Respostas às principais dúvidas do início da gravidez

grávida com ecografia

Se esta é a sua primeira gravidez, então pode ser que as respostas às seguintes questões a deixem mais esclarecida.

Estou grávida e já sofri um aborto, por isso tenho medo de ter relações sexuais, será que posso fazer mal ao meu bebé?

Idealmente deve evitar as relações sexuais durante cerca das primeiras 12 semanas, pois esta é a altura mais propícia para surgir um aborto espontâneo, especialmente se já sofreu um aborto no primeiro trimestre.

Com que tipo de dores me devo preocupar no início da gravidez? Como saber se não é algo mais grave?

A preocupação com qualquer dor que surja no início da gravidez é comum. Contudo, a verdadeira preocupação deve ser considerada caso a dor não desapareça ou caso seja muito aguda e acompanhada de perdas sanguíneas, pois pode ser sinal de uma gravidez ectópica; uma dor constante - semelhante à dor que usualmente surge com a menstruação - pode ser sinal de aborto, por isso deve consultar de imediato o seu médico caso alguma destas situações surja.

Sangrar durante o início da gravidez significa um aborto?

Não. Mais de 20% das gravidezes bem-sucedidas sofrem algum tipo de perda sanguínea no início da gravidez.

O que posso fazer para evitar um aborto no início da gravidez?

Deve evitar fumar, álcool e stress. Evite saunas, jacuzzis e exercício mais violento. Ingira refeições saudáveis e de fácil digestão e não se esqueça de beber muitos líquidos.

Os meus sintomas de gravidez parecem ter desaparecido, significa que posso ter tido um aborto?

Os sintomas de gravidez variam muito de mulher para mulher, algumas mulheres sentem tensão mamária, cansaço, náuseas, podendo mesmo sentir-se verdadeiramente afectadas por estes sintomas. No entanto, se está preocupada, deve falar com o seu médico assistente, ele far-lhe-á exames para detectar se realmente existe motivo de preocupação ou não.

Tenho tendência a desenvolver estrias, como posso evitá-las?

Infelizmente não existe solução para eliminar as estrias, no entanto pode sempre manter a sua pele hidratada com óleos e cremes naturais que sejam seguros para a gravidez.

0
Média: 4.3 (55 votos)