Goste de nós no Facebook

últimos tópicos no forum

Fórum Geral & Apresentação

já um bokaDinho desesperada

Fórum Mães & Bebés

cadeira auto - o que escolher?

Fórum Grávidas

Desabafo das 22h 50m

Fórum Mães & Bebés

Dores nas costas

Fórum Mães & Bebés

Não quer comer:(

Fórum Grávidas

Como será o parto ??

Fórum Perda Gestacional (Aborto)

Ciclo irregular depois de aborto retido

Fórum Geral & Apresentação

procuro

Fórum Grávidas

medicação ..

Fórum Mães & Bebés

Feira do bebé

Fórum Mães & Bebés

10 meses e primeiro Dentinho!

Fórum Grávidas

sono, sono e mais sono

Destaques nas lojas

Loja tanuxinha

Toda a loja com 20%de desconto!...

Loja patilago

Pijamas, contornos berço, babygrows, sapatinhos...

Loja

roupa de menina, linda e baratinha... Espreitem...

Loja Sandrinha72

30% DESCONTO EM TODA ROUPA E CALÇADO USADOS EXCETO DESTACADO...

Loja Dany30

PROMOÇÃO: durante o mês de dezembro ofereço portes em compra...

Loja silva.claudia

Novidades! Sugiram vocês o preço!...

Loja Loving Mom

40% de desconto em tudo!!!...

Loja Sandra Maria Gonçalves

Novidades :-) :-) Reservas durante 1 semana. CONDIÇÕES: EN...

Loja tysh

FOFICES DOS 0 AOS 9 M! LENÇOIS ALCOFA INVERNO!...

Loja pequenotescoloridos

Artigos personalizados para os bebés com pinta!!!...

produtos à venda

€10.00
€1.45
€2.90
€3.20
€3.20
€3.60
€25.00
€2.50
€2.00
€4.50
€2.50
€3.50

artigos recentes

A vida do meu filho dava um livro

Já alguma vez pensou que a vida do seu filho dava um livro?...

Osteopatia Pediátrica

Osteopatia é uma medicina manual, cujo principal objetivo é ...

Como deixar de ser uma mãe galinha

A maternidade traz com ela muitas responsabilidades agregadas:...

O meu filho tem dois anos e não fala…O que fazer?

Ao longo do desenvolvimento os pais saboreiam cada etapa e...

Nasceu um bebé

28.11.2014
27.11.2014
21.11.2014
19.11.2014

Votação

Tem familiares ou amigos próximos com filhos até os 36 meses?

Está aqui

26 mensagens
Última entrada
Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Como aceitar

Ola meninas para começar peço desculpa pelo testamento que ai vem... Vou recuar um pouco no tempo para conseguir explicar isto que aqui vai: Em Dezembro de 2006 quando descobri que estava gravida, o meu namorado nao quis que eu levasse a gravidez para a frente, chegou ate a arranjar-me por duas vezes soluçao para que isso viesse a acontecer! contudo eu ganhei coragem para contar aos meus pais que estava gravida, E DECIDI TER a criança, contando apartir dali só e apenas comigo mesma e com a minha familia! quando ja estava de praticamente 4 meses e de ja estar farta de sofrer, o meu namorado voltou atras na decisao e la fizemos as pazes. Tivemos a bebé, um ano depois casamo-nos. Apesar de tudo ter ficado bem, nao consigo até hoje esquecer o que sofri e tudo o que chorei por estar tao só quando mais precisei dele... foi um principio complicado ainda para mais quando eu tinha acabado de completar 19 aninhos. Hoje em dia ele trabalha de dia e estuda a noite, folga durante a semana acabando por só ter metade do dia para nós por divide o nosso dia com os estudo. Praticamente crio a nossa menina "SOZINHA"... Hoje por sorte ele saiu cedo e tivemos a jantar os tres, foi um momento bom, porque é raro acontecer, so que para mim tudo ficou estrago quando ele gritou com a miuda e fe-la chorar... Defendi a minha filha como se ele fosse um estranho, ele levantou-me a voz acabamos por descutir e neste momento estamos cada um no seu canto sem nos falarmos. ele na net num canto da sala eu no portatil noutro canto, Sinto que ele ficou chateado porque meti o bedelho entre ele e a miuda. Sei que ele é pai e tem direito como eu. Mas a minha menina é minha, eu sofri para traze-la ao mundo, ele nao a quis e agora ele tem tao pouco tempo para nos, quando esta faz-lhe chorar e faz ficar triste. Sera que estou a ser imatura por nao conseguir ficar quieta e calada quando ele ralha com a filha? que devo dizer-lhe agora? depois de passar vinte 24h sobe 24h com ela a fazer birra quando chega a noite eu ja estou cansada... como saber explicar isso? Errei meninas? desculpem-me este testamento. mas neste momento so tenho voçes do forum para me lamentar. pois nem familiares temos aqui. Beijos e obrgada a quem me "ouvir"

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de PDB
PDB
Offline
Desde:
01.05.2010

Olá.

