Lembrar das nossas estrelinhas | De Mãe para Mãe

Goste de nós no Facebook

últimos tópicos no forum

Fórum Infertilidade

Progeffik dúvida urgente

Fórum Geral & Apresentação

Obstetras na zona do Seixal

Fórum Grávidas

Colo do útero curto

Fórum Mães & Bebés

CUF S. João da Madeira

Fórum Família

Broncho vaxom

Fórum Geral & Apresentação

Útero retrovertido e septado

Fórum Amamentação e Aleitamento

Pilula amamentação Azalia

Fórum Geral & Apresentação

Atraso na Fala

Fórum Treinantes

Triste mas cobfiante

Fórum Mães & Bebés

Consulta recém nascido

Fórum Treinantes

Duvida teste de gravidez

Fórum Grávidas

Sinto me sozinha

Fórum Infertilidade

Espermograma desanimador ajuda !

Destaques nas lojas

Loja bisca

Novidades Dê preferência às mensagens, em vez de comentar ...

Loja ryssie

Roupa de qualidade, artigos praticamente novos. ...

Loja Pipoquinha 07

Roupinha e calçado de menina em excelente estado dos 0 aos 1...

Loja Estela2010

Copos de aprendizagem, biberoes, roupinhas, Testes de gravid...

Loja anitas.paula

Visitem a minha loja... Obrigada...

Loja susana08

PROMOÇÃO: 20% DE DESCONTO EM TODOS OS ARTIGOS SOY LUNA E BLA...

Loja Ell

Elastolabo, roupa de menino, compressas quente/frio......

Loja Marlas

Roupinha dos meus Gêmeos!...

Loja veraamorim

3 peças 1€ (para peças de valor INFERIOR a 1€), 3 peças 2€ (...

Loja susana seixas

TUDO A 50% 50% POR FAVOR ENVIAR MENSAGEM PARA QUALQUER A...

produtos à venda

€2.00
€1.00
€2.00
€1.00
€2.00
€2.00
€2.00
€50.00
€9.00
€1.00
€5.00
€5.00

artigos recentes

A importância do lanche no equilíbrio nutricional da dieta do bebé

A alimentação dos filhos, principalmente no caso dos bebés, é uma...

Babywearing – o que é e quais as vantagens?

O Babywearing tem ganho cada vez mais fãs nos últimos...

7 frases que nunca deve dizer a quem não consegue engravidar

O momento em que o casal decide ter um filho é sempre um momento...

Está grávida? Saiba como se manter hidratada durante o Verão!

A hidratação é uma questão à qual todos devemos estar atentos –...

Lembrem-se sempre disto: ser saudável é o mais importante!

Carolina Deslandes publicou uma fotografia três semanas após o...

Nasceu um bebé

Noa
30.09.2017
12.09.2017
04.09.2017
05.08.2017

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?
13 mensagens
Última entrada
Retrato de marjoaoleite
Offline
Desde:
05.07.2010

