Adopção Internacional | De Mãe para Mãe

Está aqui

Adopção Internacional

Responda
50 mensagens
Adriana Magalhães -
Offline
Desde 25 Out 2007

Olá a [email protected]!

Toda a minha vida quis adoptar, independentemente de ter ou não filhos biológicos. Aliás para mim a adopção é muito mais que o último recurso, é uma opção que se encontra ao nível da maternidade biológica.
Actualmente um casal necessita de estar casado há 4 anos para se candidatar à adopção, pelo que terei que esperar até Março de 2013 para o fazer. Até lá terei um ou mais filhos biológicos, pelo menos assim espero.
Vamos optar pela adopção internacional, sem dúvida nenhuma. Tenho lido muito, aprendido muito, tenho lido muitos testemunhos de adopções internacionais e falado com adoptantes e pré-adoptantes, e acima de tudo tenho-me emocionado muito com todo o amor que sinto nestas adopções. Tenho cada dia mais certezas de que esta nossa escolha é acertadíssima!
Da família não tenho apoio, pelo menos para já. Eles, como a maioria das pessoas, acham que a adopção só se justifica quando não é possível ter filhos biológicos. Como já vos disse, para mim essa ligação não faz nem nunca fez sentido.
Gostava de falar com mais meninas que pretendam adoptar/adoptar internacionalmente. E mesmo que não esteja nos vossos planos adoptar, gostava que se juntassem a nós.

Obrigada.

A minha princesa chegou no dia 26 de Junho Sorriso
VISITA-NOS: http://estamos-a-tua-espera.blogspot.com/ Sorriso
14.02.2009 - O meu dia: http://onossocasamento.pt/forum/meu-dia-14022009-com-fotos

Pelos animais, sempre! http://www.esteriliza-me.org

Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Pois eu sempre quis adoptar, desde criança. Acho que é das acções que mais demonstram o amor que podemos dar a alguém.
Quando pensei que não ia conseguir engravidar, tive a certeza disso. Agora que tenho uma menina de dois meses, continuo a ter vontade de ter mais um filho e adoptar uma criança. O meu maridão é que não está virado para nenhum desses lados. Humph...
Quando estava difícil a gravidez, ainda aceitou a situação e mesmo quando estava de grávida, ainda ponderou isso mas agora já anda a dizer que é complicado, e que...enfim...já estou triste. Triste Triste

Se avançarmos, o meu marido também gostava de uma adopção internacional mas não é mais difícil e demorado? Bom, se decidirmos, só daqui algum tempo porque a Salomé é muito pequenina mas por mim era já Espertalhão Espertalhão

De qualquer forma, se tudo correr bem vamos avançar com a construção de uma casa e aí concerteza que haverá mais espaço. Vamos ver o que vai acontecer, mas gostava muito de ter três filhos e dar irmãos à Salomé. Ainda bem que tenho um irmão.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qui, 27/08/2009 - 22:47
Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Confesso que ainda nem tinha pensado nisso confesso. Desculpa mas não percebi o teu comentário "Depois de 6 visitas aqui", aqui aonde? A Cabo Verde, é isso? Ou visitas a nós pais aqui em Portugal?
Sabes quantas vezes temos de lá ir, a Cabo Verde? Pagamento de um advogado?

Tens razão, para já estamos muito apaixonados pela Salomé e a absorver todos os momentos com ela, talvez mais tarde. Mas gostava de saber algumas coisas mesmo assim.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qua, 02/09/2009 - 18:53
Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Obrigada pela ajuda.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qui, 10/09/2009 - 12:43
lpangel -
Offline
Desde 20 Mar 2007

Adriana, para ja deixa-me dar os parabens pela tua decisao! Acho que é preciso ser uma pessoa especial para estar disposta a amar uma criança como se fosse nossa, mesmo nao o sendo... e poder dar-lhe tudo o que necessita... AMOR E UM LAR!!!

Eu partilho da tua opiniao, e alias, sempre disse que queria adoptar uma criança, mesmo tendo filhos biologicos... sinto que tenho tanto amor para dar e porque nao ajudar uma criança que nao teve a mesma sorte que nos, de ter um lar, uma familia, um ser humano que tem carencia de carinho, de afecto, e sim... de brincadeiras e de coisas materiais tambem, é obvio!

Mas infelizmente o meu marido nao e dessa opiniao... por isso nao sei se conseguirei realizar esse sonho! É uma questao que so o futuro me dira...

Bjs grandes e bem haja para as pessoas que querem dar ou devolver ao rosto e ao coração de uma criança... UM SORRISO!!!