Pois, realmente é uma situação bastante complicada... Não sei que te diga. No calor do momento a gente faz o que o nosso instinto manda, agora só te resta deixares as coisas arrefecer e tentares remendar a confusão, isto se realmente o pai teve razão em ralhar com a menina, claro! Além disso o pai não pode só estar presente para dar sermões, também tem de dar mimo e atenção. Aliás, a meu ver, só temos direito a exercer autoridade perante uma criança se também lá estivermos quando merece ser recompensada e quando precisa do nosso carinho e conforto. Se o pai for um pai ausente podes sempre pegar por aí para tentares expor a tua opinião. Caso contrário olha, é pedires desculpa e deixares as coisas passar.

Mas podes sempre vir cá descarregar energias!

O Miguel nasceu dia 20/09/2009, às 39s3d de gestação, pelas 19h23 com 4000g, 52cm e 37,5cm de PC. Super lindo e chorão, a delícia dos papás! / Madrinha de amamentação da Thinkerbell
_____________________________
A gravidez e parto do Miguel (peça de teatro!):
http://demaeparamae.pt/forum/porque-hoje-me-apetece-tagarelar

Retrato de Raquel_Moreira
Offline
Desde:
12.11.2009

Ola tudo bem?
Olha comigo passou-se exactamente a mesma coisa do que contigo tal e qual tirando eu ter 17 anos e ter ficado sem o meu marido neste momento ate aos 7 meses de gravidez, ah e tirando o facto de eu nao ter nem pais nem avos para cuidar de mim, passei fome e frio e levantava-me as 6h da manha e xegava as 2h da manha do trabalho pois nem 1 peça de roupa tinha pa minha menina.
Mas ja passou, ele tb ralha com a minha filha mas e assim e pai e tanto um como outro tem de dar a educacao, nao e um puxar para um lado e outro puxar para o outro, as pessoas cometem erros e ha situacoes que os homens nao sao capazes de gerir como um nascimento e tudo sempre novo, o que interessa e que ele se remediou eu paso 24h sob 24h com a minha filha de 3 anos e agora com o meu filho de 2 meses e o pai ralha com ela, ela fica triste fica mas e educacao e tanto mae como pai se vivem em conjunto mesmo k por pouco tempo k passem juntos tem de dar a educacao em conjunto, a nos maes custa-nos ver isso mas e mesmo assim, sei que nao e isto que deves querer ler mas pediste opiniao e ca estou eu para ta dar aceitas ou nao isso agora e contigo, mas acho que fizeste mal, nao e pelo que se passou antigamente que te deves reger agora no presente e o no futuro, pois o k passou passou e se perdoaste e casaste com ele nao penses nisso, la por ele passar mto tempo fora e para o vosso bem e ele tem tanto direito como tu na a educar a menina, se ele acho k lhe devia ralhar no meu entender nao devias ter falado nada, nao sei se foi ou nao a frente da menina mas se foi isso e das coisas k nao se deve fazer pois eles sao manhosos e entendem k tem ali um elo de proteccao k podem depois fazer tudo o k lhes apetece e isso nao pode ser, no meu entender devias falar com o teu marido e pedir desculpa dizeres k te exaltaste k te doeu ver akilo...
Beijinhos

O amor de mãe por seu filho é diferente de qualquer outra coisa no mundo. Ele não obedece lei ou piedade, ele ousa todas as coisas e extermina sem remorso tudo o que ficar em seu caminho

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Ele começou a estudar a noite numa altura em que tambem precisei. que foi quando a minha familia se mudou pra suiça. nao estou zangada por isso ele quase ou nunca ta por causa do trabalho e do estudo. doi ver a minha filha chorar porque ele gritou com ela. ela fica as vezes sem ve-lo durante 2 ou 3 dias... eu gostava que ele se alcama-se antes de chegar a ralhar, gostava que ele ocupasse o tempo que ele tem dando mimos e brincadeiras. Quero que ela tenha uma infancia melhor que a minha onde a minha mae trabalhava das 6 da manha ate as 9 da noite, o meu pai dizia ir trabalhar para fora mas ele estava com a 2ª e 3ª familia e quando vinha a casa o tempo que sobrava era para discutir por causa do dinheiro ou das amantes. assim fui crescendo, jurei a mim mesma nao dar uma infancia assim a um filho meu, nao digo que nao era amada mas a minha mae nao tinha tempo para nos fazer sentir isso, o meu pai podia tambem amar mas deixou de o mostar. nao quero queo meu marido seja assim. nao quero que a minha filha seja a criança que eu fui, nao quero mais tristezas! so isso...

