Cesariana e recuperação | De Mãe para Mãe

Está aqui

Cesariana e recuperação

Responda
20 mensagens
BunnyC -
Offline
Desde 20 Fev 2017

Olá meninas.
Tive um parto de cesariana na terça feira dia 3, devido a uma colestase gravídica.
Tenho tido nestes 3dias muitas dores e não consigo fazer nada de jeito sozinha: sair da cama, entrar na cama, ir ao wc, o simples andar é tão doloroso que só quero morrer. Nem sequer se chama andar, isto é meter os pés no chão, enrolar o meu corpo para a frente e andar como se tivesse 99anos.
As enfermeiras pressionam-me para ir andar mas eu não consigo dar mais do que 10 passos seguidos. Falam para mim como se fosse uma extraterrestre e como se estivesse a fazer fita. Amanhã tenho alta e não sei como vou conseguir chegar ao carro..
Preciso de alguma ajuda e que me digam por favor que isto é normal e que somos todas diferentes.
Estou cheia de medo de ir para casa amanhã e tenho dúvidas sobre o que realmente se faz depois da cesariana.. tenho mesmo de andar metros e metros como as enfermeiras me dizem?
Ou posso fazer um repouso quase absoluto e ir deixando o meu corpo sarar a seu tempo? A minha irmã já foi operada aos ovários e teve de ficar de repouso... porquê esta pressão para que me mexa se isto é tão doloroso?
Por favor preciso de palavras de apoio porque isto está-me a deixar muito em baixo. Passei de uma gravidez saudável com planos de um parto normal e natural para esta confusão que não consigo controlar.
Se não fosse pelo meu rebento, acho que estaria muito pior.

Cumprimentos

Sobre BunnyC

BunnyC

Marta A. -
Offline
Desde 21 Ago 2017

Olá BunnyC,

Verifica se as enfermeiras não estarão a confundir a tua situação com um parto normal. Isto aconteceu com uma das minhas melhores amigas. As enfermeiras estavam sempre a pressioná-la para andar e andar, e que ela estava a ser piegas e queixinhas. Isto porque estavam a pensar que ela tinha tido parto normal. Quando finalmente viram que não o comportamento delas mudou.

Afinal uma cesariana não deixa de ser uma operação, e como em qualquer operação cada pessoa é uma pessoa e cada um de nós leva o seu tempo a recuperar. Por isso não te sintas mal nem que estás a ser dramática: só tu sabes o quanto te dói e o que consegues ou não suportar. Cada pessoa tem o seu limiar da dor.

Mas se as enfermeiras também não estão a ser o mais simpáticas e se tiveres apoio em casa (marido, mãe, sogra, irmã, irmão, cunhada...) o melhor é recuperares no sossego do teu lar.

As melhoras e muita força!
Beijinhos.

Submetido por Marta A. em Sex, 06/10/2017 - 20:46
massy -
Offline
Desde 16 Jan 2014

Está a usar cinta? Eu fiz uma cesariana e so conseguia andar com a cinta (comprei na pre Natal) não desespere acredite que daqui a uns dias vai ficar bem melhor...

Submetido por massy em Sex, 06/10/2017 - 21:09
vanitih -
Offline
Desde 04 Mar 2015

Olá, eu também tive parto por cesariana e também me custava muito subir e descer da cama, até um simples vestir de cuecas me custava imenso.
Demorava imenso tempo a fazer as coisas e as enfermeiras ajudavam sempre no que fosse preciso e perguntavam sempre se tinha dores e se queria alguma coisa para as dores.
Gradualmente o corpo começou a sarar e posso dizer que só depois de 1 mês é que me comecei a sentir mais "normal" e "sem dores" (a dor de costas na zona da epidural volta e meia aparece).
As dores passam, o inchaço desaparece e quando deres por ela isso tudo fica esquecido e só pensas no teu bebé Sorriso

Tudo de bom!

Submetido por vanitih em Sex, 06/10/2017 - 21:13
claudiarl -
Offline
Desde 21 Set 2017

Também tive parto por cesariana. Nos dois primeiros dias estava impecável, recebia morfina de 12/12 h pelo cateter da epidural mas quando acabou... Pensei que morria! E no terceiro dia, a par com as dores, as minhas pernas incharam de uma maneira. Pensei mesmo que a minha vida tinha acabado.
As enfermeiras insistem para andar para as pernas e pés não incharem mas com as dores... Uma faixa/ cinta ajuda muito. Eu só conseguia dormir completamente enfaixada ou não aguentava de dores. A barriga pendia e puxava com ela os agrafos da costura. Nem quero lembrar. Mas claro que passou. Umas semanitas e fiquei bem. Quando fui tirar os ageafos foi um alívio e umas semanas depois já não me doía tanto por dentro. Aproveite toda a ajuda que tiver porque cuidar de um recém nascido não é fácil com as dores. Mas tudo passa e não tarda vai sentir-se melhor. ?