Submetido por lpangel em Ter, 04/08/2009 - 22:41
Sobre lpangel

*T+P= Nicole e Rodrigo* Apaixonada pelos meus filhotes :x
Os dias mais felizes da minha vida :x
24/03/2010, 12h30- Nicole, 3910gr, 51 cm
15/01/2012, 02h00- Rodrigo, 2635gr, 48 cm
Vocês são vida, meus amores :x

Just a woman -
Offline
Desde 15 Jan 2009

Ola
eu acho este assunto interessantissimo...
eu sempre disse que gostava de adoptar uma criança escurinha(o meu chocolatinho)pois acho que educados numa familia branca tem uma aceitaçao diferente na sociedade...nao sei porque mas acho isso...talvez por Portugal aceitar tao mal(algumas pessoas)pessoas de outra cor!!
Mas o meu P.nao vai muito na ideia,diz que nao era capaz...
Mas tambem eu nao faço ideia do que e preciso para uma adopçao internacional...se for como em Portugal...de certo e preciso ter rios de dinheiro!!!

Submetido por Just a woman em Ter, 04/08/2009 - 22:43

Diana
DPP:28 de Abril 2010
Nasceu:15 de Abril 2010!!
Amo te muito filhinha!!!

mmnsjr -
Offline
Desde 23 Mar 2009

**

Submetido por mmnsjr em Qua, 09/02/2011 - 11:30
solzito -
Offline
Desde 10 Abr 2009

Acho muito sensata a tua ideia quanto à adopção.

É engraçado que desde pequena que tenho o bichinho pela adopção e em namoro cheguei a falar no assunto ao meu marido. Ele disse-me logo que não queria e eu tirei daí a ideia, pelo menos para já. No entanto, quis o destino pregar-nos uma partida...

Ainda não estávamos casados à 1 ano quando descobrimos que ia ser muito difícil de sermos pais devido a um problema do meu marido. Eu fiquei triste mas como tinha o bichinho da adopção tinha sempre hipótese de ser mãe. Ele passou de um não para um talvez pois teríamos de esperar 3 anos para a adopção.

Milagre dos milagres engravidei ao fim de 3 meses de não tomar a pílula. Estou de 7/8 semanas mas o bicho da adopção continua cá e eu quero um dia alcançar esse meu sonho de infância.

Submetido por solzito em Qua, 05/08/2009 - 12:19
Sobre solzito

19/03/2010 nasceu a minha flor, a Princesa Margarida.
20/03/2013 2ª tentativa falhada, uma estrelinha no céu com 8 semanas... Triste
23/04/2014 chegou a Princesa Mafalda ao reino da felicidade!!!

maryjane -
Offline
Desde 18 Abr 2009

Eu se tivesse hipóteses de o fazer, gostava de ir buscar uma menina à China...Desde que vi um documentário sobre a política de controlo de natalidade na China, que fiquei sempre com essa ideia...
Mas tenho consciência que em termos monetários é complicado, e como não sou casada, nem vivo com o meu namorado neste momento, acho que seria mesmo impossível, se bem que se a vida se proporcionar, era algo que gostaria um dia de fazer...
Para mim a adopção não é diferente de ter um filho biológico, no sentido em que para mim Mãe, é quem cria e não quem pare, apenas é uma decisão mais difícil de tomar e na minha opinião, mais difícil de concretizar, pois existem sempre imensos entraves, apesar de haver imensas crianças a precisar de um lar...
Penso ser esse o motivo que muitos casais encararem essa hipótese apenas quando não conseguem ter filhos biológicos, por muito que até gostassem da ideia de acolher uma criança, acaba por haver tanta burocracia, que as pessoas acabam por desistir...

Submetido por maryjane em Sáb, 08/08/2009 - 11:57
Sobre maryjane

O meu filho é a coisa mais doce e mais pestinha do Mundo Sorriso Amo-o mais que tudo Sorriso

Pesus -
Offline
Desde 07 Ago 2009

Olá Adriana e a todas as outras meninas.
Sou nova neste forum, mas gostei deste tópico pois iniciámos o processo de adopção em Abril.
Agora no dia 17 de Agosto teremos a segunda entrevista.
Não optamos pela adopção internacional, mas não especificamos sexo ou etnia. Idade está um pouco condicionada pois como já temos um filho biológico, as assistentes aconselham a que seja mais novo/a. Só em casos excepcionais é que nos poderiamos candidatar a uma criança mais velha.
O meu único receio é a demora deste processo. Entretanto continuamos a tentar outro filho biológico, mas não prevejo sucesso. O M.já foi um milagrezinho.