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Antes de mais quero que saibas que li tudo ate ao fim! Obrigada por me "ouvires", obrigada por partilhares parte do que foi teu passado comigo. Devo dizer-te que sinto muito? Bom, o que la vai, la vai... Olha parte de mim sabe que tens uma certa razao em tudo o que disseste... outra parte sabe mesmo que talvez o melhor na altura fosse nao me meter... Existe ainda um pouco de mim que esta triste por ele ter ralhado com ela, preferia que ele gastasse o pouco tempo que tem, dando mimo... em vez de ralhar com gritos!

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de Teca30cascais
Offline
Desde:
09.11.2009

Como tu dizes, e muito bem, foste TU e só tu que sofreste para a trazer ao mundo... Ele pode até ser pai da tua filhota, mas a partir do momento que não passa o tempo suficiente com ela perde muita da autoridade de pai para o que quer que seja. Praticamente és tu que a educas... portanto tens SIM uma palavra a dizer sempre que não achares correcta a forma como ele aborda as situações.
Olha... eu aos 3 meses de estar grávida separei-me do pai da minha filha que também trabalhava e estudava a noite e só chegava a casa por volta das 23.30h todos os dias. Rapidamente percebi que aquilo nunca poderia resultar. Afinal, que tempo iria ele ter para estar com a filha ou mesmo comigo?!

Tens de equacionar bem as coisas e ver, realmente, o que é melhor para ti mas principalmente para a tua filhota.

Boa Sorte
mts beijinhos... e mta calma Piscar o olho

Matilde - a minha bebé já chegou!

http://banhodeespuma.wordpress.com/

Retrato de Snowhithe
Offline
Desde:
02.10.2009

À tua atitude dá-se o nome de INSTINTO DE MÃE! Defender a tua filhota como uma leoa. Mostras muita força e isso é de louvar!
Não sou ninguém para te dizer se agistes bem ou não. A única coisa que te posso dizer, é que eu teria feito o mesmo.
Beijo grande

SNOW

Retrato de CLuna
Offline
Desde:
01.05.2010

Minha linda, vou falar por mim, não quero falar mto por ti pq não conheco todos os factos que te levou a tal atituda!!
Olha meu marido trabalha de segunda a sabadodas 7.45h ás 18h chega a casa come pq das 19h ás 23h tem escola, por isso passo praticamente o tempo todo com a minha filha e com o meu afonso que vema caminho, eu trabalho por turnos á dias que estou em casa nos dias que trabalho minha filha vai pa casa dos avos e so consigo apanhar 1 fim de semana por mes em que estamos todos em casa, nisto só tenho uma coisa a dizer:
Em relação ao trabalho foi uma opção nossa, agora que vem mais uma estrelinha a caminho todo o dinheiro é bem vindo para pudermos dar ao que vai nascer e a minha filha de 5 anos tudo o que eles presisam, eu e meu marido não queremos que lhes falte nada!!! era mais que obvio que fosse ele a ir tabalhar, pois não faltava mais nada eu com esta barriga me matar a trabalhar!!!lolol
e dpois o estudar tb foi opção nossa, pois ele so tinha o 9 ano e é electrecista na construção civil, quero que ele tire o 12 anos para puder ter maior campo profissional para se melhorar, ele se melhorando tb eu fico melhor né!!
e nisto sem que ele gosta mto da minha filha e ta todo feliz com o novo rebento, embora ele não esteja mto tempo com a minha filha ele tem todo o direito de a repreender como eu tenho, ele é o pai, minha filha tem de x enquanto de o ouvir para erespeitar o pai!! Sei que as x não concordo com ele mas calo-me e falo com ele mais tarde sem ela nos ouvir!!! assim como tb as x é ele que não concorda cmg!lol
Resumindo, quer gostamos ou não eles são os pais e teem de dar educação como nos maes!!!
olha que as x o miudos conseguem-nos tirar do serio de um aforma ...ou vala-nos deus!!!...as x minha filha poe-me com os nervos á flor da pele dou-lhe um berro que a vizinhamça deve ouvir...é que depois de falar uma duzia de x é compliacado não berrar!!!mas mmo assim amo-a, so quero o bem dela!!!!
E sei que o pai é a mesma cois!!!
jinhos
á e ja me esquecia, problemas com os maridos penso que todas teem, isso de ser mar rosas é qdo namorados dpois de casar começamos a ver melhor os defeitos e tal e eu ja tive mtas crises no meu casamento!!!