Lembrar das nossas estrelinhas

Olá mamãs,
Quero partilhar convosco uma situação que aconteceu comigo à 1 ano atrás.
Fiquei grávida em Novembro de 2015 seria o segundo filho que a muito eu esperava, contei ao meu filho no dia de Natal estávamos todos felizes. Tinha ido a consulta em Dezembro e o meu médico perguntou me se não me tinha engano na data da ultima menstruação e não tinha ele disse que achou o feto pequeno, mas para não preocupar que quando fosse à eco às 12 semanas que se iria ver.
E fomos à ecografia os 3 vésperas de carnaval, o médico quando me coloca a sonda só me diz baixo "não é evolutiva" e manda o meu marido embora com o menino, eu fiquei calma e quando vejo a eco o bebé não se mexia, não tinha batimentos para mim eu não estava acreditar que aquilo me estava acontecer. O médico foi muito atencioso e ficou preocupado pelo facto de ter levado o meu filho que não o devida ter levado pois esta situação era muito chata (felizmente o meu filho não apercebeu do que aconteceu, eu disse que me tinha engano e que não havia bebé) até sair do consultório estava calma depois o meu mundo desabou não conseguia me controlar mais chorei e chorei... O meu marido não conseguia compreender porquê é que isto aconteceu para ele tinha que existir um motivo e eu não tinha como lhe responder.
Lá fui ao meu médico ele disse que tinha que ir para uma maternidade mas que no dia seguinte seria carnaval e se eu queria ir, claro que disse que sim. Queria que o pesadelo terminasse.
Lá fui tive que ficar internada devido ao tempo de gestação do feto tive 12h para fazer o aborto foi horrível, tive dores, tive frio nunca pensei que fosse tão mau. O meu marido que foi um grande apoio ficou comigo até meia noite. Quando pensei que tudo tinha terminado pois durante a noite tive hemorragia o que significa bom sinal, vou a fazer eco e vêem que tinha resto da placenta e fui para o bloco fazer contagem corre tudo bem e ao fim de 6 horas saiu do hospital o pesadelo tinha terminado só queria me deitar e pensar que nada disto tinha acontecido, mas não consegui. Tanto que só fiquei 15 dias de baixa para não ficar mais depressiva.
Em maio descubro que estou grávida fiquei feliz mas também com medo, não conto ao meu filho, estava super ansiosa até fazer a eco e quando faço estava tudo bem fiquei aliviada mas tive sempre muito atenta.
O Henrique nasceu no dia 30-01-2017 correu tudo bem é um menino muito saudável.
No entanto no dia 08-02-2017 eu estava um pouco chorosa claro que o meu marido percebeu do que se tratava ele disse que devia esquecer, pois tínhamos o Henrique.
Mas eu não consigo esquecer para mim estará sempre no meu coração está perda, e eu amo muito os meus filhos.
A grande questão é devemos esquecer as nossas estrelinhas ou não?
Sei que todas as mulheres deste fórum que passaram por isto que não é fácil, podem me ajudar com esta questão.
Quero agradecer a todas que perderam tempo para lerem a minha história.
E muita força para todas as mulheres que passaram por isto.

Mamã de dois príncipes o Guilherme e o Henrique

Retrato de mariana mendes
Offline
Desde:
09.04.2009

Acho que nem nos conseguimos esquecer as nossas estrelinhas, mesmo se quisermos nao da

força

Borboleta

Madrinha de Alexandra 28

Retrato de AneteS
Offline
Desde:
13.04.2016

Nunca vou esquecer a minha estrelinha, fiz o meu luto que muito me custou e voltei a engravidar, digo sempre o mano/a abriu o caminho para esta bebé que cresce agora dentro de mim saudável e cheia de força, digo também que de lá de cima a minha estrelinha olhará sempre por nós. Tantas vezes penso na minha estrelinha e reconforta-me pensar que todos os que perdi estão juntos a tomar conta dela. Só eu penso assim e nem partilho isto com mais ninguém, ninguém me fala da minha estrelinha, parece que todos preferem não pensar, mas eu penso, penso sempre e sempre me vou lembrar. Muita força!

Anete

Retrato de Klaire
Offline
Desde:
06.07.2015

Eu tive uma perda ''tardia'', tardia para mim pois já estava no segundo trimestre... estava de 15 semanas... nunca vou esquecer o meu menino, nem quero... é meu filho, tal como o mais velho de 3 anos e o que carrego aqui no ventre.. são os meus 3 bebés, não vou esquecer o que perdi só porque não o tenho nos meus braços... nem pensar! Vou recorda-lo para o resto da minha vida com muito amor, carinho e tristeza... mas esquecer nunca!

27/06/2014- O meu piolhito nasceu, amo-te meu docinho!
27/11/2015- Nos treinos!
22/12/2016-POSITIVO! Agarra-te bem!
01/02/2017-A nossa primeira eco ás 12s, bebé saudável e fofo
04/04/2017- Eco das 20s, É UM PILINHAS!