Beijinhos a todas

Submetido por Pesus em Seg, 10/08/2009 - 18:30
Aoufi -
Offline
Desde 12 Jul 2009

Ola meninas, eu já iniciei o processo d adopção. Tenho 36 anos e sempre foi meu sonho adoptar um bebé. A primeira coisa que eu disse ao meu marido quando o conheci, foi que um dia queria aptar um criança e ele teria que aceitar. Já estamos juntos há 14anos e resolvemos este ano mudar as nossas vidas com a vinda dos filhos. É claro que o desejo de qualquer homem é ser pai de um filho biológio, desejo esse que eu não partilhava até ao momento em que decidi se-lo, como tal deixei-me engravidar e meti os papeis para a adopção. Estamos super felizes, embora a seg. social esteja a complicar com a questão de eu estar grávida, mas já tive a 1ª entrevista em Julho e a próxima será em Outubro. Nessa altura estarei de 5 meses de gestação, só espero que não compliquem mais e me deixem realizar o meu sonho de menina. BOA SORTE para vocês

Submetido por Aoufi em Ter, 11/08/2009 - 22:23
Sobre Aoufi

amélia aoufi

Pesus -
Offline
Desde 07 Ago 2009

Primeiro parabéns pela gravidez dupla. Grande abraço
Sabes que infelizmente a nossa espera vai ser longa e é isso mesmo que podes dizer à psicóloga (que prevejo que tentará colocar entraves). Quando tiveres o teu filhote adoptivo, o teu biológico terá na melhor das hipóteses 2 anos (não sei de que área és nem as características que especificaste).
Não as leves a mal. Elas querem sempre o melhor para essas crianças que já passaram por tanto. O teu filho/a biológico vai ser a vossa maior alegria (acredita numa mãe babada) e elas receiam e pensam em tudo.

Desejo-te as maiores felicidades e mais uma vez parabéns.

Submetido por Pesus em Qua, 12/08/2009 - 11:09
An_A -
Offline
Desde 04 Mar 2009

Adriana, tal como tu, adoro a ideia! E sempre sonhei um dia adoptar alguém. Ao contrario da Ipangel (não leves a mal, linda!), eu não acho que seja preciso mta coragem para amar um estranho como um filho, ate pk ele deixa de ser estranho!

Estou grávida de quase 6 meses, e o desejo de adoptar não diminuiu nem um bocadinho, pelo contrário! Gostava de ter 2 ou 3 filhos biológicos e dps, qd estes já tivessem mais crescidos, adoptar uma criança, e não faço questão nenhuma que seja um bebé! Sorriso

Gosto mto deste tema, a serio!

Bjs

Submetido por An_A em Sex, 14/08/2009 - 15:03
Sobre An_A

An_A

solzito -
Offline
Desde 10 Abr 2009

Concordo contigo em relação à idade do filho adoptivo. Eu tenho muito o sonho de adoptar mas ainda tenho de convencer o marido. Estou grávida de 2 meses e o desejo de ser mãe adoptiva é cada vez maior. Também defendo que preferia uma criança de 3 ou 5 anos, por exemplo, do que um bebe.

Vamos ver se convenço o marido!

Submetido por solzito em Dom, 16/08/2009 - 15:20
Sobre solzito

19/03/2010 nasceu a minha flor, a Princesa Margarida.
20/03/2013 2ª tentativa falhada, uma estrelinha no céu com 8 semanas... Triste
23/04/2014 chegou a Princesa Mafalda ao reino da felicidade!!!

Mary2009 -
Offline
Desde 29 Mar 2009

Uma vez que o seu procsso de adopção ja começou pode pf dizer-me como se processa a 1ª entrevista? E a 2ª?
Obrigada pelo esclarecimento!
Força e animo para todos os casais pre-adoptantes!

Submetido por Mary2009 em Seg, 17/08/2009 - 17:53
martita -
Offline
Desde 22 Fev 2007

Faço minhas as vossas palavras.

A adopção para mim sempre foi uma realidade desde criança e uma certeza, idependentemente da biologica. Não é questao de coragem , é uma questão de amor. É preciso ter tanta coragem em ser mãe biologica ou adoptiva, só o tipo de gestação e o tempo de espera é q difere.

Estou tb com a adriana no q toca à vertente in ternacional, pois o tempo de espera é bem menor. Para Cabo verde, é cerca de 1 ano, sendo q os bebes de lá geralmente são bem pequeninos.

Cor, país... quero lá saber. O k é isso, perante a grandiosidade de sermos pais. Pai e ma~e é parir? Ou é amar?

Como alguem dizia: parir é dor, criar é amor.

