elas...Tudo a apartir daí é paisagem!!!

Já vi aqui tópicos onde mamãs perguntam algo sobre LA e vem logo meia duzia, em vez de responder à questão...Não! Perguntam logo : "Porque não amamentas???", cada uma sabe de si e tem a sua história, eu tentei até ao MEU limite.
Se gostaria de ter amamentado as minhas filhas mais tempo??? Claro que sim!!! Também não condeno quem não quer porque não quer!

Para terem uma ideia, num tópico onde respondi sobre uma mamã muito aflita porque o bebé não parava de chorar e mais coisas, só me fez lembrar as minhas filhas, e respondi "Isso deve ser fome, as minhas fizeram o mesmo e era muita fominha" , vem de lá uma que responde que as mães não querem dar mama porque dá muito trabalho, é mais facil a LA, eu fiquei para a "esganar", se desse para saltar do monitor para o outro lado...
Quem nunca deu LA não faz ideia do que é, andar com tudo atras, acertar no leite, etc, etc...

Mas pronto, cada cabeça sua sentença, e eu vivo bem com os comentários dos outros...

anitas.paula
Retrato de anitas.paula
Utilizador offline. Visto pela última vez há 3 h 55 min. Offline
Desde: 17.01.2011
Olá!

Agradeço imenso à autora do tópico o ter postado e, a todas as meninas que o comentaram.
Eu estou na recta final, na altura em que estas coisas como alimentar a LM e outras estão à flor da pele.
Sim, eu queria muito amamentar a minha menina, até porque acho que nos trás também outras "comodidades": não temos de aquecer leite, não temos de ver a temperatura dele, está sempre pronto...
Mas, este tópico serviu para me mostrar que LA não é o fim do mundo e, espero quando a tiver que não stress demasiado. Nessa altura, se achar que estou a stressar demais, virei cá a este tópico em busca das vossas ajudas.
Obrigada, mais uma vez pois, é preciso ter coragem de escrever o que escreveram quando ouvimos tanto fundamentalismo. Só acho que o que escreveram também se aplica nas outras áreas para além da amamentação, como outros cuidados de higiene e saúde e, que só nós é que devemos saber o que fazer pois, nós somos os pais. E, sei que vou ser muito criticada pois, nesta altura do campeonato já ouço muitas bocas e, só não ouço mais porque me afasto delas.
Acho mal as pressões externas pois, as pessoas que nos amam haviam de nos apoiar e não sacrificar. E conto com os meus pais para isso mas, da família do meu marido, não conta muito. É que se agora na gravidez ouço tudo e mas alguma coisa: para mim não vais chegar até ao fim (às 26 semanas e 2 dias e, já vou em 38 semanas e 5 dias e, mais tarde ouvi de novo)...
Por tudo isto, obrigada pelas vossas ajudas. Beijinhos e, tudo de bom para todas Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Grande abraço Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho Beijinho

23/12/2011 a melhor prenda de Natal: A nossa riqueza;
A Mariana nasceu de parto normal, no dia 05/08, com 3760 kg, com 51 cm e é uma menina linda.
Amamos-te princesa Sorriso

A Mariana foi amamentada a LM e, com muito gosto Sorriso :) Sorriso :) Sorriso :) até à véspera de fazer 23 meses

Maman Cecilia
Retrato de Maman Cecilia
Utilizador offline. Visto pela última vez há 18 sem 5 dias. Offline
Desde: 16.12.2011
bluegirl

bluegirl escreveu:
Queria escrever este tópico para todas as grávidas que vão ser mamãs em breve e principalmente para as de 1ª viagem. Gostava que no ano passado um tópico destes tivesse sido escrito quando estava grávida e o tivesse lido, portanto aqui fica para quem interessar.

Como eu, muitas futuras mamãs querem amamentar os seus filhotes, mas a verdade é que muitas não o vão conseguir fazer por inúmeras razões. Eu tentei muito e não consegui. Apesar de achar que se deve tentar e até insistir, garanto-vos que a pressão e cobrança que vão sentir em relação à amamentação é MUITA! Quando nasce uma mãe, nasce a culpa e a amamentação é das primeiras coisas para se sentir culpa quando não se consegue.

Começa logo na maternidade com disparates de despir o bebé para sentir frio e não adormecer e amamentar, com segurar-lhe a cabeça com força para ele pegar na mama, etc, etc, e isto tudo pelas belas das enfermeiras que cada uma faz duma maneira diferente. Depois há a pressão de todos e mais alguns "tens que insistir", "não desistas", etc, mesmo quando vêem a recém mamã cansadissima e infeliz.