Retrato de CVFREITAS
Offline
Desde:
03.06.2015

Nunca se esquece... podemos não falar, ou até mesmo tentar abstrair , mas quando o assunto vem ao de cima, lembramo nos sempre...
No meu caso, tenho uma estrelinha de 6/7 semanas, pequenina mas tudo começa desde ai, portanto, não deixo de pensar nos porques, ou no que poderia ser se crescesse...
é triste, mas vão ser sempre as nossas estrelinhas Cegonha

Retrato de MaroCas
Online
Desde:
27.02.2010

Olá mamã!!!
Infelizmente também conheço esse sentimento. Primeira gravidez muito desejada,tudo a correr bem,até que na eco de primeiro trimestre,as 13 semanas,o meu mundo desabou Triste o bebé não tinha batimentos cardíacos,tratava-se de uma gravidez molar. Choramos muito!!! No dia seguinte fui internada para provocar o aborto,no meu caso super rápido e sem uma única dor,mas não me esqueço da expulsão e de colocarem o feto no lixo,doeu muito e ainda dói quando penso!!! No meu caso teria sempre que passar pela curetagem,para fazer a biópsia do tumor,que graças a Deus foi benigna!!! Isto passou-se a 6 de Janeiro de 2012,em março fui ao GO fazer eco e tive ok para voltar a engravidar,a 16 de abril de 2012 o meu positivo que deu na minha princesa reguila,que nasceu a 15 de Dezembro de 2012,uma gravidez super tranquila sem nenhum percalço,mas uma mãe sempre muito ansiosa durante toda a gravidez!!! Neste momento estamos a tentar engravidar,mas esta espera anda a desgastar-me,e já sei k só tranquilizarei após a eco do primeiro trimestre.
Esquecer??! Nunca!!!! Até porque a DPP era o dia de anos do meu marido,e lembramo-nos sempre. A data do aborto também. O meu marido opta por não falar do assunto,sempre assim foi,já eu,falo sempre com dor.
Um beijinho

Positivo a 4.11.2011 / Aborto retido a 5.1.2012 - Curetagem a 6.1.2012 ! A estrela mais brilhante ..o meu Anjinho no Céu !
Novo Inicio de treinos - Março 2012 Espertalhão Positivo - 16.4.2012
Vamos dar um/uma mano/a à princesa... Início de treinos 6 de Janeiro 2017!! Positivo 15.8.2017 💕

Retrato de Carina198807
Offline
Desde:
09.03.2017

Eu perdi a minha estrelinha no mês passado e nunca me vou esquecer. É impossível, às vezes choro outras vezes apenas lembro, mas esquecer nunca. Era meu filho.

Retrato de weddinglove
Offline
Desde:
23.09.2013

Olá.

Passei pelo mesmo ainda este mês. Dói tanto que a dor só alivia quando falo no assunto... Sim, alivia a falar. Graças a deus a minha mãe ajudou-me muito a ultrapassar a dor porque fala comigo abertamente sobre o assunto. O resto da família fecha-se em copas e só diz que a próxima correrá melhor...
Mas não é isso que queria ouvir... Queria que esta tivesse corrido bem.
Por isso falo e penso muito no meu filho... Sim, era meu filho!!! E sempre há-de ser!!!

Muita força!!

Treinante desde dez 2016
POSITIVO 1 de abril de 2017 = GA 11 de abril de 2017 :(
De volta aos treinos: Maio de 2017 Apaixonado

Retrato de marjoaoleite
Offline
Desde:
05.07.2010

Obrigada pelas vossas mensagens de força :)
Eu sempre achei que falar é bom mesmo sendo coisas tristes, para mim aquela estrelinha estará sempre no meu coração.
Mamas que passaram por isto e que estão a tentar engravidar continuem a tentar não desistam.
Muita força
Beijinhos

Mamã de dois príncipes o Guilherme e o Henrique

Retrato de patricia.a.s.pinto
Offline
Desde:
26.12.2011

Tenho uma menina de 2 anos, que é a luz dos meus olhos.

Perdi as minhas gemeas às 18semanas, aborto espontaneo. Em 20 minutos de parto, perdi as minhas filhas. Um ano e dois meses depois, a dor continua cá, e vai permanecer.
Nunca devemos esquecer o que é nosso, são nossos filhos desde o primeiro momento e sempre serão. Não fiz o luto das minhas meninas, e ainda hoje doi muito falar Delas. Mas a vida é mesmo assim. Elas decidiram que chegava de lutar (havia transfusão feto-fetal entre ambas), já estavam as duas em sofrimento, e decidiram que não queriam viver uma sem a outra.
Eu, como mãe, tento compreender mas dói e vai doer sempre.