Ainda estou a tentar a via biologia e já lá vão 13 meses... combianmos esperar até ao fim deste ano, para pormos os papeis da adopção, uma vez q combinamos termos primeiro a experiencia biologica e depois a adoptiva (se Deus kiser).

Até lá, vou informado-me de tudo.

Expreitem o site da associação bem me queres.

Beijinho a todas

Submetido por martita em Qua, 19/08/2009 - 10:54
Sobre martita

_________________________________________________________
www.martaebruno.blogspot.com
**** E o sonho realizou-se a Dez de 2010 ****
Espertalhão Madrinha do André da Martassm Espertalhão
Sorriso Madrinha e Afilhada de treinos da OlgaMourato Sorriso

Pesus -
Offline
Desde 07 Ago 2009

Tenho falado com muitas meninas e sei que difere de zona para zona. Aqui no Porto há uma sessão de esclarecimento inicial. A 1ª entrevista é com a assistente social e a 2ª com a psicóloga. Ainda há uma terceira ao domicílio.
Foram ambas semelhantes, embora a primeira seja mais para falarmos sobre nós, contarmos um pouco da nossa vida familiar e profissional. É uma primeira avaliação. No entanto ambas as técnicas tentaram elucidar-nos sobre o passado das crianças. No fundo fazem o seu papel, para termos realmente a certeza de que queremos assumir tamanha responsabilidade. A psicóloga foi mais directa e disse-nos que era mesmo essa a sua função.
São conversas informais e tentamos assimilar o máximo possível. Nesta última entrevista ela deu-nos muitos exemplos e formas de lidar com algumas situações hipotéticas.

Espero ter ajudado.

Beijinhos

Submetido por Pesus em Qua, 19/08/2009 - 23:56
Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Pois eu sempre quis adoptar, desde criança. Acho que é das acções que mais demonstram o amor que podemos dar a alguém.
Quando pensei que não ia conseguir engravidar, tive a certeza disso. Agora que tenho uma menina de dois meses, continuo a ter vontade de ter mais um filho e adoptar uma criança. O meu maridão é que não está virado para nenhum desses lados. Humph...
Quando estava difícil a gravidez, ainda aceitou a situação e mesmo quando estava de grávida, ainda ponderou isso mas agora já anda a dizer que é complicado, e que...enfim...já estou triste. Triste Triste

Se avançarmos, o meu marido também gostava de uma adopção internacional mas não é mais difícil e demorado? Bom, se decidirmos, só daqui algum tempo porque a Salomé é muito pequenina mas por mim era já Espertalhão Espertalhão

De qualquer forma, se tudo correr bem vamos avançar com a construção de uma casa e aí concerteza que haverá mais espaço. Vamos ver o que vai acontecer, mas gostava muito de ter três filhos e dar irmãos à Salomé. Ainda bem que tenho um irmão.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qui, 27/08/2009 - 22:47
martita -
Offline
Desde 22 Fev 2007

Oi Alegro.

Olha, a adopção internacional por Cabo Verde é bem mais rápida. Depois dos 6 meses de visitas aqui... conta com menos de um ano. Isso significa que a Salomé cresciria à vontade.
Mas se têm esse projecto da casa, vejam bem os timings para não ficarem aflitos. É q para a adopção internacional há despesas extras, como a ida ao país de onde vêm os nossos filhotes. Passagens aereas e, no caso de cabo verde, o pagamento de um advogado.

Mas tudo vale a pena.

Vai trabalhando a ideia com o teu maridão e da-lhe tb tempo para se habituar a esta nova fase com a Salomé.

Piscar o olho

Submetido por martita em Qua, 02/09/2009 - 08:57
Sobre martita

_________________________________________________________
www.martaebruno.blogspot.com
**** E o sonho realizou-se a Dez de 2010 ****
Espertalhão Madrinha do André da Martassm Espertalhão
Sorriso Madrinha e Afilhada de treinos da OlgaMourato Sorriso

Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Confesso que ainda nem tinha pensado nisso confesso. Desculpa mas não percebi o teu comentário "Depois de 6 visitas aqui", aqui aonde? A Cabo Verde, é isso? Ou visitas a nós pais aqui em Portugal?
Sabes quantas vezes temos de lá ir, a Cabo Verde? Pagamento de um advogado?

Tens razão, para já estamos muito apaixonados pela Salomé e a absorver todos os momentos com ela, talvez mais tarde. Mas gostava de saber algumas coisas mesmo assim.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qua, 02/09/2009 - 18:53
martita -
Offline
Desde 22 Fev 2007

Até onde investiguei, as visitas são feitas pela nossa Seg. Social conforme a lei preve. Como no caso do da adopção nacional.

Qt aos gastos não sei dizer ao certo, mas penso q só têm de ir lá qd a criança vos fôr atribuida.