Eu tentei de tudo mas simplesmente não era para ser. Felizmente foi o meu marido que me acordou do torpor do insistir na amamentação. Ele disse-me que mais importante que conseguir amamentar, é eu estar bem e feliz e poder fazer a minha bebé feliz. E desde que a bebé esteja saudável e feliz isso é que é o mais importante! E aí percebi o disparate que é dar cabo da minha auto-estima e felicidade e os primeiros momentos com a minha bebé só porque se tem que amamentar e pronto.

Sim, há mulheres que amamentar é a coisa mais simples do mundo, há outras que precisam de ajuda e com um pouco de insistência e prática conseguem-no fazer, mas há muitas outras que por mais que tentem, por mais que tomem Promil e façam 30 por uma linha, simplesmente não dá porque não é para ser.

Portanto, se tentam de várias formas e não conseguem amamentar, se calhar não dá e ponto final. Não se martizirem, não dêm cabo da vossa auto-estima e dos vossos momentos iniciais com os vossos pequeninos, não se sintam culpadas (ai mas podia ter feito mais isto, mas podia....mas podia...). Acreditem que já basta a queda hormonal dar-vos cabo da cabeça, não precisam de mais nada em cima!

O que não faltam aí são fanáticas fundamentalistas da amamentação que acham que vocês devem insistir até a criança fazer 20 anos (ok, tou a exagerar mas é para terem uma idéia da pressão que é). Mas sinceramente, lixem-se para todos e para o que vos dizem, fiquem sozinhas com os vossos bebés e sigam o vosso instinto! O meu disse-me que é melhor ter momentos calmos e de amor com a minha bebé mesmo ela bebendo LA, do que ter uma bebé stressada a berrar no mamilo e uma mamã stressada e a chorar também. Isto é zero e os primeiros momentos com os nossos bebés são ouro.

E acima de tudo não deixem de gostar de vocês mesmas, amem-se como amam os vossos bebés, somos seres humanos com sentimentos e não robots de tirar leite.

Nada de culpa e muito amor pelos vossos bebés! ;)

Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas! Palmas!
1000% de acordo, se tivesse lido isso a 2 anos e meio atras tambem eu nao teria sofrido tanto com a pressao como sofri... Nao referiste os mitos que as fanaticas pela amamentacao dizem so para que nos que tivemos imensa dificuldade em amamentar ou nem muitas nem tentaram... Uma das muitas coisas que me disseram era, que a minha filha nao ia ter uma ligacao tao proxima comigo como os bebes que sao amamentados LM teem com as maes! PURA MENTIRA! O bebe tera a ligacao com a mae forte ou fraca quer seja amamentado LM ou LA A minha foi amamentada em exclusivo LM durante 1 semana e uns dias, depois sequei o meu leite por ja nao suportar as dores horriveis que tinha, nao so quando era a pega, mas durante e depois... e experimentei de tudo!! a minha filha bebeu sangue do mamilo rachado! Sequei, aqui neste mesmo forum fui crusificada pelo meu gesto de secar... quando a minha filha gripou um bocadinho entre palavras alguem dizia que teria sido por nao ter dado o peito, infelizmente o bebe dessa mesma mama que era amamentado em exclusivo LM tb ficou doente A pensar

As mamas e corpo sao nossos... ha ainda um tabu em relacao a amamentacao... pois as mamas que optam por secar o leite por esta ou aquela razao, ou optam por nem amamentar... cai o carmo e a trindade se o dizem... nao sao respeitadas... Os nossos bebes estao se nas tintas se sao alimentados por LM ou LA eles querem é ter a barriga cheia... Apesar que sou a 100% a favor da amamentacao mas para quem conseguir, gostar e tiver prazer... nd disso se passou comigo, nao gostei nem tive prazer nem consegui amamentar... e depois?? a minha filha é saudavel, tem gripezitas como muitos bebes que sao amamentados por LM, é mais agarrada a mim que carrapato... nao me parece que o facto de ter optado por secar o leite e optado por estar bem fisica e psicologicamente a tenha afectado negativamente muito pelo contrario!!! Estou a tentar uma terceira gravidez (perdi a segunda) e nao ponho sequer ipotese de tentar de novo!! e nao me venham dizer que PODE ser diferente e mais facil, acredito que sim, mas eu nao quero... primeiro nao me sinto a vontade em amamentar, depois o PODE SER DIFERENTE nao me chega para arriscar a perder os primeiros dias do meu bebe, a decisao ta tomada nao vou experimentar mais nenhuma vez... Careta