Um beijinho a todas e muita força <3

PatFig

Retrato de Ana Lúcio1
Offline
Desde:
13.09.2017

Esquecer o nosso 😇 nunca . Acabo de perder c 8 semanas (15.09.2017). Estou de luto e estarei no meu ❤ para sempre.
Sinto um vazio como não pensei sentir. Já tenho um rapaz com 14 anos. Seria a minha bebé. Não sei se algum dia voltarei a sentir a alegria que senti após tantos anos de tentativa de engravidar. Perder um bebê foi sentir que acordei de um sonho. Para sempre recordar 👟.

Mãe de menino 20.02.2003
Anjinho- AE 15.09.2017
Tentante....

Retrato de Calr79
Offline
Desde:
23.04.2017

Esse vazio,fica,...com o tempo a dor atenua,mas quando chegam aquelas datas que nos fazem lembrar,como este mês e o próximo,é mais dificil,perdi há dois anos,e ainda doi,e vai doer sempre secalhar.
Sei que não devia,mas penso,no porquê,qual a causa,no que seria,como seria,...
Acho que previsava de saber ,que alguém me dissesse,...para aceitar melhor.
Também perdi às 8 semanas,mas só descobri às 11 semanas finais na eco,e quando nos dizem uma coisa dessas é ficarmos sem chão,sem palavras,sem reação,sei lá,...
Apesar de que eu,não me sentia muito bem,interiormente,tinha um pressentimento,não sei explicar,disse isso à médica e ela disse que me entendia.Levàmos o nosso filho à eco,na altura com 10 anos,mandou sair o meu marido e o meu filho,e naquele momento só pensei nele,em todos,mas mais nele,nem consegui chorar quando a médica me disse,não queria fazer sofrer o meu filho,o meu choro teve que ser depois ,no silêncio...de noite,e de dia...às escondidas...para não fazer sofrer os outros,e acho que assim custa mais ultrapassar.
Doi-me muito pensar que não lhe dei aquele irmão,ou irmã...quando o vi chorar fora da sala,percebi que ele tinha interiorizado de que iria ter um irmão(ã).
A quem já tem a felicidade de ter um filho,é agarrarmo-nos a eles com a toda força e aproveitarmos da melhor maneira cada momento ...a quem ainda não tem,e que deseja,que não desista,de ter esse amor único.
Hoje secalhar arrependo-me de não ter tentado quando era mais nova,poderia ter acontecido na mesma,mas agora...aos 38 anos,é o pãnico só de imaginar o pior...Será que me vou arrepender um dia?
Força pra todas.😂

Retrato de A_I_Costa
Offline
Desde:
14.08.2017

Também perdi o meu bebé o mês passado. Era a primeira gravidez e aconteceu tudo de forma inesperada.
Primeiro engravidei e nem estava a espera (sofro de SOP), depois a menstruação não aparecia e eu pensava que era normal devido ao SOP.
Quando finalmente tomei coragem de fazer o teste e seu positivo, nem queria acreditar. Foi uma felicidade tremenda.
Depois em menos de uma semana tudo acabou. Descobri que poderia não ser evolutiva é 5 dias depois abortei. Foi horrível. Viver tudo aquilo no hospital sozinha, sem o meu marido.
Só pensava porque estava a acontecer aquilo a nós.
Casamos há 3 anos e sentíamos que estava na nossa altura ainda por cima sendo inesperada. Achei que finalmente iria ter um bocadinho de sorte na minha vida. Mas não aconteceu.
O médico disse que estava tudo bem comigo e que assim que a menstruação vier podemos tentar de novo. Ainda estamos a espera dela e depois vamos tentar. Espero é que a sorte esteja do nosso lado.

Força para todas nós. Somos mulheres cheias de força qur ultrapassamos tudo! 😍😘😃