Mas podes investigar melhor atraves da Instituição Bem me queres em http://www.bmqueres.org/

No forum da Associação Portuguesa de Fertilidade tb encontras boas infos.

Espero ter ajudado.

Beijinho

Submetido por martita em Sex, 04/09/2009 - 22:10
Sobre martita

_________________________________________________________
www.martaebruno.blogspot.com
**** E o sonho realizou-se a Dez de 2010 ****
Espertalhão Madrinha do André da Martassm Espertalhão
Sorriso Madrinha e Afilhada de treinos da OlgaMourato Sorriso

Allegro Nuptiae -
Offline
Desde 23 Abr 2007

Obrigada pela ajuda.

Beijos

Sarita

Submetido por Allegro Nuptiae em Qui, 10/09/2009 - 12:43
Desde 23 Set 2009

ola a todas!
e a primeira vez q vos escrevo e em primeiro lugar queria agradecer a ajuda que me tem dado...
sou mae da mnh pipokinha linda, o amor da mnh vida, à 10 meses... e e tao bom!!!
de qlq forma e a semelhança de alg d vos tnh um desejo grande de adoptar, internacionalmente.
mas tnh alg receio... fundamentalmente tnh medo d q o meu futuro filho n s sinta cm tal, n s sinta tao amado... q tnh ciume da irma...
ha alg q tnh adoptado e q possa partilhar a experiencia?!
obrigado Beijinho

ritinha e pipokinha

Submetido por Ritinha e Pipokinha em Qua, 23/09/2009 - 15:32
catycat -
Offline
Desde 11 Ago 2008

O ex-chefe do meu marido e a esposa fizeram este ano 1 adopção internacional. Ele é portugues e ela é brasileira, como meteram os papeis em Portugal e ia demorar cerca de 4 anos de espera, decidiram ir adoptar ao Brasil e conseguiram realizar todo o processo em apenas 4 meses sendo k a bebé ficou com a familia dela desde o 2º dia de vida. Estão felicissimos e são uns pais super babados.
Ao conversarmos com eles dissemos-lhes: "Essa menina tem mt sorte em ter vcs como papás" (no sentido de não ter de ficar abandonada num orfanato) a resposta pronta dos papás foi: "não, nós é k temos de agradecer a nossa filha por podermos ser pais dela", juro k fiquei emocionada com a resposta, só me faltou desatar a chorar na frente deles.
Não sei se ambos os pais fossem portugueses ou se fosse o pai o brasileiro, se a adopção seria assim tão fácil. Mas caso mais algum casal seja brasileiro/portugues esta poderia ser 1 opção bem mais rápida

Submetido por catycat em Dom, 27/12/2009 - 06:45
Sobre catycat

10/10/2009 nasceu a minha Princesa Sorriso
02/08/2012 nasceu o meu Principe Sorriso
07/04/2016 nasceu o meu Principe Sorriso

Ana Rita Narciso -
Offline
Desde 15 Jan 2010

Sou nova no fórum.
Tenho 25 anos e desde que me lembro de "ser gente" sempre disse que não queria ter filhos biológicos, sempre disse que queria adoptar. Para mim também sempre foi natural encarar a adopção mesmo que pudesse ter filhos biológicos.
Há algum tempo o meu pensamento mudou um pouco...o meu marido também que adoptar mas quer também ter um filho biológico. Além disso sou educadora social num centro de acolhimento para crianças em risco e parece que isso "despertou" em mim o meu instinto maternal e começei a pensar no tempo de espera para concretizar uma adopção.
Por isso, neste momento estou a tentar engravidar (já há alguns meses mas sem sucesso).
No entanto , sei que consiga ou não engravidar, a adopção faz parte dos meus planos futuros de vida!Só assim me irei sentir realizada!
Ainda não me informei muito sobre a adopção/adopção internacional (principalmente sobre a internacional), mas acho que está na hora de começar a pesquisar!
Agradeço toda a ajuda!
Apoio a vossa decisão a 100%!

Submetido por Ana Rita Narciso em Sáb, 16/01/2010 - 01:07
mmnsjr -
Offline
Desde 23 Mar 2009

**

Submetido por mmnsjr em Qua, 09/02/2011 - 11:32
SARIITA -
Offline
Desde 13 Mar 2010

Vou ver então!
Obrigada.

