Quando e como se sabe o sexo do bebé?

Ecografia

Se gosta de surpresas, o melhor é não colocar esta questão, e esperar pela surpresa do parto. Todavia, se está entre os 80% das pessoas que querem saber o sexo do bebé antes do parto, continue a ler.

Determinar o sexo do bebé durante a gravidez, pode ser feito através de uma simples ecografia de rotina, de um exame de determinação do sexo fetal, de um teste à urina, ou através de exames genéticos invasivos.

Ecografia

A ecografia não é tão fiável como um teste genético de determinação do sexo do bebé em gestação. Contudo a ecografia é mais acessível financeiramente do que outro teste. Usualmente por volta das 20 semanas faz-se uma ecografia morfológica, altura em que os órgãos genitais do bebé estão formados, mas o bebé terá de estar numa posição favorável para sepoder deslindar o seu sexo.

Exame de determinação do sexo fetal

O exame de determinação do sexo fetal prevê o sexo do bebé a partir das 8 semanas de gestação com 99.1% de fiabilidade. O exame de determinação do sexo fetal é feito através de uma picada no dedo e através dessa colheita de sangue materno é possível analisar o ADN do feto e determinar o seu sexo. O resultado é conhecido ao final de cinco dias. Este teste identifica a presença do cromossoma Y no sangue: se estiver grávida de um menino surgirão indícios do cromossoma Y, e a ausência do cromossoma Y indica a gestação de uma menina. Este teste pode ser realizado em qualquer idade gestacional, a partir da oitava semana de gravidez.

Teste da urina

É um teste bastante prático e pode-se encomendar online. É usualmente conhecido pela marca IntelliGender . A eficácia deste teste ronda os 80%, e pode ser feito a partir das 10 semanas, demorando uns módicos 10 minutos a revelar se o bebé é menina ou menino. Funciona à semelhança dos testes de gravidez, com uma recolha da primeira urina matinal, e o resultado é verde para menino e laranja para menina. É recomendado que a mulher não tenha relações sexuais 48 horas antes do teste, e é fiável até à 34ª semana de gestação. Note que o resultado deste teste não é fidedigno se estiver a tomar hormonas como a progesterona.

Exames genéticos invasivos

Existem exames genéticos como a amniocentese, em que a certeza do resultado do sexo do bebé é de praticamente 100%, pois é analisado material genético do bebé. Estes testes genéticos são invasivos, e por isso são apenas recomendados quando existe suspeita de haver problemas com o bebé. Associado a estes testes, devido a serem invasivos, existe 1% de risco de aborto, por isso numa opção normal não são aconselhados para saber o sexo do bebé.

O impacto de saber o sexo do bebé ainda em gestação pode ser muito variável, desde a opção de comprar freneticamente roupinhas de acordo com o sexo do bebé, ou por vezes em situações extremas, provocar um desligar emocional da gravidez devido a não ser o bebé que idealmente seria desejado. Se decidir saber o sexo do bebé antes do parto, certifique-se que está preparada para a pequena percentagem de erro que a maioria dos testes ou exames preveem, e que um quarto rosa pode ter de acolher um bebé vestido de azul.

0
Média: 4.2 (22 votos)