Como lidar com as birras alimentares do seu filho? | De Mãe para Mãe

Goste de nós no Facebook

últimos tópicos no forum

Fórum Treinantes

Diabetes gestacional

Fórum Creches e jardins de infância

Creches nesta época em Costa da Caparica

Fórum Parto e Preparação

Diabetes gestacional

Fórum Grávidas

Diabetes gestacional

Fórum Creches e jardins de infância

Creches em Odivelas

Fórum Grávidas

Como se fazem os bebés?

Fórum Mães & Bebés

Como se fazem os bebés?

Fórum Mães & Bebés

Iogurtes

Fórum Treinantes

Período fértil

Fórum Grávidas

Eco 1 trimestre dimag

Fórum Geral & Apresentação

Colégio

Destaques nas lojas

Loja Loving Mom

20% de desconto em tudo ;) H&M, Girândola, Zara, Mayoral...

Loja asiul

Espreitem e perguntem! Não me responsabilizo por danos ou e...

Loja Karina Dias

❤ Espreitem mamãs!*¨`*•..¸♫❤♫.•*¨`*•♪♫ Não me responsabiliz...

Loja MJJulio

Muitas roupinhas e calçado, tudo em excelentes condições e a...

Loja

...KITS FRALDAS REUTILIZAVEIS DE 6 COM 12 INSERTS OU 12 FRAL...

Loja nublada

Não vão à minha lojinha, se não querem cair na tentação de c...

Loja raika

Descida estrondosa nos preços....

Loja Liliya

Novidades já chegaram! Por favor, enviem MP!...

Loja Justiceira

Fiquem atentas às novidades. Tudo a preço mini(€)...

Loja pipoquinha2006

Novidades! Tudo em excelente estado e com oferta de portes ...

produtos à venda

€0.00
€2.00
€2.00
€2.00
€2.50
€1.50
€2.00
€2.50
€2.00
€5.00
€3.50
€2.50

artigos relacionados

Perguntas que deve fazer antes de conhecer a criança que vai adotar

Ao contrário de um filho biológico, uma criança adotada já tem...

Água essencial para a saúde do bebé e da criança

O principal constituinte do nosso corpo é a água, representando...

Começar a introduzir sólidos na alimentação do bebé

Se tem dúvidas relativamente a quando, como, que quantidade,...

Dia da Criança: ideias para celebrar este dia com o seu bebé

O dia da criança é um dia muito especial – tanto para os miúdos...

Nasceu um bebé

...
24.05.2017
25.04.2017
18.04.2017
03.04.2017

Votação

Quanto gastou ou pretende gastar no carrinho de bebé?

Está aqui

Como lidar com as birras alimentares do seu filho?

Quem tem filhos sabe que, a partir de determinada idade, surgem as birras alimentares. Estas podem aparecer muito cedo, na altura das papinhas ou das sopas e desenvolverem-se ao longo da infância. Não é fácil lidar com as birras dos mais pequenos, incluindo as ligadas à alimentação, mas com um pouco de paciência e atenção poderá contorná-las e educar a criança a alimentar-se corretamente, mesmo quando algum alimento não desperta a sua atenção e preferência. Fique a conhecer algumas das birras mais populares das crianças no que diz respeito à alimentação, bem como algumas dicas para lidar com as mesmas de modo a que a criança seja educada para se alimentar devidamente.

A papinha

A rejeição de papinhas poderá surgir desde muito cedo. O bebé poderá desenvolver preferências em relação ao sabor, pondo de parte ou rejeitando papas que não correspondem à sua preferência. Por vezes, basta que a papa seja de marca diferente da que é habitual para que os bebés a rejeitem. A solução passa por insistir, tendo em consideração que o bebé deverá ter uma alimentação equilibrada e adequada à sua idade.

A sopa

A sopa poderá surgir como problema desde cedo e arrastar-se por largos anos. Seja devido à textura, à consistência ou aos ingredientes, muitas crianças recusam a sopa que lhes é apresentada. Quando começar a introduzir sólidos na alimentação do bebé, é importante que eduque a criança para a ingestão de sopas saudáveis e equilibradas, para que a rejeição não permaneça durante toda a infância ou até à idade adulta. Assim sendo, varie nos ingredientes e conheça as preferências do seu filho, mas não se esqueça de que a sopa também deverá ser equilibrada de acordo com as recomendações do pediatra ou de um nutricionista.

Os vegetais

Todas as crianças, ou quase todas, veem os vegetais como inimigos altamente dispensáveis. De modo a que as crianças não façam birras desnecessárias será necessário que se mantenha muita paciência e disciplina. É bom que habitue os seus filhos a comer vegetais - pelo menos como acompanhamento - para que mais tarde não surjam birras. De nada serve obrigar a criança a comer contra vontade, deverá levá-la a ganhar gosto pelo paladar de alguns vegetais e jogar com aqueles dos quais a criança gosta mais, inserindo os restantes pouco a pouco.

Os doces

A maioria das crianças tem a tendência para preferir doces ou sobremesas às refeições. O consumo destes alimentos deverá ser altamente controlado antes que seja tarde demais. A criança poderá fazer birra quando não lhe é fornecido o doce que tanto quer, no entanto, poderá contornar o problema tratando estes alimentos como recompensas por bons comportamentos, educação e alimentação equilibrada. Controle a gulodice antes que surjam problemas graves de saúde.

Os salgados

Sejam batatas fritas de pacote ou pretzels, as crianças também tendem a pedir produtos salgados. Mais uma vez, este comportamento deverá ser controlado para que não haja birras desnecessárias. Faça com que a criança compreenda que este tipo de alimento não é adequado a qualquer situação e que o seu consumo deverá ser reduzido e controlado.

As gorduras

As crianças poderão ter queda para fritos, como as batatas, mas deverão ser devidamente informadas dos riscos adjacentes ao consumo excessivo deste tipo de alimentos para a saúde, de modo a impedir que surjam birras na hora de preparar uma refeição.

A fast food

Embora se conheça os perigos deste tipo de alimentos, sendo estes até ensinados na escola, muitas crianças desenvolvem preferências ou mesmo dependências de comida rápida. Cabe aos pais ou tutores controlar estes ímpetos e, em caso de birra, optar pelas versões saudáveis da chamada comida de plástico.

É praticamente inevitável que a sua criança crie hábitos e manias alimentares que poderão resultar em birras, mas tal como referido acima, com uma boa dose de educação, paciência e carinho, será mais fácil controlar as ditas birras e levar a criança a criar melhores hábitos alimentares.