Sarita (Allegro Nuptiae)

Submetido por SARIITA em Qui, 18/03/2010 - 23:03
martita -
Offline
Desde 22 Fev 2007

Boas tarde a todos.
Ando meia desaparecida, mas aqui fica um site q ajuda quem está neste processo:

http://bemmequeres.org/

PS - Hojhe tive a minha primeira entrevista para adopção! Espertalhão Espertalhão

Submetido por martita em Sex, 19/03/2010 - 14:32
Sobre martita

_________________________________________________________
www.martaebruno.blogspot.com
**** E o sonho realizou-se a Dez de 2010 ****
Espertalhão Madrinha do André da Martassm Espertalhão
Sorriso Madrinha e Afilhada de treinos da OlgaMourato Sorriso

emiliana -
Offline
Desde 11 Nov 2009

Ola:)
Eu tambem desejo muito adoptar, mas é muito triste porque é um processo muito demorado. Mas como diz o meu futuro marido:)Com fé e esperança tudo se consegue.
Beijinhos e boa sorte

Submetido por emiliana em Sex, 21/05/2010 - 13:49
Sobre emiliana

emiliana ferreira

AlineMorais -
Offline
Desde 26 Jun 2012

Oi Adriana!
Eu também pretendo adoptar! E também engravidar!
Pretendo a adopção internacional e irei muito em breve a uma primeira reunião.
Já vou preparada, porque sei bem que os processos são muito demorados e burocráticos, o que considero uma injustiça, com tanta criança com necessidades neste mundo! Conheces alguém que adoptou internacionalmente? Tudo depende da Convenção Haia e com que países o país do adoptante tem protocolos.
Penso que não existem muitas pessoas por aqui interessadas neste tema!

Submetido por AlineMorais em Ter, 26/06/2012 - 21:57
AlineMorais -
Offline
Desde 26 Jun 2012

Oi Martita!

E como correu?
Que questões te colocaram?
Eu muito em breve também terei essa 1ª reunião, mas o que considero estranho é a ausência de preenchimento de documentos e entrega de toda a papelada (registo criminal, comprovativos de mil e uma coisas etc). Levas te esses documentos nesta primeira reunião?
Eu pretendo adoptar internacionalmente.

Submetido por AlineMorais em Ter, 26/06/2012 - 22:00
AlineMorais -
Offline
Desde 26 Jun 2012

Bom dia Adriana

Concordo em pleno com tudo o que escreveu.
Também sempre quis adoptar independentemente de poder ter ou não filhos biológicos. Os meus pais dão a maior força e apoio, mas penso que no restante da família não será bem assim!
Entreguei recentemente os papeis para a adopção internacional, mas é tudo uma aventura porque nós próprios é que temos de descobrir o que é realmente necessário ou não. Candidatei-me a 4 países todos eles pertencentes à Convenção de Haia. Não domino o tema mas só persistente e faço imensas pesquisas. No que poder ajudar estarei aqui ou até mesmo no meu email. E a Ariana pretende candidatar-se a que países?

Submetido por AlineMorais em Sex, 13/07/2012 - 07:37
Teresa Gordo -
Offline
Desde 10 Jun 2010

Estou muito contente por encontrar finalmente outras mulheres que querem adoptar independentemente de serem mãe biológicas. Sempre me senti uma mulher "anormal" por esse ser o meu desejo.
Como muitas de vós aqui também sempre sonhei em adoptar. O ser mãe biológica nunca me foi importante. Quando casei acordei com o maridão que teriamos um filho biológico e pelo emnos um adoptado.
Neste moemnto estou mesmo no final da gravidez e já comecei os contactos com a segurança social para começar o processo de adopção. Não me escandalizou nada a assitente social me pedir para aguardar o nasciemnto do meu filhote e começar o processo depois de 2 meses do nascimento, deixar acalmar um bocadinho os animos. Até achei que fazia sentido. Assim só em Novembro irei á sessão de informação.
Apenas 1% dos casais que podem ter filhos biolégicos optam também por adoptar.
Vamos avançar com um processo de adopção nacional e internacional. A criança que vier primeiro - é bem vinda.
A convenção de Haia vem dizer que os pais têm de cumprir os requisitos da lei em ambos os países.
Boa sorte a todos/as que estão no processo de adopção.
Estou muito contente por poder trocar opiniões convosco.

