Quando devo comprar roupas de grávida?

Grávida com saco de compras

Para uma mulher que está grávida de poucas semanas é comum colocar-se esta questão: “Quando devo começar a usar roupas de grávida?”. Logo de seguida começa a pensar: “Em que ocasião devo comprar roupas de grávida?”.

A verdade é que no primeiro trimestre este assunto não é muito crítico, dado que pode continuar a usar a sua roupa usual sem grande problema. Se esta não for a sua primeira gravidez, talvez tenha de começar a pensar um pouco antes de terminar o seu primeiro trimestre.
Uma boa dica para verificar se necessita ou não de comprar roupas de grávida é quando se sentar e as calças começarem a apertar na cintura, tendo por vezes de desapertar o primeiro botão. Esta é uma boa altura de pensar em fazer umas compritas. Poderá começar por comprar um novo par de calças e mal a barriguita começar a espreitar por debaixo da camisola, talvez esteja na altura de comprar uma camisola mais comprida.

Se está grávida não necessita de comprar especificamente roupa de grávida. Os vestidos com corte império, as camisolas mais compridas, as roupas de lycra, podem perfeitamente substituir roupa específica de grávida. Em termos de calças ou jeans deverá comprar pelo menos um ou dois pares, pois a cintura das calças terá de ser adequada a uma grávida.

Como se deve vestir uma grávida

As roupas tipo saco já eram; a necessidade de esconder a gravidez felizmente já lá vai. Hoje em dia uma grávida já pode ser sexy e sinónimo de uma mulher com orgulho nas suas belas curvas. Ser confiante da sua gravidez também depende da sua confiança no seu look, seja uma grávida orgulhosa de si e do seu corpo e não se esqueça de ser sexy....

Peça emprestado antes de comprar

As roupas de grávida podem ser bastante dispendiosas, e apenas são úteis durante poucos meses. Se tiver familiares ou amigas que possam emprestar algumas roupas aproveite, pois será só por um curto período de tempo.
Se comprar roupa de maternidade pode sempre tentar vendê-la em segunda mão mais tarde, podendo deduzir nos custos.

Pesquise o seu roupeiro

Pesquise o seu armário. Verifique se tem tops largos, calças com cintura mais elástica, ou saias mais largas; procure aquelas roupas mais confortáveis e mais larguinhas. As silhuetas aconselhadas a uma mulher grávida são os vestidos e tops em linha A e os vestidos império. Roupas de licra, ou com elastano, são ideais pois vão esticando à medida que a barriga cresce. Opte por usar roupas mais Justas na zona do peito, e com decote em V para atrair a atenção para o mesmo. Se tem um parceiro, aproveite algumas das roupas dele, pesquise também o armário dele. Camisas, ou t-shirts com elastano que ele use mais justas podem ser as ideais para si.

Opte por peças de transição

Por vezes comprar roupa de grávida sem estar adequada a si, pode acabar por comprar uma roupa muito larga no início e que no final da gravidez irá ficar demasiado justa. Pensar que pode ir às compras sem remorsos é sempre bom, dado que ser mãe implica um novo roupeiro… Mas antes de decidir comprar roupa de grávida o ideal é ir com calma e comprar algumas peças básicas que se ajustarão ao momento. Pode optar por algumas peças básicas de grávida e algumas peças compradas numa loja de tamanhos grandes. A roupa de grávida tende a ser bastante dispendiosa, ainda que algumas cadeias de roupas como a Zara ou a H&M já disponham de uma selecção de roupa para grávidas a um preço bastante razoável.

Use cores básicas e complemente-as

O segredo está em saber que cores usar, o preto pode parecer uma solução óbvia mas não vai querer parecer que está sempre pronta para um funeral. As cores sólidas são sempre boas opções como o bege, o preto, o cinza. Estas cores são básicas e deve sempre construir um roupeiro com base nelas. Use um vestido cinza e complemente-o com um casaco de malha rosa. Use e abuse das cores e tenha sempre em conta quais as cores que se adequam melhor ao seu tom de pele.