Submetido por claudiarl em Sex, 06/10/2017 - 21:57
LSL -
Offline
Desde 28 Out 2010

Tem cinta? Eu sem conta nem me mexia. Também tive muitas dificuldades em lidar com a cesariana. Tudo me custava. Até a tomar banho me sentia mal. Mas sim, tem de andar um pouco. Não se pode esquecer que uma cesariana é sempre uma cirurgia e andar evita uma série de problemas. Ande aos pouquinhos mas ande.

E pense positivo. Isto é só uma fase e acaba por passar.

Submetido por LSL em Sex, 06/10/2017 - 22:02
Gigi_porto -
Offline
Desde 21 Fev 2017

Revi-me totalmente nas suas palavras. Fiz uma cesariana há um mês e meio e o meu estado de espírito era exactamente igual ao seu, fiquei para morrer de tantas dores que tinha. Ainda hoje me arrepio só de pensar. Também eu me senti um E.T. porque chegaram-me a dizer que a pessoa do quarto ao lado já se sentava à chinês quando eu mal me conseguia mexer. Chegava ao ponto de evitar beber água para não ter que ir à casa de banho. Nem me levantava para lavar a cara ou os dentes. Horrível, mesmo.
Também me questionava como é que ia entrar no carro para vir embora e como é que iria conseguir tomar conta do meu bebé. Ainda por cima no terceiro dia fiquei com as mamas em pedra e desenvolvi uma mastite.
Mas sabe que mais? Tudo passa, embora nesta altura lhe pareça que não. Entrei no carro, vim embora. Cheguei a casa, tomei um bom banho com muito custo, tomei um comprimido que me deram na alta e dormi 12 horas (não conseguia dormir há 4 noites).
Uma semana depois comecei a sentir-me ligeiramente melhor. Mas foi apenas ao fim de 15 dias que notei melhorias a sério. Um mês e meio depois, entrei para o ginásio e faço tudo como se nada fosse.
Por isso, dói, dói muito, mas passa. Peça tudo o que houver para as dores.
Eu li muitos testemunhos de cesarianas (a minha foi programada) e quase todos eram muito encorajadores. Que as dores se aguentavam, que no dia seguinte já faziam maratonas, etc. Comigo não foi assim. Foram dias que pareceram anos, infernais. Mas passou! Por isso muita força!
Beijinho e dê notícias.

Submetido por Gigi_porto em Sex, 06/10/2017 - 22:24
Danb -
Offline
Desde 11 Nov 2015

é normalíssimo!
no seu caso pedia para falar com um médico e pergunte para avaliar a cicatriz e pegue nessa informação e dê as enfermeiras!!
a mim sempre me disseram para fazer o que eu conseguia!! até para os banhos houve enfermeiras que disseram que se eu precisasse de ajuda quer fosse a lavar me ou a vestir me para chamarem que ajudavam.. nunca pedi pq não me sentia à vontade com isso.. demorava imenso tempo a tomar banho mas conseguia sozinha.. andar?? eu parecia uma atrasada a andar.. toda curvada para a frente e sempre agarrada à barriga.. levantar me e deitar me era muito difícil..
e sempre me disseram para fazer apenas aquilo que me sentisse bem em fazer, para não esforçar demasiado.. aliás (e apesar de não ser um esforço muito grande) eu não dei os primeiros banhos ao meu filho... foi o papá e com a aprovação das enfermeiras.. se eu não me sentia bem estar em pé muito tempo pq é que eu, que tinha o papá lá, tinha de dar o banho??

mas vai ver que cada dia que passa isso melhora.. passinhos de bebé Sorriso

Submetido por Danb em Sex, 06/10/2017 - 23:17
Cris3010 -
Online
Desde 28 Ago 2015

Mamã, é normal sentir-se assim! Como já foi dito, acabou de fazer uma cirurgia com a "agravante" que tem um bebé para cuidar e quer estar à sua altura! Não pode haver comparações entre pessoas. Além da sensibilidade à dor, há diferentes costuras. A mim o medico fez-me uma intradermica e as enfermeiras quando viram disseram que tive muita sorte. Deve ser bem mais fácil do que os agrafos. Para além disso, tive a sorte do meu útero estar a ir rápido ao lugar, o que ajudava a que não repuxasse muito a costura. As primeiras 48h foram muito dolorosas mas depois, ainda que com dificuldade, lá fui caminhando devagar, o mais difícil era levantar e deitar. Nunca evitei os comprimidos para as dores, nolotil intercalado com paracetamol, só pensava que tinha que estar bem para cuidar do meu bebé. Vai correr tudo bem, com o tempo as dores vão passando. Com calma, um dia de cada vez!