Submetido por Teresa Gordo em Sex, 13/07/2012 - 16:38

Teresa

Bela77 -
Offline
Desde 13 Set 2010

Olá meninas
Desculpem a intromissão... não venho mt ao forum da adoção, mas dou uma vista de olhos de vez em quando Sorriso
Admiro muito a vossa luta e acho lindo adotar uma criança, apesar de o querer tb fazer, deixei de lado essa hipotese, pq o maridão admite ter receio de diferenciar um filho adotado do biologico... o combinado seria + 1 Fiv e + 1 ICSI, se não desse, partiamos para a adoção!!
No entanto, o meu irmão tem um filho adotivo, ele e a minha cunhada lutaram 3 anos para terem este filho... ele tinha na altura 8 aninhos e meninas, é um doce!!
Como todas as crianças é malandreco, aprendeu mt na instituição, claro!! Mas não deixa de ser super responsavel Sorriso é a unica criança com quem deixaria o meu futuro filho!!
Ele tem agora 12 aninhos, está mt diferente a nivel fisico e, especialmente a nivel psicologico... o meu irmão e cunhada sofreram um bocado devido aos traumas que ele trazia, mas nada comparado com aquilo que o pimpolho sofreu!!
Vale muito a pena adotar uma criança e eu amo aquele sobrinho como o outro sobrinho biologico (da irmã do meu marido)... e por mais caricato que pareça, tenho mais afinidade com o adotado do que com o biologico!!
Ainda não perdi a esperança de "tirar os macacos do sotão do meu marido", mas por agora não vou insistir!
Meninas que pretendem adotar, não esqueçam os mais velhinhos!! Este meu sobrinho sabe que foi adotado, tem contacto com duas irmãs de sangue, mas a partir do dia 1 que ele diz:
"O meu pai é o XXXX e a mãe é a XXXX!!!" ele não mistura e a familia dele é aquela que o ama, não aquela que o pôs no mundo!! Esta criança tem simplesmente uma adoração pelos pais!!
Não descartem adotar crianças mais velhas!!
Um beijinho, desculpem o testamento e boa sorte a todas!!

Submetido por Bela77 em Seg, 06/08/2012 - 17:34
Sobre Bela77

Bela

1ª IIU 23/11/2011 Triste
2ª IIU 18/01/2012 Triste
FIV + Transferência (1 ovinho!!) dia 4/06/2012 - POSITIVO Sorriso

martita -
Offline
Desde 22 Fev 2007

Oláaaa!
Desculpem o tempo de ausência mas a minha vida levou uma volta e precisei deste afastamento!

SOU MÃE!!!!! De uma princesa linda q hoje já tem 6 anos.
Foi pela adoção internacional, em dezembro de 2010... levou (desde a entrega dos papeis até à chegada a São tomé) 9 meses menos dois dias. Digam lá se não estive de esperanças 9 meses? lol

A minha pricesa tinha 4 anos e 7 meses na altura e não fomos nós q a adotámos foi ela que nos adotou!!!

São Tomé não tem ainda assinada a convenção de Haia.

Não desistam do vosso sonho para q possa virar realidade.

Tive muita ajuda da Associação Meninos do Mundo para perceber melhor os tramites legais.

Aconselho a quem já está neste caminho a fazer o mesmo porque se esperarmos pela SS nunca mais avança nada. Temos de fazer com que as coisas andem.

Ainda estou à espera da lista nacional (já lá vão dois anos). Talvez demore mais 3 anos...

beijinhos a todos e força até ao fim!

Martita

Submetido por martita em Sex, 10/08/2012 - 13:25
Sobre martita

_________________________________________________________
www.martaebruno.blogspot.com
**** E o sonho realizou-se a Dez de 2010 ****
Espertalhão Madrinha do André da Martassm Espertalhão
Sorriso Madrinha e Afilhada de treinos da OlgaMourato Sorriso

smallgirl -
Offline
Desde 06 Maio 2010

martira podes falar um pouco d tua historia e dos tramites que tiveste q tratar para adopçao internacional. Em quanto tempo tivest a tua menina? tem de se estar casada a 4 anos?

Submetido por smallgirl em Ter, 14/08/2012 - 11:10
leonorbrmae -
Offline
Desde 23 Ago 2012

Porquê uma adoção internacional?
Como alguém disse esta adoção deve sair bem cara!!

Submetido por leonorbrmae em Qui, 23/08/2012 - 15:00
leonorbrmae -
Offline
Desde 23 Ago 2012

Como está o seu processo?
O meu marido e eu estamos a ponderar começar com um processo de adoção.
Já temos 2 rapazes (biológicos) que estão ansiosos por ter mais um mano...
Vamos ver como corre tudo...

Submetido por leonorbrmae em Qui, 23/08/2012 - 16:31
leonorbrmae -
Offline
Desde 23 Ago 2012

Não percebi bem como foi o seu processo de adoção.
Uma adoção em portugal não tem sempre que passar pela segurança social?
Quantos vezes foi a São Tomé?
Obrigada pelo seu testemunho
Leonor

Submetido por leonorbrmae em Qui, 23/08/2012 - 16:33
svanilla -
Offline
Desde 06 Abr 2008

Este fim de semana vi uma reportagem que me deixou de lágrimas nos olhos... Existem ser humanos muito maldosos e outros com tanto amor para dar...

http://www.m6replay.fr/#/emissions/c-est-ma-vie/55536

Um dia gostaria de poder fazer o mesmo... Só me falta enfiar isso na cabeça do marido...