Seja sexy

Usar roupas um pouco mais reveladoras já não é nenhum tabu. Usar uma camisola de lycra onde a sua barriga é bem evidenciada não é motivo de nenhum embaraço nos dias de hoje; é sim um motivo de orgulho e de se sentir sexy. Os peitos maiores também são motivo de orgulho: exiba-os com um belo decote em V e use colares e acessórios para dar vida e cor à toda a sua indumentária. A roupa deve ser lisonjeadora da mulher; a roupa de grávida não deve ser demasiado larga, pois senão a mulher dá a sensação de estar demasiado larga também. Mostre alguma pele, se tem uns braços bem delineados não os esconda, use tops sem mangas; use vestidos cai-cai, não tem de estar coberta só porque está grávida. Opte por roupas mais justas que demonstrem a sua nova silhueta e deslumbre.

Use uma só cor

Se estiver vestida de uma só cor dos pés à cabeça, dá uma sensação de alguém mais alto e esguio. Pode optar por acrescentar uns apontamentos de interesse como uns brincos compridos, um colar interessante ou uma écharpe para complementar o visual - super chique!

Faça camadas

Se optar por peças sobrepostas, pode sempre sentir-se mais confortável por poder remover uma delas sempre que se sentir menos confortável. Usar um cachecoeur por cima de uma camisa proporciona duas vantagens: o cachecoeur cobre e delineia a silhueta e serve para remover se sentir vontade de o fazer. Também não exagere, coloque no máximo duas peças sobrepostas, pois mais que isso dará uma sensação de volume indesejado. Pode usar um vestido de Lycra com um cardigan por cima, ou uma t-shirt mais comprida com uma mais curta por cima, isto criará ailusão de não saber bem onde começa e onde acaba o quê.

Escolha sapatos femininos

Os sapatos de salto muito alto são capazes de começar a ser um pouco desconfortáveis e até mesmo um suplício, dado que os seus pés com o decorrer da gravidez vão começar a inchar um pouco. Opte por sapatos rasos ou sapatos com saltos muitos baixos – que por vezes têm de ser um tamanho acima do seu normal – em vez daqueles saltos altos que preferia usar. Mas ao escolher sapatos rasos não escolha uns sem a menor graça, escolha sempre uns com motivos mais femininos, ou uns ténis mais modernos em vez dos normais de treino. Seja arrojada e mantenha uma gravidez com estilo. Da cabeça aos pés…

Use acessórios

Os acessórios são peças essenciais para dar aquele toque especial. Um vestido super simples de uma só cor pode ser um look muito mais interessante se for complementado com um belo colar comprido, ou mesmo com uma écharpe colorida à volta do pescoço. Usar brincos, colares, pulseiras, sacos, écharpes, é tudo uma questão de acrescentar mais interesse ao seu visual. Uma grávida pode ser uma mulher muito sexy e interessante dependendo sempre do que usa para complementar o seu look.

Use roupa interior adequada

O que quer que opte por usar, deve sempre ter conforto e silhueta. Não use nada demasiado justo e desconfortável, mas também não opte por roupas super largas que não se sabe onde começa a mãe e termina a roupa confortável. Faça sempre um equilíbrio destas duas variáveis.

Os seus peitos irão crescer durante a gravidez, podendo crescer até 3 tamanhos, opte sempre por sutiãs que tenham um regulador de tamanho nas alças e nas costas que permitam ajustar-se ao seu tamanho de acordo com o passar do tempo. Opte por sutiãs de alças largas e que tenham um bom suporte para que não se sinta desconfortável. Hoje em dia há tantas variedades de sutiãs que não necessita de sutiãs de grávida especiais. Compre sutiãs conforme for notando que os que já tem não servem. Compre sutiãs em locais onde existem pessoas com formação para a aconselhar qual o sutiã adequado para si, a copa do sutiã varia muito, bem como as costas. Um sutiã 36 significa a largura à volta das suas costas e copa B significa o tamanho da sua mama. Por isso pode ter um sutiã 32 com uma copa C. Tudo depende do seu tipo de corpo.

Para a roupa interior o ideal é usar algo confortável que não aperte muito. Pode optar por boxers, são sempre engraçados e não são demasiado justos. A ordem aqui é que a cintura deve estar sempre por debaixo da sua barriga, e nunca em cima dela.

0
Média: 4.5 (51 votos)