Carolina DN- 22/09/2004 *39semanas * 13.53H * 3.260kg * 48.50cm - Parto Induzido

Afonso DN- 10/09/2010 * 38semanas * 12.47H * 3.560kg * 50cm - Cesariana

Retrato de Kika86
Offline
Desde:
07.02.2010

Em 1º lugar o meu abraço mito apertado e com muito apreço por todas as mamas que sofreram na sua gravidez ou depois por causa de atitudes imaturas dos seus maridos.

Em 2º lugar e expressando a minha opinião... a tua atitude e compreensivel, mas nao aceitável. E passo a explicar o pk...

´`E compreensivel pq antes de ser esposa es mae, e nao gostas de ver a tua cria chorar seja pelo que for, ainda por cima por um repreendimento vindo de alguem pelo qual tens uma magoa no teu coraçao.

Mas... nao e aceitavel porque apartir do momento que o aceitas de novo, fazes vida com ele e com a tua cria,ele tem de ter autoridade para dar educaçao em conjunto ctg. Ele apesar dos erros cometidos, da magoa q te deixou e da sua ausencia, é pai da menina,vive com ela, possivemente contribui para o bem estar dela, nao deixando q nada lhe falte, e por isso nao é aceitavel a tua atitude.

Agora se me permites dar uma sugestao.... porque nao falas com ele enquanto casal e lhe fazes ver o teu ponto de vista? Explica-lhe que tanto tu como a menina sentem a ausencia dele, e tentem arranjar uma soluçao para aproveitarem o tempo em que podem estar os 3 juntos... acho qe essa conversa iria facilitar o vosso entendimento.

Essa é a minha opiniao e seria isso q faria!!!

beijinhos, boa sorte e coragem!!!!!

DPP- 6/10/2010 MaMã mais que babada do meu princepe******
princepe nasceu a 12 de Outubro de 2010 ás 22.37 de cesariana.

Vou começar os treinos para uma nova estrelinha.... *******

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Isto de conversar com ele por causa da ausência já aconteceu muitas e muitas vezes... Ele diz que eu o conheci assim, empenhado nos objectivos dele(estudo, trabalho etc...) Ele diz que nada lhe fará desistir daquilo que ele quer. Que neste momento isto esta em primeiro lugar. Expliquei-lhe que me sinto só, abandonada... Expliquei-lhe que ser 2º plano na vida dele esta a por-me doida... Nem sempre consigo conter-me e acabo por chorar que nem uma Maria Madalena! e detesto-me por ser tão fraca nesse aspecto. dps de um dia a "aturar" a miúda, dar-lhe banho, leva-la ao parque, depois de cozinhar, lavar a loiça , depois de lavar e estender a roupa e limpar a casa...chega ele a meia noite ate tomar banho, comer e as vezes fazer alguns trabalhos da escola já são uma, duas ou ate mais... Eu ai ja estou estafada nem me apetece respirar. Parece que estou de castigo. Desculpem os testamentos mas aqui descobri muita coisa uma delas é um porto de abrigo

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de titaf
Offline
Desde:
06.08.2009

Olá maryluana, eu concordo com os comentários da Kika86, CLuna e com a Raquel Moreira.

Tu também ainda és novinha, e a experiência de vida também conta muito para apercebermos de certas coisas que estão à nossa volta, porque nem tudo é um mar de rosas (não sei se me faço entender). Eu entendo o teu marido quando não quer abdicar dos objectivos dele (trabalhar e estudar) e na minha opinião faz ele muito bem, porque a vida não está fácil (os empregos não são seguros e os ordenados são uma miséria para alguns)....E ele, é claro que está a perder o crescimento da tua filhota, que eu acredito que isso também não é fácil para ele, mas também decerteza que o faz para vos proporcionar uma vida melhor. O meu pai também sempre trabalhou muito para nos dar o melhor e é claro que tinha pouco tempo para nós(e isto também custou-lhe), mas sempre teve uma palavra na nossa educação e olha que eu adoro o meu pai e dou-lhe muito valor por tudo o que nos fez.