Obrigada pela coragem que tens em pores um post deste genero ca!!!
Beijinhos

Ariana 15 de Janeiro de 2010- - -Aborto retido 20/05/2012--Positivo a 8/01/13
Mamas DE SETEMBRO 2013 NO FACEBOOK
http://www.facebook.com/groups/335391816574832/
GRUPO NO FACEBOOK "GRUPO DE MAE PARA MAE"
http://www.facebook.com/groups/369935779762325/

An_A
Retrato de An_A
Utilizador offline. Visto pela última vez há 2 h 45 min. Offline
Desde: 04.03.2009
bluegirl

Apesar de ter amamentado a minha filha até quase aos 8 meses, não podia estar mais de acordo contigo! A amamentação é suposto ser um processo natural e quase inato, e não algo forçado por imposições sociais ou ideológicas.

Mas, já agora, para todas as futuras mamãs, partilho a minha história:

Tive uma bebe saudável mas muito dificil. Chorou sempre muito desde a primeira noite, e durante o dia não dormia mais do que 20/30 minutos seguidos. Acordada, chorava imenso. Mas aumentava sempre as 150 gr ou mais por semana, e por isso, não associei o choro a fome. E a verdade é que não era! Segundo o pediatra, era só mau feitio.

Mas, não fossem as excelentes aulas de preparação para o parto e paternidade que tive, as coisas não teriam decerto corrido bem! Desde o primeiro momento que tive a minha filha no colo corrigi de imediato, e sem ajuda de ninguém, a pega da mama. Porque me ensinaram, porque me explicaram antes, e isso contou muuuito! Não nascemos ensinadas, e por mais natural que seja a amamentação, há coisas que deviam passar de geração em geração, mas hoje em dia, já ninguém vive em comunidades familiares que permitam esta partilha, por isso, venham os cursos.

Agora, uma coisa é certa: nunca tive a paranoia da amamentação! Logo na primeira noite de vida da minha filha ofereci-lhe LA. Rejeitou, não era fome... E teria oferecido muitas mais vezes se, por alguma vez, o aumento de peso dela tivesse sido inferior ao previsto.

Bjs a todas

An_A

Amor Eterno
Retrato de Amor Eterno
Utilizador offline. Visto pela última vez há 1 semana 1 dia. Offline
Desde: 16.04.2009
Concordo

Amamentar deve ser uma coisa linda, é optimo para nós e para o bebe....e ajuda a carteira tb....

Por isso se puder amamentar....ficarei felicissima!

Mas se por várias razões não o conseguir fazer...paciência (não vamos desanimar, e nos deitar abaixo por isso)...

O bebe tb sente tudo, logo por muito que estejamos ali a fazer sacrificios, se não estivermos bem,o bebe tb não está bem...

Temos de pensar "um dia de cada vez"...acho bem insistirmos, e não desistirmos logo...mas tb temos que ter bom senso...não vale a pena nos deitarmos abaixo, e sacrificar, e andar em sofrimento...durante tempos e tempos....nem toda a gente consegue...

Ontem fui ás aulas de preparação para o parto...e quando foi para tirar duvidas, aproveitei falei com a enfermeira sobre "o ter pouco bico", ela lá deu dicas para ajudar a formar o bico...e dps até viu...e segundo ela (não sei como), mas disse que á partida vou ter uma boa subida do leite... se será ou não? não sei-...que gostava de amamentar...gostava! Mas se dps não der, não vale a pena nos julgarmos-....não somos nem melhores nem piores mães por isso....(afinal não somos todas iguais, e o orgabnismo tb não) Piscar o olho

Treinos: 5/12/2011..Positivo: 8/01/2012 Choque!.. Previsão:6/09/2012
A minha bonequinha chegou às 34 semanas, bem pequenina, no dia 30/07/2012..És a nossa vida! És aquilo que nós mais sonhávamos!Faltavas tu para dar + cor ao nosso mundo! Amamos-te Sorriso

P@tríci@
Retrato de P@tríci@
Utilizador offline. Visto pela última vez há 7 sem 6 dias. Offline
Desde: 30.08.2011
.

.

liberdade
Retrato de liberdade
Utilizador offline. Visto pela última vez há 1 ano 16 sem. Offline
Desde: 10.04.2007
Meninas tenho uma duvida

Quero muito alimentar a minha filha com o meu leite, por todos os motivos por voces apresentaram acima, mas e claro que se nao conseguir devido a dor associada e aos traumas subsequentes, terei de optar por outra alternativa e ate ja comprei uma maquina para retirar o leite do peito, mas nenhuma de voces fala nisso, nao funciona?

Obrigada

Opções de visualização dos comentários

As alterações efectuadas serão aplicadas a todos os tópicos.