Submetido por Cris3010 em Sex, 06/10/2017 - 23:51
Sobre Cris3010

Último AC - outubro 2011; Encam. para cons. infertilidade - março 2013; 1.ª cons. - julho 2013; 1.ª FIV - setembro 2014 (-); 1.ª TEC - dezembro 2014 (+) Gravidez não evolutiva - AE janeiro 2015; 2.ª TEC - abril 2015 (+) Acreditar é o primeiro passo!

SandraCarol -
Offline
Desde 21 Set 2017

Eu tive uma cesariana há quase 3 meses e a recuperação foi muito boa. Sentia obviamente algumas dores em alguns movimentos mas tudo muito suportável. No dia a seguir já eu andava de um lado para o outro (devagar claro ...)Confirma com as enfermeiras se te estão a dar medicação suficiente, pois no meu caso elas passavam várias vezes ao dia para dar o paracetamol ou o nolotil.

Submetido por SandraCarol em Sex, 06/10/2017 - 23:54
carlabrito -
Offline
Desde 30 Maio 2017

Se as enfermeiras me fizessem isso tinhamos o caldo entornado.
Reclame e espero que tenha ajuda em casa à sua espera!
Força!

Submetido por carlabrito em Sáb, 07/10/2017 - 16:25
BunnyC -
Offline
Desde 20 Fev 2017

Bom dia,
Obrigada pelas palavras de apoio..o meu tempo no hospital foi muito duro, o que me levou várias vezes ao desespero. Só queria morrer.
No dia da alta tive de sair de cadeira de rodas, pois o meu quarto era dos últimos e era impossível eu andar tanto até ao elevador e depois descer para o carro... Mas foi preciso pedir! Ninguém ofereceu /deu a ideia... Na na.. "você tem é de andar, fazer piscinas..."..
Espero que este tópico ajude mais mães, pois o pior aqui é sentirmo-nos sózinhas e incompreendidas. A frustração foi imensa e quer eu queira quer não, isto atrasou-me a recuperação.. Ainda para mais nesta altura em que quero estar fresca e forte para o meu filho e o meu corpo não me deixa.

Estou apenas a tomar ibuprofeno 400 e paracetamol 1000.. acho que é pouco dado o que sofri, mas pronto..

Em relação à reclamação, vou juntar mais informação e tratar disso quando me sentir mais restabelecida.

Submetido por BunnyC em Seg, 09/10/2017 - 08:52
Sobre BunnyC

BunnyC

BunnyC -
Offline
Desde 20 Fev 2017

Mais uma coisa...
Estou a pensar em comprar uma cinta/faixa pós parto para me poder mexer melhor e deixar esta posição curvada enquanto ando...
Alguém me recomenda alguma?
Estou a entrar em desespero. Hoje disseram-me que "ao fim de 6 dias já não devia estar assim..."..

Submetido por BunnyC em Seg, 09/10/2017 - 14:38
Sobre BunnyC

BunnyC

LSL -
Offline
Desde 28 Out 2010

Eu usei a faixa pós-parto da chicco. E sinceramente, já a devia ter começado a usar no primeiro dia. Não lhe terem falado disso é que foi mau.
E sim, tente aos pouquinhos ir andando. Sem se esforçar muito claro mas ir movendo os membros. Assim evita os inchaços que prejudicam muito.

As melhoras.