Eu percebo-te quando dizes que andas cansada com essas tarefas todas de casa, mas também é um facto não trabalhas e provavelmente deves estar saturada da tua rotina, e que tal mudares de rotina? Acho que também deves-lhe dar valor por aquilo que ele está a fazer, porque trabalhar e estudar não é uma vida fácil e se reflectires bem, vez aquilo que ele passa, noites sem dormir para estudar e no dia seguinte tem que trabalhar......E ele pode estar num canto da casa a pensar que está a fazer sacrificios e nem dás valor.

Conversa com ele sobre aquilo que ele pensa se é feliz com a vida que tem, o que ele pretende para o dia de amanhã, como por exemplo, um emprego melhor,etc. Porque com uma boa conversa também te podes colocar no lugar dele e ver se ele tem razão ou não...

Em relação ao facto dele te pedir para abortar, acredito que ele fez isso por imaturidade e se perdoaste esquece isso. Porque se estás a remoer nisso, então não consegues ser feliz. Ele acabou por assumir a tua filha e está contigo e com a filhota e é o que importa, mata-se a trabalhar e a estudar é porque tem objectivos e isso é importante e acho que lhe deves dar força para seguir com os objectivos dele. Tomara muitas mulheres terem homens desses, é claro que não o conheço para dizer isto, mas é no sentido de ter objectivos na vida. Há muitos que nem querem trabalhar, e muitos que trabalham e quando chegam a casa nem se levantam do sofá para ajudar a mulher e nem querem saber dos filhos (há de tudo)....

Eu comentei sobre aquilo que eu percebi da tua história e só TU é que podes saber o que se passa a tua volta.

Retrato de Raquel_Moreira
Offline
Desde:
12.11.2009

Entao minha linda como estao as coisas? Passei po aqui para saber novidades tuas beijinhos

O amor de mãe por seu filho é diferente de qualquer outra coisa no mundo. Ele não obedece lei ou piedade, ele ousa todas as coisas e extermina sem remorso tudo o que ficar em seu caminho

Retrato de Teca30cascais
Offline
Desde:
09.11.2009

Pois...
de facto já tentei essas conversas todas... e as coisas não mudaram. Ele acabou por deixar a nossa relação morrer... Eu dava-lhe todo o mérito e valor... até pq eu própria tirei 2 cursos. Um curso de Comunicação no qual me licenciei e outro de aviação.
Acredita que sempre dei muito valor aos estudos e nunca o dissuadi de estudar. Simplesmente sempre tentei que tivesse algum tempo livre para nós ( o que é perfeitamente possível) mas ele nada... e às tantas deixámos de ter sequer o que falar. Ele chegava a casa, ía pra frente do pc, eu fazia o jantar e o almoço pra ele levar no dia seguinte e comecei-me a sentir mais mãe dele que mulher... e olha que eu nunca tive muita vocação pra doméstica... é uma falha minha. Mas fazia isso pq sabia que para ele tudo aquilo era importante. Ele não fazia isso por mim... comecei a trabalhar como actrriz no teatro e ele nem me perguntava como tinham sido os ensaios e até se esquecia do dia das estreias... não estava nem aí para a minha vida... enfim... foi um aglomerar de situações que levaram ao que levaram... um total desinteresse.
Preocupa-me apenas, daqui para a frente, a postura que ele terá relativamente à filha. só isso.

Bjs e obrigada Gargalhadas

Matilde - a minha bebé já chegou!

http://banhodeespuma.wordpress.com/

Retrato de Teca30cascais
Offline
Desde:
09.11.2009

Anda tudo na mesma linda... pra semana já marco a advogada...
Bjinhos

Matilde - a minha bebé já chegou!

http://banhodeespuma.wordpress.com/

Retrato de Kika86
Offline
Desde:
07.02.2010

Linda é normal essa atitude dele perante o seu futuro, imagina se fosse ao contrário, se ele n quisesse trabalhar nem estudar, iria ser bem mais complicado. Deixa-o estar assim empenhado, porque está a tratar do futuro dos 3.

Se ves ou sentes que ele te ama, e que apenas a sua ausencia prejudica a vossa relação, tenta nao dar tanta importancia a isso e se tiveres possibilidade tenta arranjar uma ocupação fora do teu ambiente familiar, porque tambem o que me parece ( porque tambem ja me senti assim quando estava desempregada :()é que estás um pouco saturada dessa tua rotina.