Quem empreende esta "viagem" merece o respeito de todos!

PS: eu sei que está em Francês mas para quem não compreende as imagens falam por si Sorriso

Submetido por svanilla em Seg, 27/08/2012 - 15:44
smallgirl -
Offline
Desde 06 Maio 2010

E em Sao Tomé? Ouvi dizer que é mais rapido.

Submetido por smallgirl em Qua, 05/09/2012 - 09:43
Celeste 9 -
Offline
Desde 17 Jul 2012

Mamã, acho fixe a idéia de adotar uma criança negra, eu penso também dessa forma, só não acho que uma criança de cor negra possa ser mais aceito só por estar num lar de pessoas brancas, só se for aqui em Portugal, tenho amigos, uma em especial muito querida, e nunca sofreram preconceitos, são de lares de negros e se aceitam muito bem, acho que o ponto de partida é esse se aceitar, se reconhecer que é negro e gostar, nem toda gente sofre problemas de aceitação, não é a cor de quem os vai adotar que vai fazer diferença... Essa é a minha opinião.

Submetido por Celeste 9 em Sáb, 15/09/2012 - 10:05
Sobre Celeste 9

02/01/2013. Feliz, minha bebe faz 1 aninho, parabéns filha, és a minha vida! Sorriso

Afilhada e Madrinha da mamã Jacqueline Muller Sorriso
Madrinha da mamã LuciaLima Piscar o olho
Madrinha da mamã Pamela Dias Piscar o olho

DanielG -
Offline
Desde 17 Ago 2016

Olá Martita! Estou com a minha a iniciar o processo de adoção em São Tomé! Há possibilidade de contactarmos? Muito obrigado

Submetido por DanielG em Qua, 17/08/2016 - 12:14
S T -
Offline
Desde 25 Ago 2011

Boa tarde. Estou num processo de adoçao mas ainda nao decidi o limite de idade da criança, eu quero ate aos 10 anos mas o meu marido so ate aos 6 anos porque diz que mais velhas tem muitos problemas.

Submetido por S T em Qua, 14/09/2016 - 12:49
XanaGomes90 -
Offline
Desde 29 Set 2016

E se tiver problemas com 6?

O que importa é dar amor incondicionalmente... boa sorte.

Submetido por XanaGomes90 em Ter, 04/10/2016 - 10:05

We are all made of stars...

RPPSLPS -
Offline
Desde 05 Ago 2015

colada

Submetido por RPPSLPS em Qua, 12/10/2016 - 10:38
Dinamene Alves -
Offline
Desde 09 Nov 2016

Olá, só me juntei agora á conversa.
Tenho uma menina de 4 anos do meu anterior relacionamento e agora estou gravida de outra menina, sempre quis ter um rapaz e desde que estive a viver em angola penso e adotar. O meu marido apoia-me e partilha o mesmo desejo e apesar de estar gravida não desistimos da ideia. Chateia-me imenso que sempre que partilho esta ideia com alguém, dizem que sou louca e como posso ter filhos não faz sentido adotar.
Gostava que fosse diferente.

Submetido por Dinamene Alves em Qua, 09/11/2016 - 16:18

DinameneA

a maior stressada -
Offline
Desde 06 Out 2014

Coladissima

Submetido por a maior stressada em Sex, 11/11/2016 - 01:47

Stressada

trintona -
Offline
Desde 22 Jul 2012

Dinamene,
Ainda ontem estive numa formação com outros casais que estão em avaliação para adotar e dois dos casais já tinham filhos biológicos. Uma coisa não impede a outra. Se querem adotar, o facto de terem (e poderem ter mais) filhos biológicos não é problema nenhum! Força!

Eu,
http://acasados30.blogspot.pt/

Submetido por trintona em Sex, 11/11/2016 - 10:13
MarySampaio -
Offline
Desde 28 Jul 2011

Olá a todas,
Que bom saber que não estou sozinha Sorriso
Tenho dois filhos biológicos, mas independentemente disso sempre quis adoptar uma criança. Confesso que os tempos de espera em Portugal me deixam desesperada... Alguma de vocês me pode ajudar no que diz respeito à adopção internacional? Como funciona e qual o melhor caminho? Obrigada!

Submetido por MarySampaio em Sex, 13/01/2017 - 01:23

A minha estrelinha chegou a 16/3/2012 :x

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?