Submetido por LSL em Seg, 09/10/2017 - 16:59
Sarita A -
Offline
Desde 09 Out 2017

Olá mamã
Eu passei por 2 cesarianas, e os primeiros dias são tal e qual a tua descrição. Andar custava horrores, e só se conseguia fazer com um mínimo de conforto usando a faixa, mas as coisas vão melhorar, é só ter um pouquinho de paciência, e tomar os analgésicos.
A insistência das enfermeiras para andares faz sentido, apesar de nos revoltar um pouco, mas é para evitar a formação de coágulos, e o risco de trombose, que esta muito aumentado pela cesariana, portanto, e mesmo sabendo que custa, tenta levantar-te e andar...
A cinta ajuda muito. A minha era uma de faixa, muito larga, que apertava com velcro, da chicco.
Apesar de ajudar, tenta usar apenas para andar ou quando fazes algo mais pesado, pois não tem só benefícios, e por esse motivo também deixaram de ser recomendadas nas maternidades.
No entanto, se piorares, ou ganhares febre, regressa à maternidade para seres observada.
Não sei se repisares toda essa situação é o melhor para ti, com todo o stress que está associado à situação, talvez seja melhor ignorares a situação (sem estar a branquear o que se passou), pelo menos para já, e focares-te nessa tua nova vida, os primeiros dias e semanas passam a voar, há que aproveitar..
Eu das 2 vezes também só vim com paracetamol 1000 e brufen 400, não querem dar nada mais forte por causa da amamentação
Espero que melhores depressa.
Felicidades

Submetido por Sarita A em Seg, 09/10/2017 - 19:38
Sarita A -
Offline
Desde 09 Out 2017

Mais uma coisa,
Apesar de deveres andar, não te esqueças que também deves repousar, não levantes pesos (só o bebé), não faças esforços, descansa quando o bebé descansar, não te preocupes se a casa não está como queres, se é preciso estender roupa (norueguês no cesto da roupa se for muito pesado). Isto é válido por 6 meses....
Felicidades

Submetido por Sarita A em Seg, 09/10/2017 - 20:38
claudiarl -
Offline
Desde 21 Set 2017

Eu comprei a faixa/cinta nal saí da maternidade. Foi na primeira farmácia que vi. Sem ela teria morrido!! Só conseguia dormir completamente enfaixada. Mas depois passou. E sim, nada de grandes esforços. Uma cesariana ewuma cirurgia abdominal grande, não é brincadeira.
Ainda me lembro de ir ao norteshopping a arrastar-me com tantas dores para tentar ir comprar "cuecas de velha". Todas as que tinha ficavam com a beira mesmo em cima da costura e dos agrafos. Horrível. Andei os primeiros dias de cueca-fralda de tal maneira estava! Agora dá vontade de rir mas na altura sentia-me uma miserável.

Submetido por claudiarl em Seg, 09/10/2017 - 21:13
Gigi_porto -
Offline
Desde 21 Fev 2017

Eu usei cinta e não faixa, porque as faixas tendem a bater na cicatriz. Comprei uma da marca Anita e usei nas primeiras duas semanas. A cinta/faixa não deve ser usada todo o dia ou pelo menos durante a noite, nem durante muito tempo.
Como disse, também tive dores de morrer mas ao fim de duas, três semanas sentia-me muito melhor. Agora faço tudo sem restrições e nem 2 meses passaram. Mas nem gosto de me lembrar dos primeiros dias...

Submetido por Gigi_porto em Ter, 10/10/2017 - 12:28
guialmi -
Offline
Desde 13 Jul 2013

Os meus primeiros 5dias na maternidade também foram um horror de dores. Para piorar fiquei com tosse e parecia um faca a atravessar de lado a lado. As pernas e pés estavam gigantescos. Mas quando fui para casa tinha ajuda e foi uma diferença enorme em poucos dias. Bastou me descansar em condições para melhorar. Eu tentei usar faixa mas enrolava se e magoava me. As normais não conseguia vestir. Depois encontrei uma cinta ajustável da chicco e foi uma maravilha, abria toda para vestir e depois ajusta se com velcros. Fui ver ao site e ainda existe uma parecida, aconselho vivamente.

Submetido por guialmi em Ter, 10/10/2017 - 12:39
Rfc -
Offline
Desde 10 Out 2017

Ola. Eu também fiz cesariana ha 3 anos. A minha recuperaçao até foi boa,mas claro que sentia dores e fiquei muito inchada. Ajudou me muito a faixa da chicco eu ate dormia com ela. Na cesariana o musculo também é cortado e por isso convem usar cinta para nao mexer muito enquanto te movimentas. É super normal sofrer com dores dessa maneira até porque é uma operação de barriga aberta e deves sim com toda a certeza fazer repouso. Aos poucos e poucos vais te sentir melhor e vais conseguir fazer tudo com menos dificuldade. Felicidades e boa recuperaçao.

Submetido por Rfc em Ter, 10/10/2017 - 15:48

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?