Se a tua filhota estivesse numa cresce, e tu a trabalhar, nao sentirias tanto essa ausencia possivelmente.

Se ainda o amas, tenta ver as coisas de forma diferente, pode ser que te consigas libertar dessa aungustia.

beijinho mto grande

DPP- 6/10/2010 MaMã mais que babada do meu princepe******
princepe nasceu a 12 de Outubro de 2010 ás 22.37 de cesariana.

Vou começar os treinos para uma nova estrelinha.... *******

Retrato de MAR22
Offline
Desde:
26.04.2010

Eu acho k depois d k aconteceu s aceitas-t o teu agora marido d volta os argumentos d passado ñ são válidos.
Se ele trabalha e ainda estuda só demonstra k s preocupa com 1futuro melhor e k é 1pessoa responsavel afinal é ele kem tras o dinheiro pra casa.
Por mt k seja complicado tomar conta d 1criança 1dia inteiro acho k é bem mais complicad pra kem trabalha 1dia inteiro e depois chega a casa e tem tds as tarefas á sua espera e ainda 1filho pra cuidar, mimar e educar por vezes o tempo ñ estica.
Acredito k n fim d 1dia cansativo cm o teu marido tem chegue a casa estafado e as crianças nem sempre são faceis.
1coisa k aprendi foi k em frente a 1criança jamais s pode desautorizar o marido/esposa k repreende, pra k a criança tenha regras os pais tem k demonstrar sempre k tão d acordo mesmo k assim ñ seja e depois a sós s converse sobre o assunto.
O melhor é mesmo pedires desculpa ao teu marido e dizer k foi 1impulso de mãe incontrolavel acho k ele vai entender, mas nunca uses o argumento d k a filha é tua e foste tu kem sofreu pra ter isso ñ é motivo nem tá d td correcto os filhos ñ são nossos são d mundo.

MAR22

Retrato de titaf
Offline
Desde:
06.08.2009

Teca30cascais escreveu:
Pois...
de facto já tentei essas conversas todas... e as coisas não mudaram. Ele acabou por deixar a nossa relação morrer... Eu dava-lhe todo o mérito e valor... até pq eu própria tirei 2 cursos. Um curso de Comunicação no qual me licenciei e outro de aviação.
Acredita que sempre dei muito valor aos estudos e nunca o dissuadi de estudar. Simplesmente sempre tentei que tivesse algum tempo livre para nós ( o que é perfeitamente possível) mas ele nada... e às tantas deixámos de ter sequer o que falar. Ele chegava a casa, ía pra frente do pc, eu fazia o jantar e o almoço pra ele levar no dia seguinte e comecei-me a sentir mais mãe dele que mulher... e olha que eu nunca tive muita vocação pra doméstica... é uma falha minha. Mas fazia isso pq sabia que para ele tudo aquilo era importante. Ele não fazia isso por mim... comecei a trabalhar como actrriz no teatro e ele nem me perguntava como tinham sido os ensaios e até se esquecia do dia das estreias... não estava nem aí para a minha vida... enfim... foi um aglomerar de situações que levaram ao que levaram... um total desinteresse.
Preocupa-me apenas, daqui para a frente, a postura que ele terá relativamente à filha. só isso.

Bjs e obrigada Gargalhadas

Deu-me a entender que a Maryluana e a Teca30 são a mesma pessoa,pela resposta que me foi dada, mas nos tópicos que abriram as histórias são diferentes http://demaeparamae.pt/forum/custodia-bebe-pais-separados

Retrato de Teca30cascais
Offline
Desde:
09.11.2009

Mas enganei-me e só agora é q vi... vim responder pra este tópico a achar q estava a escrever no meu... lol mas pelos vistos as histórias são parecidas. Gargalhadas :)) mas não... não somos a mesma pessoa. Piscar o olho

Matilde - a minha bebé já chegou!

http://banhodeespuma.wordpress.com/

Retrato de Carimax
Offline
Desde:
17.10.2008

Ola a todas!(não li todos os comentários)

Mary Luana...e arranjares trabalho, n consideras essa hipotese?
Nem que seja part-time...qq coisa que te distancie da tua rotina de lida doméstica!Até faz bem às crianças sociabilizarem com outras nas escolas/creches.

É normal que a paciência de uma pessoa que trabalha e estuda esteja pela rua da amargura de cansaço! :(
e claro, se a paciência falta, já se sabe que pode disparar para qq lado! Nunca mostres em frente da criança que estás em desacordo com o pai...e o mm vice-versa-...alguém aqui já referiu que mais tarde partilham opiniões, longe dos ouvidos da criança, quando há um desacordo sobre algo na educação! A educação pertence aos dois..mas se estás mais com ela, é óbvio que tens um papel mais presente e continuo...Agora a ponderação de perceber que são os dois novos, o teu companheiro quer evoluir profissionalmente (o que é de louvar!) enquanto tem energia para tal e tu?que pretendes?não devias depender tanto dele, em termos de vida, decisões, expectativas...Leva a tua avante...Qual é a tua?é a maternidade apenas ou queres mais? Piscar o olho

E tens que separar àguas...és mulher, mãe, esposa e amante. Não deverias colocar-te só no papel de mãe, que pelo que vou vendo por aqui, FÓRUM, acontece muito. E até entendo que seja dificil ser diferente...mas para bem de todos, é necessário sermos um pouco de tudo.

Acho que paciência da tua parte é algo fundamental para que a relação siga, com qualidade, tá claro! Paciência para saber esperar por dias menos ocupados dele, uma vez que estás em casa e dedicas-te exclusivamente à maternidade. Boa sorte! Sorriso

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

antes de mais obrigada pelo "apoio"... Devo salientar aqui eu nao dependo de maneira alguma do meu marido, ele trabalha sim para pagar as coisas em casa, eu ajudo sempre nas contas tambem! Mas graças a deus eu mesmo desempregada tenho o meu dinheiro para as minhas coisas e para minha filha. Eu nao fico a olhar a espera que ele me de algum... E quando preciso de um extra peço emprestado, a minha mae ou irmã... Aqui em casa coloco-me no papel de mae porque ha uma criança que precisa... Nao é porque quero dedicar-me a maternidade... Devo dizer que o resto vou deixando andar, assim todos ficam felizes. Nunca disse ao meu marido "acho mal que estudes" muito pelo contrario... Mas porque que tem que deixar de existir tempo para mim? Em relaçao ao trabalho, hoje em dia esta dificil encontrar trabalho sem fins de semana e feriados, ou que nao seja rotativo, uma vez que o pai da minha filha trabalha e estuda, e nao tem tempo para mais... eu tenho que olhar pelo resto nós nao temos quem nos fique com a miuda a noite, aos feriados ou fins de semana... Alias foi por isso que perdi o meu trabalho em fevereiro... as amas nao aceitavam ela aos domingos e feriados, eu tinha que deixa-la um dia com uma pessoa, outro dia outra... quando nao tinha alguem tinha que faltar. Deus sabe o que já passei por causa disso, alias mais ninguem sabe! Deixa tambem acrescentar que em setembro pretendo voltar ao estudos. VOU FAZER ALGO NA VIDA.... mais uma vez obrigada!!!

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de Teca30cascais
Offline
Desde:
09.11.2009

Olha... entendo-te perfeitamente...
Vê lá que a tua situação é tão parecida com o que a minha era, que até respondi neste tópico a achar q estava no meu Ups! Piscar o olho Mas eu optei por terminar a minha relação por saber que iría acabar assim o0u pior.
Ele tb diz que não tem tempo?? o pai da minha pipoca tb dizia... nem aos fins de semana tinha tempo... era demais. E eu também lá me ía conformando e deixar passar os dias (sempre iguais). a estava grávida na altura.

Olha... o máximo que posso fazer ( se morares na linha de cascais) é ficar-te com a filhota sempre que precisares. Já fiz muito babysitting e já criei uma bebé a full time Piscar o olho

De resto só te posso mesmo dar muita força para avançares com os TEUS projectos e a TUA vida... <:P

Matilde - a minha bebé já chegou!

http://banhodeespuma.wordpress.com/

Retrato de Snowhithe
Offline
Desde:
02.10.2009

Reitero o meu apoio.
Parece-me que ele quer melhorar a vida dele e não a vossa.
Nenhum amor vive de migalhas.
Força e coragem linda Sorriso

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Obrigada pelas respostas.... e pelo "apoio"... Ele nem admite que o tempo da parte dele deixou de existir, bom muitos nao gostam de verdades! Eu vou esperando, porque amo-o, pela nossa "CRIA", enfim por NÓS. olha eu sou da linha de sintra, cascais ja fica fora de mao para nós mas, agradeço do fundo do coraçao a tua disponibilidade. Um beijinho e uma festinha na barriguita para a Matilde! Sorriso

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de maryluana
Offline
Desde:
12.05.2010

Obriga pela força.... Engraçado é que eu estou constantemente a ouvir a musica "migalha" da Simone é uma musica que gosto muito mesmo por falar de um amor que nao quer viver de migalhas. Nao por andar numa fase Triste da vida mas, sim porque a musica é linda! faz-me sentir BEM!!! LOL...
BEIJOKAS

24*07*07 minha Lulu linda chegou!!!
4 Anos depois a 11*11*11 chega-me a Sofy terrível para completar o meu mundo...
Afinal não estava completa... A 26*08*14 tive o meu 3º positivo... DPP 03*05*15

Retrato de Carimax
Offline
Desde:
17.10.2008

maryluana escreveu:
Aqui em casa coloco-me no papel de mae porque ha uma criança que precisa... Nao é porque quero dedicar-me a maternidade...

Precisa, como assim? a tua filhota tem problemas,é isso?ou assim decidiste, ficar em casa para educar por opção?desculpa é que não entendi...

maryluana escreveu:
Devo dizer que o resto vou deixando andar, assim todos ficam felizes.

Todos felizes menos tu, parece-me..porque sentes-te desamparada, ou não? A que te referes como "o resto"? o assunto trabalho, é isso? Familia?

maryluana escreveu:
Nunca disse ao meu marido "acho mal que estudes" muito pelo contrario... Mas porque que tem que deixar de existir tempo para mim?

Pois...esse é um grande dilema...porque se ele só tem meio-dia por semana para dedicar à familia...bem..não é nada, realmente! :(
..mas se já sabias que assim seria, tens que ter muita paciência, porque é um assunto debatido anteriormente, pelo que mencionaste acima....
e além do mais, deve estar mais que estafado do resto da semana! Logo a disposição para se dividir por mais outra situação...é tramado! :(
Olha...eu já conciliei estudos e trabalho, sem fihos, e lembro-me de como passei! Preocupado

maryluana escreveu:
Em relaçao ao trabalho, hoje em dia esta dificil encontrar trabalho sem fins de semana e feriados, ou que nao seja rotativo, uma vez que o pai da minha filha trabalha e estuda, e nao tem tempo para mais... eu tenho que olhar pelo resto nós nao temos quem nos fique com a miuda a noite, aos feriados ou fins de semana... Alias foi por isso que perdi o meu trabalho em fevereiro... as amas nao aceitavam ela aos domingos e feriados, eu tinha que deixa-la um dia com uma pessoa, outro dia outra... quando nao tinha alguem tinha que faltar. Deus sabe o que já passei por causa disso, alias mais ninguem sabe!

Pois....essa questão é complexa, sim! mas tens que realmente vasculhar muito no mundo do emprego para ver outras opções!...Olha, o comércio tradicional encerra aos Domingos e funciona até às 19h, por exemplo!

maryluana escreveu:
Deixa tambem acrescentar que em setembro pretendo voltar ao estudos. VOU FAZER ALGO NA VIDA.... mais uma vez obrigada!!!

Ora, aí está algo que te vai ocupar e fazer sentir melhor! Parabéns pela decisão!
Palmas! =D>

Força e não desanimes...e olha mais por ti, como ser independente e autónomo que és Espertalhão

Retrato de LI_MA
Offline
Desde:
14.03.2007

Desculpa mas n concordo nada com alguns dos comentários do que aqui se escreve. Primeiro de tudo é importante saber o motivo que levou o teu marido a gritar com a filha, é mais importante do que saber que a fez chorar!
Pelo que contas o teu marido inicialmente não aceitou a gravidez (que presumo não tenha sido planeada), acredito que deve ter sido dificil para ti e que devem ter sido meses muito dificeis mas não me parece que por isso a tua filha seja só tua... aliás a filha não é propriedade de ninguém, deste-lhe a vida mas esta só lhe pertence a ela mesma!
Depois de se ter arrependido casou-se e assumiu a relação e a filha e estuda de dia e trabalha à noite para sustentar a família e pagar os estudos o que obviamente ocupa grande parte do seu tempo, por isso sentes que ficas em 2 plano. Curioso que eu acho exactamente o contrário, é muito digno o facto de o teu marido não ter desistido de estudar e com isto dar-vos um futuro melhor e ao mesmo tempo ter assumido as suas responsabilidades como marido e pai.
Parece-me que ainda existe aí uma grande revolta pelo passado que tiveste e que de facto não te deixa ver o Presente que estás a viver e o Futuro que poderás ter se conseguires compreender e apoiar um pouco mais o teu marido.